A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Expectativas sobre Avaliação da AUTOFORMAÇÃO PINHEIROS Reunião 06/ 05/ 2010 Equipe ABPS Ana Claudia Camargo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Expectativas sobre Avaliação da AUTOFORMAÇÃO PINHEIROS Reunião 06/ 05/ 2010 Equipe ABPS Ana Claudia Camargo."— Transcrição da apresentação:

1 Expectativas sobre Avaliação da AUTOFORMAÇÃO PINHEIROS Reunião 06/ 05/ 2010 Equipe ABPS Ana Claudia Camargo

2 Roteiro sugerido 1.Expectativas do grupo em relação ao processo de avaliação- questões 2.Retomada do modelo lógico- aplicação do modelo

3 Recordar é viver....

4 Etapas de uma Avaliação 1: Obter a participação das partes interessadas 2: Descrever ou elaborar o plano do programa (Modelo Lógico) 3: Focar a avaliação (processo / impacto) 4: Coletar provas fidedignas (equilíbrio entre a qualidade e a quantidade das atividades da avaliação) 5: Fundamentar as conclusões 6: Assegurar a aplicação e compartilhar as lições aprendidas. The Center for the Advancement of Community Based Public Health. An Evaluation Framework for Community Health Programs. Durham, NC: The Center for the Advancement of Community Based Public Health; US Department of Health and Human Services. Promoting Physical Activity: A Guide for Community Action. Atlanta, GA: US Department of Health and Human Services. Centers for Disease Control and Prevention; 1999

5 Etapa 1: Partes interessadas

6 Questionário Finalidade Aplicações Perguntas

7 -19 pessoas Instituições 1.ABPS 2.Arena Radical 3.CCI 4.CAPS AD Pinheiros 5.CSE Pinheiros 6.Cidade Escola Aprendiz 7.Hedra/ Til 8.Iniciativa Local 9.Movimento Boa Praça 10.Museu da Pessoa 11.NUPSI 12.Projetos Terapêuticos 13.UBSF Pêra Participantes

8 Finalidades 1. Verificar se OBJETIVOS foram ALCANÇADOS (fizemos diferenças para as pessoas) - objetivos do grupo - objetivos das entidades Se sim, mensurar Se não, retomar

9 Finalidades 2. PROCESSOS E PROJETOS Estamos no caminho certo? Entender os caminhos já percorridos Alcance das ações do passado Dar parâmetros aos envolvidos

10 Finalidades 3. PRÓXIMOS PASSOS Planos de maior eficiência Sistematizar a metodologia Multiplicar e disseminar metodologia e resultados

11 Expectativas- Aplicações

12 REVISÃO ANTEVISÃO PREVISÃO VISÃO

13 Expectativas- Aplicações 1.VISÃO e REVISÃO Registro dos objetivos, estratégia, processos e produtos Sistematização das práticas/metodologias inovadoras Entendimento das ferramentas Reunião dos conhecimentos e problemas Análise das ações integradas surgidas no processo Definição de tendências/ Traçar prioridades

14 Expectativas- Aplicações 2. PREVISÃO Adequar praticáveis/ Otimizar recursos e potenciais do grupo Ampliar equipamentos da rede Orientar GTs Replicabilidade das ações

15 Perguntas De que forma a sua experiência contribuiu para a reflexão do grupo? De que maneiras as experiências relatadas na autoformação mudaram sua atuação e/ou de sua entidade? Qual a representatividade junto ao poder público? Qual a representatividade dos segmentos pertinentes a temática? Qual a eficácia das ações propostas junto à política local? Quais os prazos? Qual a abrangência? Qual a influência dos processos colaborativos na trama social do bairro?

16 Etapas de uma Avaliação 1: Obter a participação das partes interessadas 2: Descrever ou elaborar o plano do programa (Modelo Lógico) 3: Focar a avaliação (processo / impacto) 4: Coletar provas fidedignas (equilíbrio entre a qualidade e a quantidade das atividades da avaliação) 5: Fundamentar as conclusões 6: Assegurar a aplicação e compartilhar as lições aprendidas.

