A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Teleconferência de Resultados 1º trimestre de 2012.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Teleconferência de Resultados 1º trimestre de 2012."— Transcrição da apresentação:

1 1 Teleconferência de Resultados 1º trimestre de 2012

2 Retração de 1,8% no consumo em comparação ao 1T11, influenciado principalmente pela classe residencial, em função da menor temperatura no trimestre e da mudança de critério no tratamento de clientes com inadimplência de longa data. Em março/12, índice de perdas não técnicas atingiu 41,3% sobre o mercado faturado de baixa tensão, decorrente principalmente da mudança de critério no tratamento de clientes com inadimplência de longa data. DESEMPENHO OPERACIONAL 2 Crescimento de 4,7% na Receita Líquida (sem receita de construção), que atingiu R$ 1.766,8 milhões em 1T12. Custos de PMSO da Distribuidora com redução de 0,5% no trimestre. EBITDA de R$ 433,8 milhões no 1T12, 0,3% abaixo, com margem de 24,6%. Considerando o efeito dos ativos e passivos regulatórios, o EBITDA seria 16,8% superior ao do 1T11. Lucro Líquido de R$ 140,1 milhões no 1T12, redução de 15,8% em relação ao 1T11. Considerando o efeito dos ativos e passivos regulatórios, o Lucro Líquido seria 12,7% superior ao do 1T11. Destaques Geração de caixa operacional (após pagamento de juros e tributos) de R$ 176,0 milhões no 1T12, superior ao caixa operacional gerado de R$ 10,1 milhões no 1T11. Dívida Líquida de R$ 3.439,2 milhões, com relação Dívida Líquida/EBITDA em 2,8x. RESULTADOS ESTRUTURA DE CAPITAL

3 CONSUMO DE ENERGIA ELÉTRICA¹ MERCADO TOTAL (GWh) 1 Nota: Em razão de preservar a comparabilidade com o mercado homologado pela Aneel no processo de Revisão Tarifária, foi desconsiderada a energia medida dos clientes livres: Valesul, CSN e CSA, tendo em vista a planejada saída desses clientes para a Rede Básica. 3 Consumo de Energia Distribuição -1,8% ,5ºC 26,9ºC 1T11 1T T09 28,3ºC 28,0ºC +3,7% 1T12

4 LIVRE CATIVO RESIDENCIALINDUSTRIALCOMERCIAL OUTROS TOTAL 1T111T12 -1,8% ,7% ,1% ,4% ,6% CONSUMO DE ENERGIA ELÉTRICA (GWh) MERCADO TOTAL Mercado Total 4 1T111T12 1T111T12 1T111T12 1T111T12

5 5 Arrecadação TAXA DE ARRECADAÇÃO 12 MESES TAXA DE ARRECADAÇÃO POR SEGMENTO TRIMESTRE 94,0% 95,0% 92,0% 91,5% 98,9% 99,2% 95,1% 100,6% 1T111T12 97,3% 97,7% Mar/11Mar/12

6 6 Combate às Perdas INCORPORAÇÃO GWh 1T12 1T11 23,1 50,0 -53,8% RECUPERAÇÃO DE ENERGIA GWh 1T12 1T11 14,5 13,0 EVOLUÇÃO DAS PERDAS (12 MESES) 41,6% 41,3% 40,4% 34,7% % Perda Não Técnica/ Mercado BT Perda Não Técnica GWh Perda Técnica GWh % Perda Não Técnica/ Mercado BT - Regulatória ,7% +12,1% Mar/11 Perda Não Técnica GWh Jun/11Dez/11Set/ ,3% Mar/12 Reflete a alteração de critério de tratamento para os clientes inadimplentes de longa data, baseado na Resolução Aneel 414.

7 Receita Líquida RECEITA LÍQUIDA (R$MM) 7 +3,8% 1.834, ,3 Geração 5,5% Distribuição 91,8%** RECEITA LÍQUIDA POR SEGMENTO (1T12)* Comercialização 2,7% * Não considera eliminações ** Não considera Receita de Construção RECEITA LÍQUIDA DISTRIBUIÇÃO (1T12) Comercial 28,5% Industrial 6,4% Outros (Cativo) 11,7% Uso da Rede (TUSD) 8,7% (Livres + Concessionárias) Residencial 44,8% 1T12 1T11 Receita de Construção Receita sem receita de construção 137, , ,8 147,0 +4,7%

