A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Critério 5 – Informações e Conhecimento

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Critério 5 – Informações e Conhecimento"— Transcrição da apresentação:

1 Critério 5 – Informações e Conhecimento
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear Critério 5 – Informações e Conhecimento

2 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear
Governo Federal Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN) Estabelece normas e regulamentos, licencia, fiscaliza e controla a atividade nuclear no Brasil e realiza pesquisas (Institutos) utilizando técnicas nucleares e correlatas Autarquia Federal (www.cnen.gov.br) Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear (CDTN) Instituto de Pesquisa Área Nuclear (P&D – P&S&I - Ensino) Segurança Nuclear e Radiológica; Tecnologia Nuclear; Materiais; Meio Ambiente e Saúde Autarquia Federal (www.cdtn.br)

3 CDTN Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear
Áreas Técnicas - Finalísticas Segurança Nuclear e Radiológica Tecnologia Nuclear Materiais Meio Ambiente Saúde P&D Pesquisa e Desenvolvimento CDTN PS&I Prestação de Serviços Inovação SAC Gestão Institucional Conselho de Gestão e Estratégia -CGE Planejamento Estratégico Comunicação Ensino Pós-Graduação Cursos UIB Apoio Administrativo Compras, Financeira, COF, Almoxarifado, Patrimônio, Serviços Gerais, Engenharia Recursos Humanos Tecnologia da Informação

4 Critério 5 - Informações e Conhecimento
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear Critério 5 - Informações e Conhecimento Informações da Organização Informações Comparativas Ativos Intangíveis *Rumo à Excelência 2007

5 5.1 - Informações da Organização
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear Critério 5 - Informações e Conhecimento 5.1 - Informações da Organização 5

6 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Informações da Organização 5.1.a – Como são identificadas as necessidades de informações e definidos os sistemas de informação para apoiar as operações diárias e a tomada de decisão em todos os níveis e áreas da organização? Acompanhamento dos indicadores estratégicos e análise global do desempenho CGE – Conselho de Gestão e Estratégia Acompanhamento dos indicadores táticos e operacionais Área Finalística e Área Administrativa Alinhamento e Formulação do Planejamento do CDTN PPA – Governo Federal Plano de Trabalho – CNEN Câmaras Setoriais CDTN Análise e Avaliação de Projetos/Atividades Tratamento P/A no SIGERE – Sistema Integrado de Informações Gerenciais (integração dos processos de planejamento e de execução orçamentária e financeira) 6

7 Informações e Conhecimento - Informações da Organização
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Informações e Conhecimento - Informações da Organização 5.1.a – Como são identificadas as necessidades de informações e definidos os sistemas de informação para apoiar as operações diárias e a tomada de decisão em todos os níveis e áreas da organização? Participação em grupos de trabalhos, câmaras setoriais, fóruns e comitês no Centro e na Mantenedora. Participação e treinamento nos processos da ABIPTI, PNQ e PMQ, dentre outros Serviço de TI - execução e gerência de processos de desenvolvimento e manutenção de sistemas de informação e sites (desde 1999) - Processo Praxis, XDE Rational e Mantis (em substituição ao RMS). Unidade de Informação e Biblioteca - monitoração(serviços de alerta), busca e fornecimento de publicações e demais informações requeridas pelos usuários. Integrante da Rede de Bibliotecas da CNEN (CIN – Centro de Informações Nucleares). Interação permanente entre os usuários do correio eletrônico, contatos por telefone ou pessoalmente, serviços e informações disponibilizados nos sites da Internet e Intranet.

