A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ANESTESIA VENOSA 2. MODELO FARMACOCINÉTICO TRICOMPARTIMENTAL ANESTÉSICOS VENOSOS PROCESSO DE DISTRIBUIÇÃO, REDISTRIBUIÇÃO E ELIMINAÇÃO DISTRIBUIÇÃO E.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ANESTESIA VENOSA 2. MODELO FARMACOCINÉTICO TRICOMPARTIMENTAL ANESTÉSICOS VENOSOS PROCESSO DE DISTRIBUIÇÃO, REDISTRIBUIÇÃO E ELIMINAÇÃO DISTRIBUIÇÃO E."— Transcrição da apresentação:

1 ANESTESIA VENOSA 2

2 MODELO FARMACOCINÉTICO TRICOMPARTIMENTAL ANESTÉSICOS VENOSOS PROCESSO DE DISTRIBUIÇÃO, REDISTRIBUIÇÃO E ELIMINAÇÃO DISTRIBUIÇÃO E REDISTRIBUIÇÃO ELIMINAÇÃO VELOCIDADE DE ACESSO AO SÍTIO EFETOR V1V1 V2V2 V3V3 Keo METABOLISMO

3 Keo CONSTANTE DE VELOCIDADE DE EQUILÍBRIO ENTRE AS CONCENTRAÇÕES DO PLASMA E DA BIOFASE t½Keo TEMPO PARA QUE OCORRA A METADE DO FENÔMENO DE EQUILÍBRIO, SE A CONCENTRAÇÃO PLASMÁTICA FOR MANTIDA CONSTANTE t½Keo x 4 TEMPO DE EQUILÍBRIO ENTRE AS CONCENTRAÇÕES PLASMÁTICA E NA BIOFASE (PICO DE AÇÃO MÁXIMA)

4 TEMPO DECORRIDO (min) CONCENTRAÇÃO PLASMÁTICA DE FENTANIL (ng.mL­¹) Efeito compartimental Histerese Plasma INFUSÃO ALVO-CONTROLADA DE FENTANIL Simulação da elevação da concentração de fentanil no sítio efetor durante uma infusão alvo-controlada, mantendo-se a concentração plasmática constante T.E. = 4 x t½Keo

5 t½Keo e tempo do pico máximo de efeito após dose em bolus Fármaco Píco máximo t½ Keo de efeito (min) Fentanil3,64,7 Alfentanil1,40,9 Sufentanil5,63,0 Remifentanil1,51,0 Propofol2,22,4 Tiopental1,71,5 Midazolam2,84,0 Etomidato2,01,5

6 Relação entre a concentração no plasma e no sítio efetor de opióides após a injeção em bolus FENTANIL ALFENTANIL SUFENTANIL % da concentração no plasma Minutos após a administração em bolus Concentração no plasma Concentração no sítio efetor

7 CONCENTRAÇÃO DE OPIÓIDE NO SÍTIO EFETOR APÓS ADMINISTRAÇÃO DA DOSE EM BOLUS SIMULAÇÃO EM MODELO FARMACOCINÉTICO Minutos após infusão em bolus Concentração efetiva máxima (%) Procedimento Sufentanil Fentanil Alfentanil Remifentanil

8 MEIA-VIDA CONTEXTO-DEPENDENTE CONCEITO TEMPO PARA QUE A CONCENTRAÇÃO PLASMÁTICA DE UMA DROGA DIMINUA EM 50%, APÓS O TÉRMINO DA INFUSÃO. HUGHES 1992 TEMPO DE RECUPERAÇÃO DE DROGAS ADMINISTRADAS EM INFUSÃO-CONTÍNUA

9 MEIA-VIDA DE ELIMINAÇÃO MEIA-VIDA CONTEXTO-DEPENDENTE RESULTA DO CÁLCULO VARIÁVEL β VARIÁVEL π VARIÁVEL α VARIÁVEL β TEMPO DE RECUPERAÇÃO DE DROGAS ADMINISTRADAS EM BOLUS TEMPO DE RECUPERAÇÃO DE DROGAS ADMINISTRADAS EM INFUSÃO CONTÍNUA FARMACOCINÉTICA

10 Modelo farmacocinético: comparação entre a meia-vida contexto- dependente e a meia-vida de eliminação dos anestésicos venosos durante diversos períodos de tempo de infusão. (t½β) Alfentanil Midazolam Propofol Tiopental Fentanil Meia-vida contexto-dependente (min) Meia-vida de eliminação Duração da infusão m

11 FENTANILSUFENTANILALFENTANILREMIFENTANIL pK a 8,48,06,57,3 % Não ionizada (pH 7,4) 8, % Ligação Protêica Clearance (mL.min­¹) Volume deDistribuição (Vd) ½ Vida de Eliminação- t½ β (horas) 3,1-6,62,2-4,61,4-1,50,17-0,33 ½ Vida Contexto/ Dependente (min)* FARMACOLOGIA DOS AGONISTAS OPIÓIDES *Tempo de infusão 4 horas

12 MEIA-VIDA CONTEXTO DEPENDENTE

13 MEIA-VIDA CONTEXTO-DEPENDENTE EM FUNÇÃO DO TEMPO DE INFUSÃO DE SEIS ANESTÉSICOS VENOSOS ADAPTADA DE HUGHES E COL., 1992 Duração da infusão (h) Meia-vida contexto-dependente (min)

