A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ADM – Departamento de Administração Administração de Recursos Materiais Turma: 14 Grupo: 43 R06 – Oportunidades na logística de suprimentos e integração.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ADM – Departamento de Administração Administração de Recursos Materiais Turma: 14 Grupo: 43 R06 – Oportunidades na logística de suprimentos e integração."— Transcrição da apresentação:

1 ADM – Departamento de Administração Administração de Recursos Materiais Turma: 14 Grupo: 43 R06 – Oportunidades na logística de suprimentos e integração com fornecedores Subgrupo X :Augusto Sardeiro-09/90051 Gizelle Nóbrega-09/95509 (responsável) Subgrupo Y : Guilherme Amaral-09/95720 Matheus Reis-10/02422

2 Integração Empresa/ Fornecedor É vital para as empresas integrar seus processos com os fornecedores e estabelecer relações estreitas e duradouras, pois a atividade de suprimento tem um grande peso no custo total. Essa integração proporcionará: redução do tempo de fornecimento; produtos de maior qualidade; redução de estoques; disponibilidade de produtos.

3 Estratégias de Suprimentos Muitas empresas desvalorizam as atividades de suprimentos, pois desconhecem o peso refletido no custo global e acabam dando maior importância a distribuição física.

4 Estratégias de Suprimento O potencial de economia é substancial, pois os custos de fornecimento representam cerca de 30% dos custos de toda a cadeia logística.

5 Estratégias de Suprimentos A habilidade de realizar melhorias na base de fornecimento está entre as maiores oportunidades para aumentar a lucratividade e a competitividade das empresas.

6 Estratégias de Suprimentos Para se alcançar as oportunidades de economia existentes em suprimentos é necessário ocorrer mudanças de sistemas e processos, estratégias a nível organizacional e na área de recursos humanos. Dessa forma, a empresa caminhará para a solidez necessária para sair do enfoque tradicional e começar a se mover em direção ao estágio de excelência.

7 Estado de excelência X Enfoque Tradicional TradicionalAtividadeExcelência Fornecedores locaisTipo de fornecedores Fornecedores globais e competitivos Vários fornecedoresSeleção de fornecedores Melhores do mercado selecionado Competição entre fornecedores baseada em preço Seleção de fornecedores Seleção baseada em desempenho Divulgação mínima de informações Exposição de informações Troca intensa de informações Inspeção do clienteInspeção de entrada Qualidade assegurada pelo fornecedor O menor preço da compraDecisão do fornecedor O menor custo total da cadeira logística

8 Armadilhas potenciais Solução única: adotar a mesma solução para todos os fornecedores e não reconhecer requisitos específicos de negócios distintos.

9 Armadilhas Potenciais Enxugamento de fornecedores como fim: fazer da racionalização da base de fornecedores um objetivo-fim em vez de um objetivo meio, podendo resultar em relacionamentos desnecessários.

10 Armadilhas potenciais Viés de seleção: selecionar com base essencialmente em capacitações técnicas sem critérios de qualidade, desconsiderando o efeito do custo em toda a cadeia logística.

11 Armadilhas Potencias Negociação ganha perde: a empresa transfere custos (problemas) para os fornecedores, em vez de, juntos, viabilizarem a sua eliminação. Deve-se sair de uma negociação de ganha-perde para um perfil ganha-ganha.

12 Armadilhas Potenciais Estratégias solo: desenvolver estratégias de suprimento independentemente do envolvimento e comprometimento dos fornecedores.

13 Parceria com Fornecedores Benefícios: parceiros fortes; foco comum na qualidade; Confiabilidade; baixo nível de estoques; menos burocracia; custos reduzidos.

14 Oportunidades de integração Parceria com fornecedores: permite ganhos de eficiência operacional, leva a vantagens de integração e de melhor especialização do ramo, costituindo-se em uma forma de reagir à concorrência.

15 Oportunidades de Integração Critérios de seleção para a criação de parcerias compatibilidade corporativa cultural; filosofia e estilos gerenciais; perspectiva de confiança mútua; semelhança entre as empresas.

16 Elementos de parcerias ComponentesNível colaborativoNível de parceria Confiança Cada parceiro desempenhará seu papel com honestidade e ética. Existe confiança total. Fornecimento como extensão da produção da fábrica. Entrega de produtos Entrega conforme programação. Entrega de acordo com a produção diária do cliente. Sistema de produçãoMisto de empurrar e puxar. Direcionado pela demanda do cliente. Nível de estoque Estoque usado para compensar confiabilidade. Estoque em processo hoje para entregar amanhã. PlanejamentoRealizado em conjunto. Realizado previamente e em níveis multidiciplinares. Comunicação Maior regularidade em todos os níveis. Elogios e críticas em todos os níveis; sistemas de comunicação interligados. Contrato Em termos gerais e em longa duração. Em termos gerais e refletem a filosofia da relação.

17 Oportunidades de Integração Certificação de fornecedores: ela acontece por meio de certificados expedidos aos melhores fornecedores, reconhecimento explícito por meio de anúncio em jornais ou congraçamento das duas empresas.

18 Oportunidades de Integração Requisitos para qualificação e certificação de fornecedores: Qualidade do produto recebido; Prazo de entrega; Quantidade; Preço; Custo; Serviço; burocracia.

19 Perguntas 1) O que se ganha ao integrar os processos da empresa com os fornecedores? Ganha-se na redução dos tempos de fornecimento de material, no recebimento de produtos de melhor qualidade, na redução dos estoques, na disponibilidade de produtos sempre que necessário. 2) Por que realizar melhorias na base de fornecimento tornou-se tão importante para aumentar a lucratividade e a competitividade das empresas? Porque os custos de fornecimento representam cerca de um terço do total dos custos da cadeia de supply chain, destacando sua importância.

20 Perguntas 3) Uma das armadilhas que as empresas enfrentam no seu percurso rumo ao estágio de excelência é adotar a solução única, ou seja, usar a mesma solução para todos os fornecedores indiscriminadamente. Como reverter isso? A empresa deve ter estratégias de suprimento distintas para cada grupo de fornecedores que levem em consideração as diferenças de cada negócio e suas características específicas. 4) Existem duas oportunidades de integração com fornecedores: a parceria e a certificação. O que as distingue? A parceria se define como um bom relacionamento comercial com base na confiança, sendo os riscos e as recompensas compartilhadas. Proporciona vantagem competitiva que não seria possível individualmente. Já a certificação acontece através de certificados expedidos aos melhores fornecedores, sendo reconhecido explicitamente.

21 Perguntas 5) Que tipo de critérios podem ser considerados pelas empresas para a certificação dos fornecedores? Por exemplo: qualidade do produto recebido, prazo de entrega, preço, custo, burocracia entre outros.

22 Bibliografia CHING, Hong Yuh. Gestão de Estoques na Cadeia de Logística Integrada. 3ª ed. São Paulo: Atlas, GOOGLE Imagens. Disponível em:. Acesso em: 11 out


Carregar ppt "ADM – Departamento de Administração Administração de Recursos Materiais Turma: 14 Grupo: 43 R06 – Oportunidades na logística de suprimentos e integração."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google