8 Informações e Conhecimento - Informações da Organização
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Informações e Conhecimento - Informações da Organização CIN – Centro de Informações Nucleares O CIN foi criado com a missão de representar o Brasil no International Nuclear Information System - INIS (http://www.iaea.org/inis/database/inis_database.htm). O objetivo deste sistema, estabelecido em 1970 pela International Atomic Energy Agency (IAEA), em colaboração com seus países membros, é a promoção dos usos pacíficos da ciência & tecnologia nuclear pela disseminação da literatura produzida internacionalmente nesta área. A partir da base de dados INIS, o CIN desenvolveu diversos serviços de informação para a comunidade nuclear em todo o País.(Acesso a Base de Dados, Boletins Eletrônicos, Bibliotecas da CNEN, Serviço de Referência Digital, Revistas Eletrônicas Gratuitas, etc.) CIN/CNEN – INIS-BRASIL (http://cin.cnen.gov.br/inis-brasil). CIN/CNEN – (http://www.cnen.gov.br/produtos/cin/inf-tec-cient.asp) Voltar 8

9 Informações e Conhecimento - Informações da Organização
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Informações e Conhecimento - Informações da Organização 5.1.a – Citar os principais sistemas de informação em uso e sua finalidade Sistema Finalidade Desde Manual de Gestão Informações sobre políticas e documentação de processos do sistema de gestão da qualidade. 1993 Faturamento e Cobrança Controle de clientes, serviços, ramos de atividades, ordens de serviço, receitas, guia de recolhimento. 1999 Requisição de Serviços Gerais Informações sobre disponibilização e requisição de veículos, serviços reprográficos, serviços de engenharia, limpeza, mudanças. 2000 Controle de Viagens Informações e controle de programação e realização de viagens. 2001 SGD Sistema Gestor de Desempenho. Requisição de Manutenção de Software - RMS (MANTIS) Informações sobre requisições de serviços de manutenção de sistemas de software e sites. 2002 Sistema Integrado de Informações Gerenciais - SIGERE Manter, integrar e acompanhar os processos de planejamento (gerência de projetos), execução orçamentária e financeira. 2003 Pautas e Relatórios de Reuniões - PAUTAREL Controle da convocação, elaboração de pautas e registro das informações e decisões de reuniões. Informações da Biblioteca Informações e serviços sobre acervo bibliográfico, periódicos e publicações. Sistema Acadêmico de Pós-Graduação Informações para gestão do Curso de Pós- Graduação do Centro, referentes aos alunos, professores, disciplinas, histórico escolar. Sistemas Administrativos (Requisição de Materiais, Patrimônio e Compras) Informações sobre requisições de materiais ao almoxarifado, itens de patrimônio e processo de compras. RH Fácil Consultas e registros de dados de pessoal. Biblioteca Digital de Teses e Dissertações (BDTD/IBICT) Manter a base de dados do IBICT, com informações das dissertações do Curso de Pós-Graduação do CDTN. 2006 Configurador Automático e Coletor de Informações Computacionais - CACIC Informações para gestão do inventário do parque computacional do Centro. Sistemas de Informações (total:63) Aplicações Locais e Corporativas

10 Informações e Conhecimento - Informações da Organização
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Informações e Conhecimento - Informações da Organização 5.1.b – Como as informações necessárias são colocadas à disposição dos usuários? Infra-estrutura da rede de computadores (estações de trabalho, servidores, impressoras, scanners e cabeamento e equipamentos de comunicação de rede – gerador de energia exclusivo para o CPD) Serviço de correio eletrônico. Acesso a sistemas de informação e banco de dados. Acesso à Internet pela RNP2 (Rede Nacional de Ensino e Pesquisa - comunidade de ensino e de pesquisa do Brasil, mais de 200 organizações conectadas), dispondo de facilidades de trânsito nacional e internacional com alta largura de banda e suporte a aplicações avançadas. Acesso livre ao Portal Capes ( Periódicos com textos completos). Portal do Conhecimento Nuclear – Iniciativa do CIN/CNEN para facilitar a localização de informações da área nuclear (publicações; periódicos; notícias; eventos; recursos web; fornecedores, etc.). 10

