A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Eu e Minha Escola Não somos donos da verdade, mas buscamos em nossas ações pedagógicas minimizar as possibilidades de ocorrência de erros, quer sejam.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Eu e Minha Escola Não somos donos da verdade, mas buscamos em nossas ações pedagógicas minimizar as possibilidades de ocorrência de erros, quer sejam."— Transcrição da apresentação:

1

2 Eu e Minha Escola

3 Não somos donos da verdade, mas buscamos em nossas ações pedagógicas minimizar as possibilidades de ocorrência de erros, quer sejam de ordens pedagógicas ou no trato dos aspectos humano-social

4 Nesta colocação reside nossa proposta: Eu e Minha Escola Produção de documentário, que relata a vida diária de um aluno, da rede pública de ensino, só que, este aluno em especial traz algo diferente. Não nos referimos à sua deficiência física, mas sim, a um brilho diferente no olhar, uma serenidade de superação e autoconfiança. No pedagógico, chamar a atenção para alguns aspectos sociais da sua acessibilidade e o esforço da unidade de escolar, ao ofertar à este o ensino-aprendizagem.

5 Analisando as Falas Disponibilização Independência Conquistas Autonomia Dependência Inclusão

6 FOCO DA PROPOSTA Eu e Minha Escola PRIMEIRO Promover o debate sobre acessibilidade na unidade escolar SEGUNDO Propor mudanças no trabalhar com alunos Especiais TERCEIRO Sensibilizar a comunidade escolar, quanto as necessidades escolares e afetivas dos alunos com necessidades especiais. QUARTO Levantar junto a comunidade civil, recursos diretos que possam dar uma novas expectativa educacional e social aos alunos portadores de necessidades especiais.

7 Eu e Minha Escola

8 Analisando as falas Participação da Família Postura Pedagógica Disponibilidade Crescimento Profissional Adaptação ao Espaço Capacidade de Aprendizagem Solidariedade

9 Contexto histórico da Proposta: Enquanto Professor Enquanto Professora Sala de Recursos Alunos especiais Mudança de postura Pratica pedagógica Utilização dos recursos de mídia Visão dos processos avaliativos

10 Eu e Minha Escola

11 Contatos e Posturas Aceitação Valorização da diferença Mudança pessoal e comportamental Promoção da aceitação do especial pela comunidade escolar

12 Eu e Minha Escola

13 Boaventura de Souza Santos Constituição Art 1º, inc. II e III - a Cidadania e a Dignidade da pessoa humana – fundamentos da Republica, tendo como objetivos: a promoção do bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de descriminação (art. 3º, inc IV) Garante o direito à igualdade (art. 5º) e trata (art ) do direito de TODOS a educação, com igualdade de condições de acesso e permanência na escola, visando o pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho Vale lembrar que a LDBEN, coloca a necessidade da disponibilização de recursos e estratégias de apoio aos alunos com deficiência, deve proporcionar-lhes diferentes alternativas de atendimento, de acordo com as necessidades de cada um.

14 Na visão da CONSTITUIÇÃO: Em nossa CONSTITUIÇÃO, consta que: Educação é aquela que visa o pleno desenvolvimento humano e o seu preparo para o exercício da cidadania (art. 205), qualquer dificuldade de acesso a este ambiente, seria uma diferenciação ou preferência, que estaria limitando em si mesma o direito à igualdade dessa pessoas Sinaliza a necessidade de uma Proposta de Educação Inclusiva, sem barreiras, sem restrição, onde a pessoa com deficiência/necessidades tem que ter livre acesso ao sistema educacional com qualidade e igualdade.

15 Eu e Minha Escola

16 A Educação Inclusiva é uma Realidade e uma necessidade Eu particularmente apoio e busco desenvolver, mas, defendo uma visão mista da proposta de Educação Inclusiva. Visão mista: Todo o sistema tem que ser inclusivo e você tem que oferecer o processo educacional em função da necessidade de um individuo e, se for identificado que aquele individuo precisa e necessita da escola especial, e se essa é a melhor alternativa, tem que ser oferecido a ele isto (Eduardo Barbosa - Presidente das APAES) Educação inclusiva é você emancipar, é dar cidadania, é você dar condições de participação, de autonomia, de independência. Ocorrendo em ambiente educacional comprometido e com uma filosofia de igualdade

17 Desafios da Educação Inclusiva Falta de Orçamento Próprio Colegiado envolvido com a UE Sala superlotadas Autonomia na Gestão Escolar Profissionais capacitados (atuar frente às necessidades do alunos) 2% Libra 0% Braile 15% Vídeos 40% Slide 20% Internet 23% só utilizam Livro e quadro giz (50 professores entrevistados)

18

19 Contatos e Posturas Relato (comentário do ocorrido autorizado pelas partes) Primeiro: Aluno com deficiência auditava (85% de surdez) e deficiência na fala Segundo: Aluna com 12º graus de miopia Terceiro: Aluno com hiperatividade Quarto: Aluna com transtornos globais do desenvolvimentos Transtornos globais do desenvolvimento: manifestações de quadros psicológicos, neurológicos, psiquiátricos ou de síndromes que ocasionam atrasos no desenvolvimento e prejuízo no relacionamento social...

20

21

22 Integração Responsabilidade Pedagógica Inovação didática e pedagógica Participação do Aluno Trabalho Conjunto

23 Praticas Novas Metodologias

24

25

26

27

28 Prof. Sebastião - Explanação complementar - visão internas e partes – subdivisões do pulmão

29

30

31

32 Eu e Minha Escola


Carregar ppt "Eu e Minha Escola Não somos donos da verdade, mas buscamos em nossas ações pedagógicas minimizar as possibilidades de ocorrência de erros, quer sejam."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google