A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Capitulo 5: Ponto 2. Peregrinos O QUE FOI: Peregrino foi nome dado aos primeiros colonos ingleses, que eram calvinistas, e que se estabeleceram na Nova.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Capitulo 5: Ponto 2. Peregrinos O QUE FOI: Peregrino foi nome dado aos primeiros colonos ingleses, que eram calvinistas, e que se estabeleceram na Nova."— Transcrição da apresentação:

1 Capitulo 5: Ponto 2

2 Peregrinos O QUE FOI: Peregrino foi nome dado aos primeiros colonos ingleses, que eram calvinistas, e que se estabeleceram na Nova Inglaterra, região que veio a ser o embrião dos Estados Unidos da América, em 1620.

3 Quais foram os motivos: Eles foram pra América do Norte atrás de novas oportunidades, a América para eles representava um lugar de novas possibilidades.

4

5 Relação entre a METROPOLE e as COLONIAS: Possuía um sistema de regras e relações que era chamada de PACTO COLONIA. Dentre as exigências impostas estava o exclusivismo monopólio do comercio colonial elemento fundamental para definir as relações metrópole-colonia Este pacto garantia a exclusividade dos colonizadores sobre todas as riquezas encontradas e produzidas nas colônias. Na América do norte se desenvolveu outro tipo de colonização de exploração que era a do POVOAMENTO, conflitos facilitaram a imigração dos ingleses para a região norte do no continente Se formaram 13 colônias que produziam para a metrópole, mas não era exclusiva, havia o consumo interno estimulado pelos trabalhadores livres

6 Colônias de povoamento As colônias de povoamento são, geralmente, terras utilizadas para moradia e subsistências dos colonizadores. São, basicamente, nações descobertas e desenvolvidas com o povoamento. Este modelo de colonização foi aplicado no Norte e Centro das Treze Colônias Britânicas e em outros países como Canadá, Nova Zelândia e Austrália.

7

8 Minifúndio O minifúndio é a propriedade fundiária de dimensão mínima, em função de vários fatores: a situação regional, a destinação econômica e a produtividade. Não se pode confundir pequenas propriedades com produção pequena. Com técnicas avançadas, alguns minifundiários auferem bons lucros ao aproveitar ao máximo o espaço resumido, através do plantio de hortaliças, apicultura, criação de aves, piscicultura, fruticultura e qualquer atividade que dependa de pouco espaço e muita mão-de-obra.

9 Latifúndio: Na antiguidade, era o grande domínio privado da aristocracia, já no sentido moderno, é um regime de propriedade agrária caracterizado pela concentração desequilibrada de terras pertencentes a poucos proprietários com ou sem aproveitamento físico destas. Ou seja, os latifúndios são extensas propriedades rurais onde existe uma grande proporção de terras cultivadas ou não e são exploradas com tecnologia obsoleta e de baixa produtividade com mão-de-obra de baixo custo.

10 Colônia de Exploração Com a entrada dos Europeus na América, dois processos de colonização foram desencadeados. O primeiro foi chamado de colônia de povoamento, onde o objetivo era desenvolver a terra com habitação, criando formas de comércio e ampliando as estruturas básicas da colônia (criação de escolas, hospitais, etc). O segundo caso são as colônias de exploração, nas quais a metrópole tem como interesse apenas explorar os recursos naturais da colônia para enriquecer e levar todo lucro a seu país de origem. Neste caso não há preocupação com a terra colonizada.

11

12 Guerra dos 7 anos Conflito entre Inglaterra e França, de 1756 a 1763, que se alastra do território norte- americano ao continente europeu. Sua origem está na rivalidade econômica e colonial franco-inglesa nos EUA e na Índia e na ocupação dos estados franceses da Terra-nova e Nova Escócia, no norte da América, por colonos britânicos instalados na costa nordeste.

13


Carregar ppt "Capitulo 5: Ponto 2. Peregrinos O QUE FOI: Peregrino foi nome dado aos primeiros colonos ingleses, que eram calvinistas, e que se estabeleceram na Nova."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google