11 Portal do Conhecimento Nuclear (http://portalnuclear.cnen.gov.br/)
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Informações e Conhecimento - Ativos Intangíveis Portal do Conhecimento Nuclear (http://portalnuclear.cnen.gov.br/) Voltar 11

12 Informações e Conhecimento - Informações da Organização
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Informações e Conhecimento - Informações da Organização 5.1.b – Como as informações necessárias são colocadas à disposição dos usuários? Site Internet CDTN: Retrata os macroprocessos: P&D, P&S e Ensino, incluindo grupos de pesquisa, principais laboratórios e serviços de Biblioteca. Site Intranet CDTN: Disponibiliza informações para os usuários: institucionais; administrativas; canal RH; informações úteis; comunicações internas; serviços da UIB; notícias; sistemas on-line; pós-graduação; manual de gestão. Sites Internet e Intranet (rede privada CNEN) dos demais institutos da Mantenedora . Meios convencionais e Publicações: Divulgadas para a força de trabalho pela estrutura organizacional por meio de reuniões (relatórios PautaRel), circulação de documentos (Sinopse Eletrônica, CDTNoticias e Ponto Informativo)e quadros de avisos. Biblioteca: serviços de empréstimos; acesso a base de dados e periódicos on-line; produção técnico-científica do CDTN, etc. 12

13 Informações e Conhecimento - Informações da Organização
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Informações e Conhecimento - Informações da Organização 5.1.c – Como a segurança das informações é tratada para assegurar sua atualização, confidencialidade, integridade e disponibilidade? Todos os equipamentos da rede são protegidos por softwares de identificação, verificação e eliminação de vírus, sendo o tráfego do correio eletrônico monitorado por um sistema centralizado de detecção de vírus. A arquitetura da rede é segmentada, utilizando dispositivos de segurança para garantir proteção de servidores, serviços e equipamentos de usuários contra acesso indevido. As bases de dados do Centro são mantidas sob uma política estabelecida de criação, armazenamento e utilização de cópias de segurança. Para assegurar a disponibilidade/segurança dos sistemas as atividades de suporte e de aquisição de hardware e software contam com documentos normativos constantemente atualizados no Manual de Gestão. Adoção de ferramentas no desenvolvimento de sistemas de software, que asseguram a atualização tecnológica dos sistemas em uso, além da diversificação na adoção de plataformas de desenvolvimento (proprietária e livre).

14 Critério 5 - Informações e Conhecimento
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear Critério 5 - Informações e Conhecimento 5.2 Informações Comparativas

15 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Informações Comparativas 5.2.a – Como a organização busca informações comparativas pertinentes para avaliar o nível de competitividade dos resultados, melhorar seus processos e produtos e promover a melhoria do seu desempenho? Informações comparativas permitem analisar o desempenho, fixar metas, melhorar produtos, processos e práticas. A metodologia utilizada baseia-se no ciclo PDCL aplicado ao benchmarking (detalhe): 1ª etapa “planejar” - identificação e priorização das informações comparativas externas (clientes, partes interessadas, diretrizes governamentais, mercado, oportunidades e ameaças); 2ª etapa “fazer” - busca das informações e dos referenciais comparativos definidos como de interesse pela Alta Direção; 3ª etapa “avaliar” - análises críticas dos potenciais impactos das informações e de referenciais comparativos obtidos na formulação e revisões dos ciclos do planejamento estratégico e nos métodos e procedimentos de gestão; 4ª etapa “aprendizado” - o CGE internaliza as oportunidades de cunho estratégico identificadas, disseminando para a estrutura as oportunidades de cunho tático e operacional (melhorias e correções nos projetos finalísticos e de apoio).

