A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Construção civil: desempenho e perspectivas 14/3/2011.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Construção civil: desempenho e perspectivas 14/3/2011."— Transcrição da apresentação:

1 Construção civil: desempenho e perspectivas 14/3/2011

2 Construção civil: desempenho e perspectivas PIB da construção % Fonte: IBGE - Contas Nacionais, deflacionado pelo INCC; 2011 projeção FGV Entre 2006 e 2010, o PIB da construção apresentou crescimento de 83% em valores correntes, o que representou aumento de 32% acima dos custos setoriais

3 Construção civil: desempenho e perspectivas Empregos com carteira na construção em dezembro Fonte: MTE, SindusCon-SP/FGV O número de empregados formais aumentou 55% No setor, a taxa de desocupação caiu de 5,5% para 2,9% Nesse cenário de pleno emprego, é preciso elevar a produtividade para atender ao aumento da demanda.

4 Construção civil: desempenho e perspectivas Produtividade na indústria de transformação * Fonte: IEDI (*) PF: taxa de variação da produtividade na indústria obtida pela divisão da produção física por horas pagas A produtividade cresceu 6,1% em 2010 contra uma retração de 2,2% em Mas ao longo de 2010, a taxa caiu significativamente, indicando que em 2011 ela deverá ser menor.

5 Construção civil: desempenho e perspectivas Desafios Elevar o crescimento da produtividade média na construção, de 1% ao ano, para 3% ao ano. Aumentar o investimento na economia para incrementar a produtividade.

6 Construção civil: desempenho e perspectivas Taxa de investimento % do PIB Fonte: IBGE

7 Construção civil: desempenho e perspectivas Agenda para elevar a produtividade Para o Brasil elevar seu PIB potencial, isto é, sua capacidade máxima de crescimento sem gerar inflação, tem que elevar sistematicamente a produtividade e a taxa de investimento. Equiparar juros, taxa de câmbio e inflação aos patamares da economia mundial Estimular a adoção de novas tecnologias Novas fontes de financiamento, para garantir os investimentos Redução da carga tributária, para desonerar a produção

8 Construção civil: desempenho e perspectivas Agenda para elevar a produtividade Aprimorar o ambiente de negócios e investimento Aperfeiçoamento da burocracia, combatendo excessos Maior agilidade do Judiciário Maior integração entre órgãos e esferas de governo Eliminação do excesso de leis e regramentos Investir na formação de capital humano Mais investimento em educação Parcerias público-privadas para qualificação da mão de obra

9 Construção civil: desempenho e perspectivas Perspectivas Forte crescimento do número de famílias A taxa de crescimento do número de famílias, será quase três vezes o ritmo de expansão demográfica Para atender às necessidades das novas famílias, eliminar a precariedade e reduzir a coabitação, será necessário construir 23,5 milhões de moradias entre 2010 e 2022 Crescimento de 6,1% ao ano do PIB da construção A ocupação da construção crescerá ao ritmo de 3,1% ao ano

10 Construção civil: desempenho e perspectivas Muito obrigado! Eduardo Zaidan Diretor de Economia do SindusCon-SP


Carregar ppt "Construção civil: desempenho e perspectivas 14/3/2011."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google