8 8 Custos e Despesas Operacionais Gerenciáveis (distribuição): R$ 329,8 (22,9%) Geração e Comercialização: R$ 83,2 (5,8%) Não gerenciáveis (distribuição): R$ 1.026,2 (71,3%) *Não considera eliminações CUSTOS GERENCIÁVEIS DA DISTRIBUIDORA (R$MM) R$ MM1T111T12Var % PMSO168,5167,6-0,5% Provisões60,386,543,5% PDD 64,461,6-4,2% Contingências -4,024,9 - Depreciação75,975,7-0,2% Total304,7329,88,2% CUSTOS (R$MM) 1T12 1T11 1T12 304,7 329,8 +8,2%

9 EBITDA EBITDA CONSOLIDADO (R$MM) 9 EBITDA POR ATIVIDADE* 1T12 Geração 16,9% (Margem EBITDA: 75,6%) Comercialização 0,9% (Margem EBITDA: 7,8%) Distribuição 82,2% (Margem EBITDA: 22,1%) *Não considera eliminações 433,8 434,9 -0,3% 1T111T12

10 10 Lucro Líquido 1T111T12EBITDAResultado Financeiro ImpostosOutros (1) (31) 8 (2) LUCRO LÍQUIDO 1T12/1T11

11 11 Prazo médio: 3,9 anos AMORTIZAÇÃO* (R$ MILHÕES) Endividamento Custo Nominal Custo Real Mar/12Mar/ , ,2 EVOLUÇÃO DÍVIDA LÍQUIDA 1,3 2,8 * Inclui Hedge * Somente principal EVOLUÇÃO DO CUSTO DA DÍVIDA US$/Euro 0,7%* CDI/Selic 71,7% TJLP 27,6% ,91% 10,15% 5,30% 9,84% 4,88% 11,08% 4,51% 11,01% Mar/12 Divída líquida/ EBITDA

12 Investimentos 12 INVESTIMENTOS (R$MM) 1T12 +32,5% ,8 546,7 928,6 INVESTIMENTOS (R$MM) 700, T121T11 142,9 148,2 -3,6% Projetos de Geração 0,1 Melhoria da Qualidade 28,1 Manutenção da Geração 3,4 Outros 15,9 Desenv. Sistema de Distribuição 58,1 Combate às Perdas 37,3 Investimentos em Ativos Elétricos (Distribuição) 124,1 24,1 125,4 17,5 453,8 92,9 446,9 116,9 518,8 181,8 758,7 169,9

13 13 Aviso Importante Esta apresentação pode incluir declarações que representem expectativas sobre eventos ou resultados futuros de acordo com a regulamentação de valores mobiliários brasileira e internacional. Essas declarações estão baseadas em certas suposições e análises feitas pela Companhia de acordo com a sua experiência e o ambiente econômico e nas condições de mercado e nos eventos futuros esperados, muitos dos quais estão fora do controle da Companhia. Fatores importantes que podem levar a diferenças significativas entre os resultados reais e as declarações de expectativas sobre eventos ou resultados futuros incluem a estratégia de negócios da Companhia, as condições econômicas brasileira e internacional, tecnologia, estratégia financeira, desenvolvimentos da indústria de serviços públicos, condições hidrológicas, condições do mercado financeiro, incerteza a respeito dos resultados de suas operações futuras, planos, objetivos, expectativas e intenções, entre outros. Em razão desses fatores, os resultados reais da Companhia podem diferir significativamente daqueles indicados ou implícitos nas declarações de expectativas sobre eventos ou resultados futuros. As informações e opiniões aqui contidas não devem ser entendidas como recomendação a potenciais investidores e nenhuma decisão de investimento deve se basear na veracidade, atualidade ou completude dessas informações ou opiniões. Nenhum dos assessores da Companhia ou partes a eles relacionadas ou seus representantes terá qualquer responsabilidade por quaisquer perdas que possam decorrer da utilização ou do conteúdo desta apresentação. Este material inclui declarações sobre eventos futuros sujeitas a riscos e incertezas, as quais baseiam-se nas atuais expectativas e projeções sobre eventos futuros e tendências que podem afetar os negócios da Companhia. Essas declarações incluem projeções de crescimento econômico e demanda e fornecimento de energia, além de informações sobre posição competitiva, ambiente regulatório, potenciais oportunidades de crescimento e outros assuntos. Inúmeros fatores podem afetar adversamente as estimativas e suposições nas quais essas declarações se baseiam.


Carregar ppt "1 Teleconferência de Resultados 1º trimestre de 2012."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google