16 Detalhamento das etapas e mecanismos do benchmarking
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Informações e Conhecimento - Informações Comparativas Detalhamento das etapas e mecanismos do benchmarking Etapas Mecanismos Identificação de organizações externas para benchmarking, objetivando subsidiar a elaboração de cenários e diretrizes/objetivos estratégicos. Comparação de indicadores de desempenho no âmbito do Projeto Excelência na Pesquisa Tecnológica da ABIPTI. Comparação de resultados por meio de intercâmbios com examinadores e organizações participantes e com base na pontuação alcançada nos relatórios de gestão submetidos ao PMQ, PQGF e ABIPTI. Comparação de resultados e de desempenho obtidos na participação em diversos processos e programas de intercomparações laboratoriais. Comparação de práticas de gestão para a excelência por meio da participação em visitas técnicas, missões, seminários e congressos nacionais e internacionais, notadamente no âmbito da AIEA. Comparação de práticas de gestão na área nuclear e correlatas por meio de fóruns de discussão e pesquisas exploratórias via web, bem como no acompanhamento da literatura técnica/gerencial disponibilizada pela Biblioteca. Comparação de indicadores de rotina de processos organizacionais, obtidos por meio da participação nos Fóruns Corporativos de Tecnologia da Informação, Documentação e Informação, Recursos Humanos e Apoio Logístico da Mantenedora. Definição dos referenciais comparativos a partir da Missão, Visão e ciclo vigente do Planejamento Estratégico. Estruturação e priorização das informações e referenciais comparativos (indicadores). Validação das informações e referenciais comparativos no âmbito do CGE, originando o planejamento de benchmarking. Execução do planejamento para obtenção das informações e referenciais comparativos. Análise crítica das informações e referenciais comparativos nos níveis estratégico (CGE), tático (Divisões) e operacionais (Serviços). Internalização das informações e referenciais comparativos no sistema de gestão (inovações, revisões e melhorias no planejamento, nos projetos finalísticos e gerenciais e nos padrões de trabalho documentados no Manual de Gestão). Registro e disseminação dos resultados auferidos nos seminários anuais de avaliação, objetivando a consolidação das melhorias e inovações, bem como o fortalecimento do aprendizado e desenvolvimento dos ativos intangíveis. Voltar 16

17 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Informações Comparativas 5.2.a – Como a organização busca informações comparativas pertinentes para avaliar o nível de competitividade dos resultados, melhorar seus processos e produtos e promover a melhoria do seu desempenho? O Centro, com base em sua participação nos projetos ABIPTI, definiu um grupo representativo de indicadores de desempenho global e respectivas metas previstas. São consideradas como referenciais as instituições congêneres no País (Institutos da Mantenedora e outros participantes da ABIPTI) e no mundo (missões em organizações de países membros da AIEA, instituições e universidades de pesquisa). Programas de comparação interlaboratorial com resultados indicando que os ensaios do CDTN encontram-se em nível similar ao dos referenciais. Na área de TI, os principais referenciais são os Institutos da Mantenedora, fóruns e grupos de discussão, Congressos TI (p.e. CONIP). A UIB tem como referência as unidades de informação de instituições similares nacionais e internacionais, consideradas como centros de excelência. O CDTN pode ser considerado como referência para instituições congêneres, sendo o único instituto brasileiro que possui licença ambiental do IBAMA, atestando práticas ambientais exemplares.

18 Indicadores de desempenho global e respectivas metas previstas
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Informações e Conhecimento - Informações Comparativas Indicadores de desempenho global e respectivas metas previstas Voltar

19 Programas de comparação interlaboratorial
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Informações e Conhecimento - Informações Comparativas Programas de comparação interlaboratorial Instituto de Radioproteção e Dosimetria (IRD/CNEN) Programas de Intercomparação Analítica para a Determinação de Trítio, Carbono 14 e outros Elementos em Água. Agência Brasileiro-Argentina de Controle e Contabilidade de Materiais Nucleares (ABACC) Programas de Análises Destrutivas para Urânio. Comission d’Etablissement dês Méthodes d’Analyse (CETAMA/França) Programa de Avaliação da Qualidade de Resultados de Análise na Indústria Nuclear. New Brunswick Laboratory (NBL/EUA) Programa de Avaliação em Salvaguardas. Laboratório Nacional de Metrologia das Radiações Ionizantes (LNMRI/IRD/CNEN) Programa de Intercomparação de Padrões de Medidas para Radiação Ionizante. Permite acompanhar estado da arte. Redefinição metodológicas e/ou conceituais. Intercâmbios técnicos. Avaliação. Melhorias. - Permite rastreamento e certificação, o que assegura credibilidade de pesquisas e serviços. Voltar