14 MEIA-VIDA SENSÍVEL AO CONTEXTO FENTANIL, ALFENTANIL, SUFENTANIL E REMIFENTANIL Fentanil Alfentanil Sufentanil Remifentanil ½ Vida Sensível ao Contexto (min) Duração da Infusão (min)

15 MEIA-VIDA CONTEXTO-DEPENDENTE TEMPO DE RECUPERAÇÃO É DETERMINADO PELO TEMPO DE INFUSÃO: TODOS AGENTES VENOSOS COM EXCEÇÃO DO REMIFENTANIL MEIA-VIDA CONTEXTO-INDEPENDENTE TEMPO DE RECUPERAÇÃO É SEMPRE O MESMO, INDEPENDENTE DA DOSE E DO TEMPO NO QUAL FOI ADMINISTRADO: REMIFENTANIL AGENTES VENOSOS INFUSÃO CONTÍNUA

16 FARMACOCINÉTICA DOS OPIÓIDES Espaço de tempo contexto-dependente 20%: superficialização da anestesia 50%: meia-vida contexto-dependente 80%: despertar da anestesia Minutos após o início da infusão Minutos necessários para diminuição do percentual da concentração no sítio efetor

17 OPIÓIDES IDEAL PARA I.C.: RÁPIDO INÍCIO E TÉRMINO DE AÇÃO METABOLISMO: HIDRÓLISE POR ESTERASES INESPECÍFICAS PLASMÁTICAS E TISSULARES NÃO SE ACUMULA NO ORGANISMO MESMO APÓS LONGOS PERÍODOS DE INFUSÃO CONTÍNUA REMIFENTANIL DISTRIBUIÇÃO E ACÚMULO NOS COMPARTIMENTOS 2 (MÚSCULOS) E 3 (GORDURAS), DURANTE I.C. APÓS I.C., SUA REDISTRIBUIÇÃO PARA O C.CENTRAL PODE RESULTAR EM EFEITOS ADVERSOS USO RESTRITO EM I.C. PROLONGADA FENTANIL, SUFENTANIL E ALFENTANIL

18 TÉCNICAS DE ANESTESIA VENOSA ANESTESIA INTRAVENOSA TOTAL ANESTESIA INTRAVENOSA BALANCEADA ANESTESIA BALANCEADA INTRAVENOSA MAIS INALATÓRIA

19 FORMAS DE ADMINISTRAÇÃO DE DROGAS Administração Venosa Bolus Concentração -μg.Kg­¹ μg.ml­¹ ou ng.ml­¹ -mg.Kg­¹ Infusão Contínua efeito -μg.Kg­¹.min­¹ biofase -mg.Kg­¹.h­¹

20 ADMINISTRAÇÃO DAS DROGAS

21 ANESTESIA VENOSA ALVO-CONTROLADA SISTEMA DE INFUSÃO COMPUTADORIZADO QUE APLICA A CONCENTRAÇÃO PLASMÁTICA (ALVO) DETERMINADA PELO ANESTESIOLOGISTA, DURANTE ANESTESIA CLÍNICA CONCENTRAÇÕES PLASMÁTICAS ALVO: μg.mL­¹ PROPOFOL ng.mL­¹ OPIÓIDES

22 PACIENTE IDOSO PACIENTE JOVEM t½ Keo: 2,2 min Vd Compartimento central: 4,3 L t½ Keo: 0,94 min Vd Compartimento central: 5,5 L MESMO QUE OS ALVOS SEJAM IGUAIS, AS INFUSÕES SERÃO DIFERENTES EM PACIENTES JOVENS E IDOSOS INFUSÃO ALVO-CONTROLADA REMIFENTANILEx:

23

24 DOSE ADMINISTRADA / VOLUME DO COMPARTIMENTO Fluxo (F) C. entrada Volume (V) Concentração (C) Fluxo (F) C. saída

25 DADOS FARMACOCINÉTICOS DOS OPIÓIDES t½π (min) t½α (min) t½β (h) VD L.kg­¹ CL. mL.Kg­¹.min­¹ LP (%) MORFINA1,2-2,39-131,7-2,23,2-3, FENTANIL1,4-1, ,1-4,43,2-5, SUFENTANIL1,417,72,72,861392,5 ALFENTANIL1-3,58,2-16,81,2-1,70, REMIFENTANIL0,9-1,960,05-0,140,25-0,2970

26 TEMPO DE EQUILÍBRIO ( Ke 0 ) É O TEMPO DECORRIDO ENTRE A ADMINISTRAÇÃO DO FÁRMACO POR VIA VENOSA E SEU EFEITO TERAPÊUTICO MÁXIMO

27 MEIA-VIDA SENSÍVEL AO CONTEXTO (min)

28


Carregar ppt "ANESTESIA VENOSA 2. MODELO FARMACOCINÉTICO TRICOMPARTIMENTAL ANESTÉSICOS VENOSOS PROCESSO DE DISTRIBUIÇÃO, REDISTRIBUIÇÃO E ELIMINAÇÃO DISTRIBUIÇÃO E."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google