A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Cultura e desenvolvimento: Concepção de projetos culturais Professora Ana Letícia Fialho.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Cultura e desenvolvimento: Concepção de projetos culturais Professora Ana Letícia Fialho."— Transcrição da apresentação:

1 Cultura e desenvolvimento: Concepção de projetos culturais Professora Ana Letícia Fialho

2 Aula /06/2011 Primeira parte: Exposição dialogada: - Finalização da análise comparativa entre plano, política, programa, projeto e ação cultural Segunda parte - Identificação dos componentes de um projeto cultural - trabalho em grupo

3 Aula /06/2011 Terceira parte Tema: demanda cultural - Leitura: Vou não, quero não. Pesquisas sobre os hábitos de consumo cultural do brasileiro revelam dados preocupantes: quase metade da população não consome cultura porque não quer. Texto: Ana Luiza Aguiar, Revista Continuum, 31, junho- julho 2011, Itaú Cultural. - Discussão dos principais temas tratados no texto.

4 Projeto cultural Ação planejada, estruturada em objetivos, resultados e atividades, pautada por uma quantidade limitada de tempo e recursos (humanos, materiais e financeiros). Teixeira Coelho, Dicionário crítico de política cultural, op. cit. Tem por finalidade a criação de um produto ou serviço e por objeto algo real ou ideal, tangível ou intangível.

5 Projeto cultural A elaboração de um projeto é essencial tanto para a produção de uma atividade artístico- cultural como para solicitação de apoio e patrocínio. Deve indicar sempre de forma clara e objetiva as atividades que pretende realizar, como, quando e onde, quem as desenvolverá e quanto custarão.

6 Programa e projeto cultural Os projetos têm um limite temporal, enquanto que os programas tendem a ser iniciativas mais a longo prazo, com metodologias específicas. Os projetos ganham mais força quando fazem parte de programas mais amplos, de políticas públicas e/ou de planos de longo prazo.

7 Ação cultural Conjunto de procedimentos, envolvendo recursos humanos e materiais, que visam por em prática os objetivos de uma determinada política cultural. Implementada por agentes culturas, leva em conta públicos determinados, procurando fazer uma ponto entre esse público e uma obra de arte ou cultura.

8 Ação Cultural Pode voltar-se para cada uma das quatro fases, níveis ou circuitos do sistema de produção cultural: produção, distribuição, troca ou uso (consumo)

9 Ação Cultural Processo de criação ou organização das condições necessárias para que as pessoas e grupos inventem seus próprios fins no universo da cultura. (Frances Jeanson, citado por Teixeira Coelho, Dicionário crítico de políticas culturais, op. cit.).

10 Etapas prévias à elaboração de um projeto Três perguntas essenciais: QUEM/COM QUEM ONDE/QUAL CONTEXTO COM O QUE? QUAIS OS RECURSOS NECESSARIOS

11 Etapas prévias à elaboração de um projeto QUEM Aqui devemos identificar, de forma clara, todos os agentes necessários para que o projeto se desenvolva, em suas diferentes etapas. Trata-se tanto de agentes internos (quem concebe e quem vai desenvolver o projeto, que não são necessariamente a mesma pessoa) quanto externos (parceiros e agentes que intervém em algum momento mas que não fazem parte da equipe), assim como o público(s)-alvo.

12 Etapas prévias à elaboração de um projeto QUEM De forma sintética, os principais agentes envolvidos no desenvolvimento do projeto são: -responsável(eis) pelo projeto - quem idealiza, desenvolve e responde pelo projeto, que pode mudar nas suas diferentes etapas. -Parceiros - quem apoia e traz recursos, de diversas naturezas, ao projeto, contribuindo para seus desenvolvimento e realização.

13 Etapas prévias à elaboração de um projeto QUEM - prestadores de serviços/consultores - vão colaborar/suprir pontualmente algumas necessidades do projeto. Ex: produtor, captador de recursos, pesquisador, advogado, contador, etc. -Públicos-alvo - fundamental ter clareza na definição de para quem o projeto se destina

14 Etapas prévias à elaboração de um projeto CONTEXTO (ONDE o projeto existe?) Clareza a respeito de onde o projeto está inserido, qual o seu contexto do ponto de vista social, institucional, político, econômico, legal e assim por diante, partindo sempre do micro ambiente (a sua realidade mais próxima), para entender o seu lugar num contexto ampliado. Conhecimento do(s) setores/segmentos relacionados ao projeto. Avaliação prévia da demanda? Qual a pertinência do nosso projeto/ideia no seu contexto específico?

15 Etapas prévias à elaboração de um projeto CONTEXTO Para se criar um projeto cultural é necessário, naturalmente, que se esteja inserido no contexto do projeto ou da arte que se pretende mostrar. Isso quer dizer o seguinte: para se fazer pão é preciso ser padeiro. Referência: Malagoli, Maria Eugênia e Cesnik, Fábio. Projetos culturais. Escrituras, São Paulo, 2000.

16 Etapas prévias à elaboração de um projeto Com o quê? Quais os recursos existentes? Na fase de pré-elaboração de um projeto, é importante identificar todos os recursos que temos disponíveis de antemão, e os que podemos mobilizar. Não trata-se aqui de recursos financeiros, necessariamente, e sim de recursos humanos, conhecimento, experiência, rede de contatos, enfim, o conjunto de elementos acessíveis e não onerosos que podemos utilizar.

17 Etapas prévias à elaboração de um projeto Uma vez respondidas a essas questões prévias, é possível avaliar a viabilidade de um projeto ou identificar o que é necessário reunir para que um determinado projeto possa ser desenvolvido. Ou seja, a definição de quem/com quem/para quem + avaliação do contexto + identificação de recursos existentes é o que permite avaliar a viabilidade de uma ideia inicial.

18 Etapas de um projeto cultural -Identificação de uma demanda -Concepção e planejamento -Implementação -Monitoramento -Avaliação -Encerramento/desdobramento

19 Tipos de projeto Do ponto de vista financeiro: -comerciais/rentáveis; -não comerciais/não rentáveis Do ponto de vista do objetivo e sua relação com a cultura: -projetos de estímulo à criação e difusão artísticas -Projetos que usam a cultura como ferramenta para atingir outras metas.

20 Cadeia produtiva da cultura Formada por inúmeros agentes que têm atividades distintas, complementares e essenciais para o desenvolvimento de um determinado setor cultural: - Produtores e criadores -Poder público -Organizações culturais

21 Cadeia produtiva da cultura Empresas investidoras Imprensa cultural Meio acadêmico Públicos


Carregar ppt "Cultura e desenvolvimento: Concepção de projetos culturais Professora Ana Letícia Fialho."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google