20 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Informações Comparativas 5.2.a – Destacar os critérios utilizados para determinar a pertinência das organizações para efeito de comparação O CGE analisa as informações e referenciais comparativos com base nos seguintes parâmetros: Similaridade de perfil institucional e de práticas de gestão; Aplicabilidade ao sistema de gestão do Centro; Relação benefício / custo; Planejamento prévio de etapas e recursos para adoção do benchmarking obtido; Benefícios e ganhos potenciais com a aplicação do benchmarking.

21 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Informações Comparativas 5.2.b – Como é assegurado o uso efetivo das informações comparativas obtidas no apoio à melhoria dos processos, produtos e resultados? Os referenciais comparativos são utilizados para: evidenciar pontos de melhoria para os processos institucionais reduzir diferenças na vantagem competitiva em relação às organizações congêneres As avaliações do Centro nos Projetos ABIPTI, PMQ e PQGF contém pontos fortes, oportunidades para melhorias para os padrões de trabalho relativos à gestão das informações comparativas, os quais são adotados no planejamento das atividades. Exemplos de utilização dos referenciais comparativos nos processos de tomada de decisões estratégicas e operacionais no Centro, nos últimos anos.

22 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Informações Comparativas 5.2.b – Apresentar as principais inovações e melhorias implementadas em decorrência do uso das informações comparativas Decisão Inovações / Melhorias Implantação do Laboratório de Irradiação Gama Disseminação de competências, ampliação do leque de serviços prestados à sociedade nas áreas de saúde, alimentos, mineral, etc. Criação do Curso de Pós-gradução Disseminação de conhecimento, formação de mestres com qualificação científica e tecnológica para atuar nas áreas de Ciências Exatas, Ciências da Terra, Ciências da Vida e Engenharias.(Conceito 4 – CAPES) Construção do Cíclotron para produção de radiofármacos Implantar Ciclotron/PET no Centro. Produzir/ comercializar radioisótopos de meia-vida curta, visando atendimento à medicina nuclear em MG. Realizar P&D para desenvolvimento de novos radioisótopos. Certificação/Homologação de Laboratórios Três laboratórios avaliados (auditoria interna) e homologados pela RMMG. Revisão da metodologia de planejamento com utilização do Balanced Scorecard - BSC e da Matriz SWOT Revisão da Missão, Visão e dos Valores Organizacionais. Revisão do Manual de Gestão Padronização de informações para a boa gestão do Centro. Reestruturação da análise do ambiente externo. Treinamento de pessoas nos critérios do PMQ e PNQ. Elaboração do Painel de Bordo do Centro com indicadores de resultados e acompanhamento Estabelecimento das perspectivas associadas ao BSC. Fixação de metas, indicadores, fatores críticos de sucesso e desdobramento dos indicadores outcomes e drivers. Novas ferramentas para análises críticas e avaliações de desempenho. Política de capacitação visando ampliar o número de doutores e mestres Maior competitividade com outras instituições de pesquisa na busca por recursos de órgãos de fomento. Aumento do número de publicações e orientações de teses/ dissertações. Ampliação do volume de recursos captados desses órgãos. Padronização de hardware e software adquiridos Facilidades de integração dos sistemas de informação. Melhorias na disponibilidade e qualidade dos serviços de informação. Uso de indicadores comuns para acompanhamento de gastos administrativos. Racionalização e economia na utilização de recursos. Parâmetros atualizados para novas licitações. Compras compartilhadas de materiais diversos pelo sistema de registro de preços. Implantação dos softwares livres CACIC, MANTIS e PLONE Aperfeiçoamento no inventário e controle do parque computacional. Melhorias no atendimento às requisições de manutenções de hardware e software. Facilidade de implementação de sites e atualização de conteúdo. Voltar

