A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ROMANTISMO NO BRASIL ROMANCE E TEATRO O romance se desenvolveu devido ao novo público leitor: burguesia e as mulheres. Tematizava a realidade brasileira.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ROMANTISMO NO BRASIL ROMANCE E TEATRO O romance se desenvolveu devido ao novo público leitor: burguesia e as mulheres. Tematizava a realidade brasileira."— Transcrição da apresentação:

1 ROMANTISMO NO BRASIL ROMANCE E TEATRO O romance se desenvolveu devido ao novo público leitor: burguesia e as mulheres. Tematizava a realidade brasileira. O Romance se dividiu em: 1.Romance de costumes ou urbanos; 2.Romance regionalista 3.Romance histórico 4.Romance indianista

2 Romance Indianista O índio era uma autêntica expressão de nacionalidade; Os brasileiros adaptaram a figura idealizada do herói medieval – passou a ser o índio; Obras: O guarani, Iracema e Ubirajara, de José de Alencar

3

4 Consolidou o romance na literatura brasileira. Soube desenvolver o campo da investigação da prosa de ficção. Diversificou suas obras.(Romance histórico, indianista, regionalista e de costumes) Estilo próprio, autônomo e distinto

5 O romance regional Valorizou as características étnicas, linguisticas, sociais e culturais de cada região do país. Os espaços: Sul, Nordeste e Centro- Oeste. Visconde de Taunay: em M.T. – reproduziu com precisão aspectos visuais da paisagem sertaneja (fauna e flora) Obras: Inocência e Retirada da Laguna

6

7 Regiões Características naturais e geográficas; O passado histórico, os costumes sociais, as peculiaridades linguisticas. Obra: O Gaúcho, de José de Alencar. Nordeste: construção da própria literatura. Temas: banditismo, cangaço, seca, miséria, migração. Obra: O cabeleira, de Franklin Távora

8 O romance urbano Retratava o dia-a-dia do leitor (burguesia); discussão de seus problemas, valores. O romance mais lido da literatura romântica Obras: A moreninha, Joaquim M. de Macedo Memórias de um sargento de milícias, de Manuel Antonio de Almeida Lucíola e Senhora, de José de Alencar

9

10 Joaquim Manuel de Macedo Construiu seus textos visando principalmente a satisfazer as expectativas de seu público; Seus enredos giravam em torno de questões relativas ao namoro e ao casamento. Escreveu A moreninha, O moço loiro, A luneta mágica etc.

11 Manuel Antônio de Almeida Através da sua obra Memórias de um sargento de milícias conseguiu fazer um distanciamento do romance romântico e também do modelo europeizado, característico do nosso país. Nesta obra vê-se marcas de coloquialidade, linguagem simples, ironia, espírito crítico, bom humor e registro dos costumes populares, incluindo o linguajar da época.

12 Revisão: 1ª geração da poesia Indianisna ou nativista Indianisna ou nativista Valorização dos elementos nativos do Brasil;Valorização dos elementos nativos do Brasil; Exaltação da natureza e da pátria;Exaltação da natureza e da pátria; Idealização do índio.Idealização do índio. Religiosidade.Religiosidade.

13 2ª geração da poesia Byroniana, Mal-do-século, Individualista ou Ultra-romântica IndividualidadeSubjetivismo Evasão ou escapismo Preferência por lugares mórbidos, escuros. Temas fúnebres, melancolia, tédio.

14 Álvares de Azevedo Suas obras têm como temas: A amada pálida e idealizada,pura e intocada; Os ambientes soturnos, enevoados, típicos de sonhos e devaneios; O tédio, a melancolia Foi poeta e escreveu o livro de contos Noite na Taverna.

15

16 Casimiro de Abreu Chamado de o poeta da saudade Chamado de o poeta da saudade Explora a musicalidade, os ritmos e as rimas Explora a musicalidade, os ritmos e as rimas Seus temas são: saudades da pátria e da infância, os amores travessos nos bailes e saraus. Seus temas são: saudades da pátria e da infância, os amores travessos nos bailes e saraus. Apresenta a possibilidade da realização física do amor Apresenta a possibilidade da realização física do amor

17 3ª geração da poesia Condoreira ou social Temas sociais, humanitários e políticos Liberdade Tom retórico e exaltado Preocupação com a discussão e a difusão de questões como o direito dos povos à independência, a abolição da escravidão negra, a erradicação da miséria, o papel da educação na melhoria da qualidade de vida. A implantação da República

18 Castro Alves O maior representante desta geração; Produziu poemas em tom grandiloqüente ricos em comparações; Seus temas eram a abolição, a implantação da república; Poetizou a vida sentimental do negro escravo; Na poesia lírica escreveu poemas de sabor erótico, sensual até então repudiada pelos românticos. Escreveu Navio Negreiro


Carregar ppt "ROMANTISMO NO BRASIL ROMANCE E TEATRO O romance se desenvolveu devido ao novo público leitor: burguesia e as mulheres. Tematizava a realidade brasileira."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google