A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Novas formas e expressões de Cultura: evolução e impacto social das tecnologias de informação e comunicação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Novas formas e expressões de Cultura: evolução e impacto social das tecnologias de informação e comunicação."— Transcrição da apresentação:

1 Novas formas e expressões de Cultura: evolução e impacto social das tecnologias de informação e comunicação

2 2. A difusão da arte e da cultura pelas TIC quanto à acessibilidade e celeridade no acesso à informação/formação; consequências no conceito de cultura.

3 Arte Do latim ars, significando técnica e/ou habilidade. Geralmente é entendida como a atividade humana ligada a manifestações de ordem estética ou comunicativa. É Realizada a partir da perceção, das emoções e das ideias.

4 Tem o objetivo de estimular a consciência dando um significado único e diferente para cada obra. Existe na arte uma grande variedade de meios e materiais: como a pintura, a escrita, a música, a dança, a fotografia, a escultura, ….

5 Cultura Do latim colere, que significa cultivar. É um conceito de várias aceções, sendo a mais corrente que cultura é aquele todo complexo que inclui o conhecimento, as crenças, a arte, a moral, a lei, os costumes e todos os outros hábitos e aptidões adquiridos pelo homem como membro da sociedade.

6 Logo a arte e a cultura estão interligadas entre si: – A cultura é uma arte e a arte baseia-se na cultura.

7 Cibercultura O termo Cibercultura tem vários sentidos. Mas pode-se entender como a forma sociocultural que advém de uma relação de trocas entre a sociedade, a cultura e as novas tecnologias.

8 A cibercultura é um termo utilizado na definição dos agentes sociais das comunidades no espaço eletrónico virtual. Estas comunidades estão ampliando e popularizando a utilização da Internet e outras tecnologias de comunicação, possibilitando assim maior aproximação entre as pessoas de todo o mundo.

9 A Cibercultura não deve ser entendida como uma cultura pilotada pela tecnologia. Na verdade, o que há na era da cibercultura é o estabelecimento de uma relação íntima entre as novas formas sociais e as novas tecnologias digitais.

10 Ou seja, a Cibercultura é a cultura contemporânea fortemente marcada pelas tecnologias digitais. Exemplos como o Home banking, cartões inteligentes, voto eletrónico, imposto de renda via rede, inscrições via internet, etc., provam que a Cibercultura está presente na vida cotidiana de cada indivíduo.

11 Evolução e alteração do conceito de cultura Antigamente quem queria adquirir o mínimo de cultura, ou seja, de conhecer trabalhos de pintores, escultores, artes plásticas, a própria história do povo ou do país, tinha que se deslocar a um museu, bibliotecas, ou ao próprio país para ter um conhecimento deste.

12 Hoje em dia, através da Internet já é possível aceder a tudo isso sem sair da sua própria casa. Acedendo a sites dos museus entre outros, e até mesmo através dos museus virtuais.

13 VantagensDesvantagens Qualquer pessoa pode visitar um museu online desde que tenha acesso à Internet Os museus deixam assim de ter alguns visitantes Não é necessário ter grandes meios monetários Perde-se o contato físico com as obras de arte e cultura do país

14 3. A Reinvenção da Arte através do ciberespaço: a Arte Digital e os Museus Virtuais

15 O museu é uma instituição moderna que surge no final do século 18. É, desde o início, um espaço dedicado à memória e ao património, mas também um lugar para a fruição estética e para a educação do gosto.

16 O museu foi muitas vezes um lugar criticado e contestado, por ser entendido como um mausoléu ou um cemitério, onde a arte “viva” não tinha lugar. No entanto, o museu de arte, enquanto instituição pública, evoluiu abrindo as portas aos artistas, às suas práticas e a novos públicos.

17 Com o surgimento da World Wide Web (Internet) a questão da relação dos museus com as TIC tornou-se mais visível. Porém, o grande desafio para a instituição museológica acontece quando são os artistas a usar as novas tecnologias como suporte, meio e matéria para as suas obras.

18 O museu passa a acolher obras que têm novas formas de materialidade, e que muitas vezes possuem uma natureza virtual. O que acontece quando o lugar natural dessas obras é o espaço das redes de informação? Que significa para o museu, acolher a tecnologia digital, não como ferramenta, mas enquanto suporte e meio do objeto artístico? Que alterações é que esta mudança convoca?