23 Critério 5 - Informações e Conhecimento
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear Critério 5 - Informações e Conhecimento 5.3 - Ativos Intangíveis

24 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Ativos Intangíveis 5.3.a – Como os principais ativos intangíveis que geram um diferencial competitivo para a organização são desenvolvidos e protegidos? Canalizado por intermédio de ferramentas implementadas para homogeneizar o conhecimento relativo às informações técnicas, gerenciais e institucionais, objetivando agregar valor aos P&S e aumentar a competitividade da Instituição. No detalhamento do planejamento estratégico do Centro, são identificados os projetos baseados em desenvolvimentos tecnológicos cujas competências deverão ser desenvolvidas. Este processo leva à produção de grande quantidade de informação técnico-científica, contida em publicações como relatórios, trabalhos apresentados em eventos, artigos de periódicos, teses e outros.

25 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Ativos Intangíveis 5.3.a – Como os principais ativos intangíveis que geram um diferencial competitivo para a organização são desenvolvidos e protegidos? Práticas de incentivo ao desenvolvimento do pensamento criativo e inovador: Interação com universidades e pesquisadores externos; Prioridade de investimentos em capacitação tecnológica; Liberdade para proposição e formulação de projetos pelos pesquisadores; Estruturação de grupos de trabalho e de liderança do conhecimento; Repasse dos conhecimentos para a força de trabalho; Elaboração de documentos normativos para o Manual de Gestão, e; Criação do NIT – Núcleo de Inovação Tecnológica. 25

26 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Ativos Intangíveis 5.3.a – Como os principais ativos intangíveis que geram um diferencial competitivo para a organização são desenvolvidos e protegidos? Previsão de mecanismos na Lei de Inovação como bolsa de estímulo e pagamento ao servidor público de adicional variável não-incorporável à remuneração permanente, ambos com recursos captados pela própria atividade. Criação e formalização do NIT – Núcleo de Inovação Tecnológica Resolução CNEN n. 70/ 21 de dezembro de 2007. Voltar Próximo 26

27 RESOLUÇÃO Nº 70, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2007
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Informações e Conhecimento - Ativos Intangíveis RESOLUÇÃO Nº 70, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2007 A COMISSÃO NACIONAL DE ENERGIA NUCLEAR (CNEN), criada pela Lei nº 4.118, de 27 de agosto de 1962, usando das atribuições que lhe confere a Lei nº 6.189, de 16 de dezembro de 1974, com as alterações introduzidas pela Lei nº 7.781, de 17 de junho de 1989 e pelo Decreto nº 5.667, publicado no Diário Oficial da União de 11 de janeiro de 2006, por decisão de sua Comissão Deliberativa, adotada na 587ª Sessão, realizada em 21 de dezembro de 2007, à luz da Lei no 10973/04 e do Decreto no /05, resolve: 1. Estabelecer a seguinte Política de Inovação da CNEN - “Os projetos de pesquisa científica e de desenvolvimento tecnológico da CNEN devem, entre outros objetivos, gerar inovações para atender as demandas do setor nuclear do país bem como de outros setores produtivos de interesse institucional”, que se traduz nos seguintes princípios: a) Apoio e estímulo à construção de ambientes especializados e cooperativos de inovação; b) Estabelecimento de parcerias entre empresas, universidades e institutos científicos e tecnológicos; c) Promoção da proteção da propriedade intelectual e do conhecimento e estímulo à exploração e à transferência de tecnologia; Estímulo à iniciativas empreendedoras e pró-ativas, visando a criação de oportunidades para a inovação; e Alcance de maior visibilidade das competências técnico-científicas disponíveis na CNEN para o ambiente produtivo do país. 2. Aprovar a IN - Sistema de Gestão da Inovação da CNEN em anexo (Processo CNEN nº 1303/2007). Esta Resolução entrará em vigor a partir da data de sua publicação no Diário Oficial da União. (DOU nº 28, de 12/02/ Pág. 3 e 4 - Seção 1) Próximo Voltar 27

