A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

APIMEC-SUL Maio de 2007. Histórico 1940 1953 1980 1990 1992 2000 2002 2003 2005 2005/06 2006 Atividades de panificação e fabricação de biscoitos por Manuel.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "APIMEC-SUL Maio de 2007. Histórico 1940 1953 1980 1990 1992 2000 2002 2003 2005 2005/06 2006 Atividades de panificação e fabricação de biscoitos por Manuel."— Transcrição da apresentação:

1 APIMEC-SUL Maio de 2007

2 Histórico / Atividades de panificação e fabricação de biscoitos por Manuel Dias Branco Foco na produção industrial e no comércio de biscoitos e massas na Fábrica Fortaleza a partir de diretrizes do Sr. Francisco Ivens de Sá Dias Branco Início das atividades nas atuais instalações da Fábrica Fortaleza (Ceará) Desregulamentação do setor de trigo no Brasil Inauguração do primeiro moinho de trigo, Moinho Dias Branco (Ceará), iniciando processo de verticalização Inauguração do Grande Moinho Potiguar (produção de farinha, farelo de trigo e massas – Rio Grande do Norte) Inauguração da Divisão G.M.E. (Ceará), unidade produtora de gorduras, margarinas e cremes vegetais, avançando mais um estágio na verticalização do processo produtivo Liderança do mercado nacional de massas e biscoitos Aquisição do controle acionário da Adria, tradicional fabricante de massas e biscoitos líder nas regiões Sudeste e Sul (3 fábricas em São Paulo e 1 fábrica no Rio Grande do Sul) Inauguração do Grande Moinho Aratu (inicialmente farinha e farelo de trigo – Bahia) Inauguração do Grande Moinho Tambaú (farinha, farelo de trigo e massas – Paraíba) Início da produção de biscoitos e massas no Grande Moinho Aratu Abertura de Capital no Novo Mercado 50 anos 16 anos

3 Destaques Líder no Mercado Brasileiro de Biscoitos Entre as três maiores empresas de moagem de trigo no País Processo produtivo verticalizado Ampla linha de produtos 10 unidades fabris no Brasil – tecnologia no estado-da-arte 1º Líder no Mercado Brasileiro de Massas Distribuição nacional Elevado potencial de crescimento orgânico a custo marginal de expansão

4 M.Dias Branco - Fundamentos Disciplina de Capital Tecnologia no estado-da-arte Marketing e Distribuição Crescimento

5 Composição Acionária Antes e Depois da Oferta Dibra Fundo de Investimento em Participações 84,25% 15,74% Francisco Ivens de Sá Dias Branco 99,82% 0,01% 100,00% 17,04% Dibra Fundo de Investimento em Participações 67,21% 15,74% Francisco Ivens de Sá Dias Branco 99,82% 0,01% Outros 100,00% Outros Antes da Oferta Depois da Oferta

6 Apresentação dos Resultados do 1T07

7 Desempenho Setorial

8 Desempenho Setorial - Biscoitos Segmentação de Vendas no Mercado Brasileiro por Região – 1B07 Segmentação de Vendas no Mercado Brasileiro por Produto – 1B07

9 Desempenho Setorial – Massas Segmentação de Vendas no Mercado Brasileiro– Massas Alimentícias – 1B07 11,9 12,4% 16,4% Segmentação de Massas Alimentícias X Massas Instantâneas no Mercado Brasileiro – 1B07 Por Região Por Produto

10 Desempenho Setorial – Farinha de Trigo Consumo de Trigo no Mercado Brasileiro por Segmento – 1T07

11 Preço Médio de Aquisição de jan/06 a mar/07 MDias x Mercado *Fonte:

12 Preço Médio de Aquisição de jan/06 a mar/07 MDias x Mercado *Fonte: Braincorp

13 Destaques Operacionais

14 Fonte: AC Nielsen (Jan - Fev07) Market Share – M. Dias Branco Biscoitos Massas 11,9 12,4% MDIASBCD 16,4% MDIASXYZW A

15 Volume de Vendas Volume Total de Vendas (Mil Toneladas ) BiscoitosMassas Farinha e Farelo Margarinas e Gorduras *O v o lume de diversos não foi incluído no gráfico, por se tratar de valor não representativo, composto de subprodutos (Borra, Ácidos Graxos e Varredura) Abertura do Volume Vendido* (Mil Toneladas)Participação % por Segmento de Produto 1T07*

16 Extensa Base de clientes Baixa dependência de grandes redes Forte presença no pequeno varejo e em supermercados pequenos Base de Clientes Mix de Clientes 1T07 Participação dos Clientes no Faturamento Receita Pulverizada 50 maiores clientes são responsáveis por apenas 35,9% do faturamento

17 Nível de Capacidade de Produção 1T06x1T07 Destino da Produção Consumo da Companhia Capacidade Produtiva Verticalização

18 Destaques Financeiros

19 Receita Bruta CAGR = 5,1 % 19,9 % Receita Bruta (R$ MM) Receita Bruta Detalhada 1T07* *O volume de diversos não foi incluído no gráfico, por se tratar de valor não representativo, composto de subprodutos (Borra, Ácidos Graxos e Varredura) Vendas por Região (% da Receita Bruto – 1T07)

20 Receita - Biscoitos / Massas

21 Receita - Farinha de Trigo/Margarinas

22 Receita Líquida Receita Líquida (R$MM) 2005 e 2006 Receita Líquida (R$MM) 1T06 e 1T , , ,8 % 9,2 %

23 EBITDA e Lucro Líquido EBITDA e Margem EBITDA Lucro Líquido e Margem Líquida 0,0 50,0 100,0 150,0 200,0 250,0 300,0 7,0% 62,0%

24 Endividamento Dívida Líquida (R$MM) 1T06 e 1T07 Dívida Líquida por EBITDA (R$MM) 1T06 e 1T07 -26,6% -38 p.p

25 Evolução Preço da Ação

26 Governança Corporativa Novidades do 1T07: Criação do Comite de Auditoria em Março/2007 Nova Composição do conselho de administração

27 M.Dias Branco: ações para crescimento Aberta a aquisições Baixa necessidade de investimentos Política de dividendos Controle de custos Flexibilidade de produção Disponibilidade para expansão Novo Moinho no Sul/Sudeste Integração do back-office da Adria Diversificação da base de clientes Cross selling Novos produtos Rede de distribuição no Sul/Sudeste Expansão da Liderança de Mercado Marketing & Distribuição Disciplina de Capital Tecnologia no estado da arte

28 Contatos: Geraldo Luciano Mattos Vice Presidente de Investimentos e Controladoria e Diretor de Relações com Investidores Tel: Álvaro de Paula Diretor Adjunto de Investimentos e Relações com Investidores Tel:


Carregar ppt "APIMEC-SUL Maio de 2007. Histórico 1940 1953 1980 1990 1992 2000 2002 2003 2005 2005/06 2006 Atividades de panificação e fabricação de biscoitos por Manuel."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google