19 É com a entrada das artes digitais no museu que se inicia um novo momento: o museu começa a albergar objetos artísticos que têm, em muitos casos, uma natureza virtual. No caso dos objetos artísticos digitais, o seu lugar de existência e de exposição é, muitas vezes, o próprio espaço informacional das redes.

20 O que significa, não apenas, que a tecnologia entra no museu como suporte e objeto de experimentação das práticas artísticas digitais, mas também que o próprio museu tem que se deslocar para o ciberespaço no sentido de aí expor, interpretar e conservar os objetos artísticos que se baseiam nestas tecnologias.

21 Será que o museu é necessário para as artes digitais? Ou, de outro modo, será que as artes digitais, principalmente as online, necessitam do espaço institucional do museu dentro do ciberespaço?

22 Pelo que podemos constatar hoje no espaço das redes, para além dos sites onde se apresenta o museu físico, os museus tendem a instalar-se na rede no sentido de acolherem as obras digitais, criando galerias digitais, apresentado encomendas a vários artistas para este espaço específico, organizando exposições que existem apenas online.

23 Isto significa que o museu, enquanto espaço institucional, continua a ampliar as suas funções museológicas independentemente da natureza do espaço onde o museu se move.

24 Museus e Monumentos Portugueses: Visitas Virtuais 3D Museu Grão Vasco Museu Nacional de Arte Antiga Museu Nacional de Soares dos Reis Museu Nacional do Azulejo Palácio Nacional da Ajuda Palácio Nacional de Mafra Palácio Nacional de Queluz Palácio Nacional de Sintra

25 ttp://pradomuseum.googlecode.com/svn/trunk/the masterpieces.xml ttp://pradomuseum.googlecode.com/svn/trunk/the masterpieces.xml

26 4. Alteração do conceito de propriedade autoral: Arte Interativa

27 Direito autoral É o direito que protege a expressão de ideias e obras, reservando aos seus autores o direito exclusivo de reproduzir os seus trabalhos e de estarem protegidos pelas Legislações do mundo.

28 Alteração do conceito de propriedade autoral! Com as TIC veio alterar-se o conceito de propriedade autoral. Devido ao fácil acesso a uma enorme quantidade de informação e obtenção de dados inclusive de patente registada, como por exemplo música, filmes, imagens, entre outros, o direito de autor ficou distorcido.

29 Alteração do conceito de propriedade autoral! Apenas pelo simples facto de eles estarem à distância de um click. Este derrube de barreiras outrora difíceis de ultrapassar cria-nos a ilusão de nos podermos apropriar daquilo que não nos pertence.

30 Arte Interativa / Digital Obra de arte: Luzes na cidade – – Making Of:

31 Arte Digital - GigaPixel Mais um excelente exemplo do que se pode fazer com a fotografia digital. Neste caso, e depois de se agruparem muitas imagens de grande resolução, é possível identificar qualquer pessoa na imagem, bastando, para isso, fazer zoom até ao nível pretendido.

32

33 Maior Fotografia Digital de Lisboa Esta imagem é a maior já feita da cidade de Lisboa. Foi conseguida através da colagem de mais de 100 fotografias e tem quase 3 Gigabytes. Nela podem-se ver, em grande detalhe, marcos da cidade como o Castelo de São Jorge, a Sé de Lisboa, e a Igreja da Graça.

34

35 Museus por todo o Mundo no Art Project da Google Para visitar museus de todo o mundo sem sair de casa ou para conhecer algumas peças das exposições de museus de todo o mundo basta visitar o Art Project da Google. Art Project da Google. M&feature=player_embedded M&feature=player_embedded

36 Tarefas 1.De que forma a arte e a cultura podem ser difundidas através das TIC? 2.Visite sites de museus virtuais e indique 3 vantagens e 3 desvantagens dos museus virtuais. 3.De que forma pode um museu virtual contribuir para a divulgação da arte?

37 Tarefas 4.É possível falar em Arte Digital? 5.É possível falar em Arte Cibernética? 6.Arte Interativa é Arte? Porquê?


Carregar ppt "Novas formas e expressões de Cultura: evolução e impacto social das tecnologias de informação e comunicação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google