17 Encontros quinzenais Espaço virtual colaborativo de comunicação e divulgação Reuniões de planejamento Divulgação e mobilização Sistematiza ção de documentos metodológic os: produção coletiva de conheciment o, metodologia dos encontros, compartilha mento dos conceitos e experiências. Atividades Representan tes das organizações locais de saúde, educação, poder público, iniciativa privada, universidade e sociedade civil organizada. Espaços da comunidade Suporte organizacional do Aprendiz: material e metodológico Insumos Resultados Iniciais Alinhamento conceitual inicial sobre educação e saúde Consolidação da identidade do grupo Percepções do grupo sobre o processo da Autoformação ? Parcerias entre as organizações participantes Resultados Iniciais colaterais Influenciar as organizações participantes: conceitos, metodologias, atitudes. Aprimoramento da atitude participativa Aprimoramento das metodologias participativas Sistematização da parte relativa a Saúde e Proteção à Vida na proposta pedagógica local. Compartilhamento conceitual sobre juventude, trabalho, cultura urbana, desenvolvimento local, comunicação e territorialidade. Envolvimento de outras organizações do território Resultados Intermediários Articulação da rede que promove a educação integral no território Alinhamento conceitual das organizações Promover o desenvolvimento local a partir da educação Resultados a longo prazo Objetivo da AUTOFORMAÇÃO: Elaboração de um projeto educacional para a região. Produtos Planos de trabalho Atas Oficina do Medo e dos Sonhos Documentos que sistematizam as reflexões: Carta de Princípios e Documento sobre Saúde Grupos de trabalho: Comunicação (Agência Comunitária de Notícias), Mapeamento, Avaliação Praticáveis: espaço lúdico exploratório, oficinas de grafite com resgate da história do lugar no Mangue. Fatores Influenciadores Desenvolvimento da metodologia das organizações participantes para a autoformação /Utilização irregular do ambiente virtual/Flutuação da participação nos encontros/Demandas da comunidade

18 Encontros quinzenais Espaço virtual colaborativo de comunicação e divulgação Reuniões de planejamento Divulgação e mobilização Sistematiza ção de documentos metodológic os: produção coletiva de conheciment o, metodologia dos encontros, compartilha mento dos conceitos e experiências. Atividades Representan tes das organizações locais de saúde, educação, poder público, iniciativa privada, universidade e sociedade civil organizada. Espaços da comunidade Suporte organizacional do Aprendiz: material e metodológico Insumos Resultados Iniciais Alinhamento conceitual inicial sobre educação e saúde Consolidação da identidade do grupo Percepções do grupo sobre o processo da Autoformação ? Parcerias entre as organizações participantes Resultados Iniciais colaterais Influenciar as organizações participantes: conceitos, metodologias, atitudes. Aprimoramento da atitude participativa Aprimoramento das metodologias participativas Sistematização da parte relativa a Saúde e Proteção à Vida na proposta pedagógica local. Compartilhamento conceitual sobre juventude, trabalho, cultura urbana, desenvolvimento local, comunicação e territorialidade. Envolvimento de outras organizações do território Resultados Intermediários Articulação da rede que promove a educação integral no território Alinhamento conceitual das organizações Promover o desenvolvimento local a partir da educação Resultados a longo prazo Objetivo:AUTOFORMAÇÃO Elaboração de um projeto educacional para a região. Produtos Planos de trabalho Atas Oficina do Medo e dos Sonhos Documentos que sistematizam as reflexões: Carta de Princípios e Documento sobre Saúde Grupos de trabalho: Comunicação (Agência Comunitária de Notícias), Mapeamento, Avaliação Praticáveis: espaço lúdico exploratório, oficinas de grafite com resgate da história do lugar no Mangue. Fatores Influenciadores Desenvolvimento da metodologia das organizações participantes para a autoformação /Utilização irregular do ambiente virtual/Flutuação da participação nos encontros/Demandas da comunidade

19 Encontros Estudos das dinâmicas de relacionamentos Atividades Questionário Software representantes Insumos Resultados Iniciais Alinhamento conceitual Consolidação da identidade do grupo Centralidades Resultados Intermediários Resultados a longo prazo Produtos Planos de trabalho Atas Documentos ? Praticáveis: ? Fatores Influenciadores Objetivo GT MAPEAMENTO

20 Encontros formação de comunicadores oficinas Atividades ACN Jovens comunicadores representantes Insumos Resultados Iniciais Temas das postagens Número de postagens Resultados Intermediários Resultados a longo prazo Produtos Planos de trabalho Atas Site em formato de blog Comunicadores Fatores Influenciadores Objetivo GT COMUNICAÇÃO


Carregar ppt "Expectativas sobre Avaliação da AUTOFORMAÇÃO PINHEIROS Reunião 06/ 05/ 2010 Equipe ABPS Ana Claudia Camargo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google