A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Grupo 092.04 Integrantes: Matrícula: Fernando Barbelli Feitosa 06/84295 Fernando Donizette Jesuino 06/84341 Jacqueline Damascena Dutra 06/86706 Patrícia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Grupo 092.04 Integrantes: Matrícula: Fernando Barbelli Feitosa 06/84295 Fernando Donizette Jesuino 06/84341 Jacqueline Damascena Dutra 06/86706 Patrícia."— Transcrição da apresentação:

1 Grupo Integrantes: Matrícula: Fernando Barbelli Feitosa 06/84295 Fernando Donizette Jesuino 06/84341 Jacqueline Damascena Dutra 06/86706 Patrícia Ribeiro Assad de Souza 05/90282 Wagner Assunção 06/97630 Atividade 8: REPENSANDO A LOGÍSTICA Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

2 Valor do Cliente Diversas Interpretações; vários ângulos do mesmo assunto. Proporcionar aos clientes produtos e serviços que têm um valor maior do que os oferecidos por outras empresas em mercados semelhantes; roubar fatia do mercado de concorrentes. Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

3 Valor do Cliente 1. O valor presente da diferença entre o que ele estaria disposto a pagar pelos produtos e serviços do fornecedor menos o que o fornecedor recebe como receita, isto é, o preço que o cliente paga. 2. O valor percebido pelo cliente consiste na melhor combinação entre qualidade, serviço ao cliente, preço e prazo de entrega para os produtos e serviços demandados pelos clientes. Valor = Qualidade x Serviço ao Cliente Preço x Prazo de Entrega Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

4 Cadeia Logística Tradicional Time-to-Market muito extenso Estoque de abastecimento elevado Custo total elevado, efeito cascata. Supply Chain surge como a proposta de solução Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

5 Supply Chain A proposta final do Supply Chain parte-se do preço que o cliente que o consumidor final estaria disposto a pagar pelo produto ou serviço e aplica-se um desconto para se chegar ao preço final de venda. Esse desconto ou diferença é o valo agregado para o cliente. Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

6 Suplly Chain A partir do preço ao consumidor é calculada margens a todos integrantes da cadeia, uma margem que reflita a estrutura de custos da empresa em questão. Isso significa que o fornecedor ou o cliente não vão tirar vantagem um do outro, caso lhes seja possível. A relação de fornecedor- cliente é total confiança e respeito mútuo, e tem como objetivo final vender com um valor agregado ao consumidor. A redução do time-to-market, ou ciclo total de cadeia logística. Uma redução desse prazo não somente cria considerável vantagem competitiva, mas também contribui para reduzir custos aumentar o volume.

7 Suplly Chain Para que uma empresa desenvolva e implante uma estratégia de Supply Chain, ela deve começar avaliando a cadeia total de logística em que atua vis-à-vis a seus objetivos do negócio. Uma cadeia de logística integrada pode ser estruturada em três grandes blocos: Logística de Suprimento Logística de Produção Logística de Distribuição Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

8 Logística de Suprimento Envolve as relações fornecedor-empresa Neste tipo de logística são alinhado a planos estratégicos de fornecedores e empresas que direcionam recursos para reduzir custos e desenvolve novos produtos. As compras assumem papel estratégico e a categorização e o gerenciamento dos fornecedores são implementados pela corporação. Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

9 Logística de Produção É uma parte totalmente desenvolvida pela empresa, que envolve todas as áreas na conversão de materiais em produto acabado. A Logística de produção é baseada na demanda, ou seja, nas necessidade dos clientes. A demanda é colhida continuamente no menor tempo possível de saída do produto no ponto-de-venda, compilada na empresa e informada à produção. As prioridades de produção passam a ser direcionadas pelas datas exigidas de entrega pelos clientes. Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

10 Logistica de Distribuição Empresa – Cliente - Consumidor A distribuição física do produto acabado até os ponto-de-venda ao consumidor e deve assegurar que os pedidos sejam pontualmente entregues, precisos e completos. Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

