A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Responsabilidade Social: desafios e oportunidades na ISO 2600 Aula 4 Prof: Renata de Oliveira Silva.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Responsabilidade Social: desafios e oportunidades na ISO 2600 Aula 4 Prof: Renata de Oliveira Silva."— Transcrição da apresentação:

1 Responsabilidade Social: desafios e oportunidades na ISO 2600 Aula 4 Prof: Renata de Oliveira Silva

2 Respeito às diferenças culturais, sociais e geográficas, desde que não entrem em conflito com acordos internacionais; INTRODUÇÃO A norma não deve ser utilizada como barreira não-tarifária e não substitui as obrigações legais da organização; Expectativa de que as organizações tenham práticas de RS além das estipuladas na norma; Processo multistakeholder de construção da norma.

3 Fonte das fotos e figuras: Integração e implementação da RS na organização e em sua esfera de influência; Identificação e engajamento de stakeholders; Esclarecimento da relação entre princípios de RS e estruturas de governança organizacional; Explicitação da contribuição da organização para o desenvolvimento sustentável. ESCOPO

4 Responsabilidade Social: Ações de uma organização para assumir a responsabilidade pelos impactos de suas atividades sobre a sociedade e o meio ambiente, onde estas ações: -são consistentes com os interesses da sociedade e do desenvolvimento sustentável; -são baseadas no comportamento ético, conformidade com a lei e instrumentos intergovernamentais; e -são integradas às atividades regulares da organização. Itens relevantes não incluídos na definição RS (estarão na seção Contexto) Filantropia; Cadeia de suprimentos/Cadeia de valor; Accountability; Comunicação/Engajamento com stakeholders; Transparência; Governança; Comprometimento da Liderança. TERMOS E DEFINIÇÕES Uma seção da Norma trará a definição dos termos mais relevantes e/ou polêmicos

5 CONTEXTO Governança Global Globalização Perspectiva dos stakeholders Questões trabalhistas, terceirização e cadeia de valor Saúde Desenvolvimento Sustentável Mudanças Climáticas Governança organizacional Fonte das fotos e figuras:

6 Como se definem as responsabilidades sociais A justificativa para a RS A relação com a lei e o papel do Estado O conceito de stakeholders Fonte das fotos e figuras: CONTEXTO

7 Serão de três tipos: Gerais: tem como foco os valores, e visam explicitar a inspiração maior da RS: p.ex: Respeito à lei; Respeito aos Direitos Humanos; Substantivos: tem como foco os resultados, e visam garantir um o quê: p.ex. Promover a diversidade, combater o trabalho infantil, preservar os recursos naturais... Operacionais: temo como foco os processos e visam garantir um como: p.ex. Participação, Accountability (responsividade), Transparência, Materialidade, entre outros. PRINCÍPIOS

8 Evitar: que seja apenas mais um selo que seja uma receita de bolo (deve ser um novo processo de gestão da relação das organizações com a sociedade e o meio ambiente) a sufocação" de iniciativas já existentes na área de RS a monopolização" do processo de disseminação da RS pela ISO É um processo político, para a definição de um documento técnico, que terá efeitos técnicos e políticos na gestão das organizações. Há 3 tendências, que se misturam e variam conforme o tema: Garantir a realização plena do potencial transformador da Norma TransformadoraUtilitáriaReativa

9 Os documentos estão disponíveis no GAO em: (na seção links, tem o item ISO)


Carregar ppt "Responsabilidade Social: desafios e oportunidades na ISO 2600 Aula 4 Prof: Renata de Oliveira Silva."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google