28 5.3.a – Apresentar os principais ativos intangíveis da organização
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Informações e Conhecimento - Ativos Intangíveis 5.3.a – Apresentar os principais ativos intangíveis da organização Elementos dos ativos intangíveis do Centro Habilidades , conhecimentos e experiências da força de trabalho Tecnologias e processos empregados Políticas internas Relacionamento com clientes e em especial com o cidadão Áreas de localização dos ativos intangíveis do Centro Engenharia Nuclear - Aplicações das Radiações - Proteção Radiológica e Dosimetria Ciência e Engenharia dos Materiais - Gerência de Rejeitos Radioativos Meio Ambiente - Tecnologia Mineral - Métodos Analíticos Tecnologia da Informação Processo de aprendizagem - incentiva a conversão do conhecimento tácito em explícito, para promover a inovação e/ou o desenvolvimento de novos projetos de P&D, prestação de serviços e ensino.

29 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Ativos Intangíveis 5.3.a – Apresentar os principais ativos intangíveis da organização Descrição Item dos ativos intangíveis Índices de Medição Logomarca do Centro registrada no INPI; lealdade de clientes como Petrobrás, Eletronuclear e INB. Imagem. Fidelidade de clientes. Qualidade em P&S. Valor acrescentado. Cumprimento de prazos (8.2-2) Satisfação geral com o mestrado (8.2-5) Retenção de clientes por contrato (8.2-1) Citações no ISI (8.3-3) Inserções na mídia (8.2-3) Medidos pelo nº de mestres e doutores. Principais projetos e grupos de pesquisas cadastrados na plataforma Lattes, com CV’s dos pesquisadores. Qualificação de pessoas. Grupos de trabalho e de liderança. Concentração da força de trabalho (8.4-2) Capacitação e treinamento (8.4-1) Qualificação da força de trabalho (8.4-3) Dedicação à capacitação (8.4-4) Destaque para o Manual de Propriedade Intelectual, editado pela Mantenedora em 2004, contendo a rotina para execução desse processo. Criação do NIT. Tecnologia de gestão. Produção técnico-científica. Tecnologia e processos desenvolvidos. Publicações em eventos internacionais (8.5-6) Publicações em periódicos internacionais (8.5-3) Avaliação mestrado pela CAPES (conceito 4) Evolução desempenho/critérios PMQ 2003/05/07 Avaliação externa pela ABIPTI 2002/05/07 Processos e técnicas desenvolvidos (8.5-2) Pedidos de registro de patentes no Brasil (8.5-4) Pedidos de registro de propriedade intelectual (8.5-7) Parte considerável do conhecimento está registrada nos Documentos Normativos do Manual de Gestão. Sistemas de gestão. Índice de eficiência orçamentária (8.1-3) Captação de recursos de órgãos de fomento (8.1-1) Eficiência financeira (8.1-2) 29

30 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Ativos Intangíveis 5.3.b – Como o conhecimento associado à expansão dos principais ativos intangíveis é desenvolvido e preservado na organização? Prioridade nas práticas de documentação das tecnologias e processos empregados nos: Documentos normativos do Manual de Gestão (as rotinas técnicas consideradas sigilosas incluídas no Manual de Gestão só podem ser acessadas, na consulta ao sistema, se o usuário detiver grau de permissão previamente definido e concedido); Documentos internos (Nota Interna, Relatório de Viagem, Relatório para Cliente, etc.); Dissertações (BDTD), teses, publicações e artigos para revistas e congressos; dentre outros. Assim, o conhecimento associado à expansão dos ativos intangíveis é, registrado e preservado. Os sistemas de informação, incluindo as bases de dados do Centro são mantidos através de política de criação, armazenamento e utilização de cópias de segurança. Condutas são adotadas para incentivar a aplicação e utilização pragmática dos conhecimentos desenvolvidos e políticas eficazes de conservação e manutenção dos equipamentos e instalações associados à preservação dos ativos intangíveis.