11 Integração Total Nível um: A área de suprimento da empresa conversa com a área de vendas de fornecedor; a área de vendas da empresa transaciona com a área de compras do cliente. O clima é de respeito e honram-se os acordos firmados. Nível dois: Ocorrem os processos da cadeia e busca-se a integração dos processos. Nível Três: Nele ocorrem as estratégias de cadeia de logística e buscam-se os elos estratégicos. Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

12 Logística de Suprimento É a maior distancia até o consumidor, a mais afetada pelas variações do mercado e o mais difícil de sincronizar com a demanda dos consumidores. Aproximadamente 30% dos custos totais de uma cadeia supply chain. Por suprimento, entende-se a fonte de todas as matérias- primas, embalagem, componentes e outros insumos para preencher as necessidades de conversão da logística de produção. Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

13 Logística de Suprimento Entender princípios como: Área de sistemas e processos : Codificação e processos; codificação dos fornecedores; sistemas de informação integrados, entre outros. Área Organizacional: estratégias de suprimento adequados a cada grupo de suprimentos; avaliação e classificação de fornecedores; análise de contratos;entre outros. Área de Recursos Humanos: incentivo motivacional; experiências multidisciplinares do pessoal de compras; treinamento continuo, entre outros. Preenchimento dos requisitos descritos proporciona a solidez necessária para a empresa sair de um enfoque tradicional e começar a se mover em direção ao estágio de excelência Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

14 Logística de Suprimento A empresa deve ter estratégias de suprimento distintas para cada grupo de suprimento/fornecedor que levem em consideração as diferenças de cada negocio e suas características especificas. Racionalização dos fornecedores como um objetivo-fim, evitando monopólios desnecessários. Selecionar fornecedores com base essencialmente em capacitação técnicas e critérios de qualidade. Negociação ganha-ganha. Evitar estratégias solo. Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

15 Logística de Suprimento Integração com fornecedores: Parceiros mais fortes e para todo o negocio; foco comum na qualidade; confiabilidade de entregas mais estáveis e repetitivas, entre outros. Integração com fornecedores: Parceria e Certificação. Parceria: Lava vantagens de integração vertical e de melhor especialização do ramo e constitui-se em uma forma de reagir a concorrência, assegurando e/ou fortalecendo posições. Custo alto de implementação. Alguns critérios de escolha são necessários tais como: Compatibilidade corporativa cultura; compartilhar mesma visão de supply chain, qualidade como item indispensável;perceptiva de confiança mútua; semelhança entre as empresas Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

16 Logística de Suprimento Elementos de uma parceria: Confiança Entrega de produtos Sistema de produção Nível de estoque Planejamento Comunicação Escopo Contrato. Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

17 Logística de Suprimento Parcerias Benefícios Inventário Desempenho Global Vantagem competitiva Confiabilidade do processo Comunicação da demanda Fornecedor do fornecedor. Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

18 Logística de Suprimento Certificação dos fornecedores Diplomas ou certificados Metas parecidas com as das parcerias Mensuração do desempenho dos fornecedores Qualidade do produto recebido; prazo de entrega; quantidade; preço; custo; serviço; burocracia. Níveis de Certificação: Excelência; Competência; Entendimento; Consciência; Inocência Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

19 Logística de Suprimento Estratégias de Suprimento Estabelece relacionamentos apropriados a cada grupo de fornecedores o tipo de relacionamento desejável. Determinação das estratégias de suprimento. Avaliação. Informações sobre os grupos de suprimento. Análise. Determinação das estratégias de suprimento Consolidação; complexidade; integração; reposicionamento. Táticas a serem utilizadas;Identificação de fornecedores potenciais. Implantação Prioridades de implantação Integração com os fornecedores Analise continua das estratégias. Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação

20 Logística de Suprimento Processos globais de searching Cálculo das economias potenciais Desenvolver e executar estratégia de negociação Escolha final dos fornecedores Envio de pedidos Manutenção de banco de dados. Gestão de estoques na cadeia de logística integrada - supply chain. CHING, Hong Yuh. 3ª. ed. São Paulo: Atlas, Apresentação


Carregar ppt "Grupo 092.04 Integrantes: Matrícula: Fernando Barbelli Feitosa 06/84295 Fernando Donizette Jesuino 06/84341 Jacqueline Damascena Dutra 06/86706 Patrícia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google