31 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Ativos Intangíveis 5.3.b – Como o conhecimento associado à expansão dos principais ativos intangíveis é desenvolvido e preservado na organização? A Instrução Normativa da Mantenedora “Premiação do Inventor”, além de proteger a Instituição quanto aos valores das tecnologias nela desenvolvidas, estimula o pesquisador a: Buscar o registro de patentes, por meio de incentivos monetários aos direitos autorais pelas invenções; Participar de congressos; Aumentar o número de publicações do Centro; e, Incrementar suas iniciativas em atividades criativas e inovadoras.

32 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Ativos Intangíveis 5.3.b – Como o conhecimento associado à expansão dos principais ativos intangíveis é desenvolvido e preservado na organização? A UIB é responsável pelo armazenamento, recuperação, disseminação e preservação de suas coleções (livros, normas, relatórios, dissertações, teses, periódicos) e base de dados: Descrição bibliográfica e indexação de publicações (bibliografia de periodicidade anual e alimentação em base de dados - que possui cópia de segurança atualizada trimestralmente); O leiaute físico das atividades da Biblioteca permite uma separação de uma área restrita para atender às exigências do acesso restrito à documentação. As informações que requerem proteção são registradas em publicações de caráter interno, sendo, portanto, salvaguardadas. Projeto Memória do CDTN - Sistema de Informação multimídia para a recuperação e conservação de documentos da tecnologia nuclear (Edital CT-INFRA/MCT/CNPq 003/2003). 32

33 Manter em serviço as pessoas detentoras de conhecimentos e habilidades
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Informações e Conhecimento - Ativos Intangíveis 5.3.b – Como o conhecimento associado à expansão dos principais ativos intangíveis é desenvolvido e preservado na organização? Manter em serviço as pessoas detentoras de conhecimentos e habilidades Implementação de políticas de valorização e qualidade de vida para as pessoas da força de trabalho (prêmio destaque do ano – plano médico qualificado); Nomeação de aposentados para funções de confiança; Reintegração de aposentados como colaboradores. Os programas de estágios, bolsistas e colaboradores e de preservação da imagem do Centro perante a sociedade são fatores relevantes para atrair e manter especialistas (concursos públicos – cooperação entre instituições de pesquisa e ensino) que contribuem com sua expertise, para o desenvolvimento e preservação do conhecimento associado aos ativos intangíveis. Coordenação do Programa PCI/CNEN/MCT – transferido da Mantenedora para o CDTN (2008). 33

34 Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN
Informações e Conhecimento - Ativos Intangíveis 5.3.b – Como o conhecimento associado à expansão dos principais ativos intangíveis é desenvolvido e preservado na organização? Programa de Capacitação da Mantenedora (IN SRH – 0012/98) Titulação dos servidores em pós-graduação (mestrado, doutorado e pós-doutorado); Cursos de natureza técnica corporativos ou locais; Intercâmbios (AIEA e outros); Participação em congressos e eventos; Eventos internos (informática, línguas, telecurso, dentre outros) Os contratos de prestação de serviços contêm cláusulas de sigilo, da mesma forma que os contratos para admissão de estagiários, bolsistas e voluntários 34

35 Obrigada! Comissão Nacional de Energia Nuclear – CNEN
Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN Obrigada!


Carregar ppt "Critério 5 – Informações e Conhecimento"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google