A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Curso de Comércio Eletrônico Loja Virtual de Sucesso Profissionais de E-commerce e Marketing Digital.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Curso de Comércio Eletrônico Loja Virtual de Sucesso Profissionais de E-commerce e Marketing Digital."— Transcrição da apresentação:

1 Curso de Comércio Eletrônico Loja Virtual de Sucesso Profissionais de E-commerce e Marketing Digital

2 Varejo Online no Brasil Fonte: e-bit

3 Descentralização A força do long tail (cauda longa) começa a aparecer no Brasil Profissionalização dos pequenos Confiança dos e- consumidores Especialização / verticalização

4 Introdução Todo mês centenas de novas lojas virtuais entram no ar Todo mês outras centenas de lojas virtuais saem do ar Por que?Por que? Barreira de entrada pequena (custo baixo) Desinformação

5 Introdução O problema:O problema: falta de conhecimento do mercado, principalmente princípios básicos de comércio eletrônico, logística, controle de estoques e marketing online, o marketing na Internet. Além disso, o comportamento do consumidor na Internet é muito diferente do comportamento do consumidor no mundo físico

6 Bate-papo de Comércio Eletrônico Evolução, oportunidades e tendências

7 Em um ano de crise......as lojas virtuais no Brasil faturaram R$ 10,6 bilhões atingindo um crescimento de 30% em relação a 2008

8 2008 versus Evolução FaturamentoR$ 8,2 bilhões R$ 10,6 bilhões +30% E-consumidores13,2 milhões17,6 milhões+33% Tíquete médioR$ 328,00R$ 335,00+2% Satisfação85%86,5%+1,5%

9 2008 versus 2009

10 Como explicar essa evolução? Principais Fatores Novas lojas virtuais Condições de pagamento Aumento da confiança do consumidor Inclusão social Barateamento da banda larga Aumento da classe C na web Etc.

11 Consumidores Somente 9% da população do Brasil já comprou online.

12 A classe C na Internet A loja de departamentos Leader, inaugura, no próximo dia 10, o seu portal de vendas focado em consumidores da classe C. 44 lojas físicas; 12 milhões de clientes; Investiram R$ 20 milhões no canal de comércio eletrônico; Expectativa que as vendas online representem 30% do total do grupo (em 5 anos).

13 Previsões para 2010 Faturamento R$ 13,6 bilhões (+30%) E-consumidores 23 milhões (+35%)

14 Brasil versus EUA Brasil (US$ bilhões) EUA (US$ bilhões) Diferença 20084,7132,428x 20096,1131,422x 20107,8141,318x ,1157,616x ,1173,313x ,1189,311x Cotação do dólar utilizada de R$ 1,75; Estimativas 2011, 2012 e 2013 para o Brasil utilizando 30% de crescimento anual. Todos os dados dos EUA foram divulgados pelo eMarketers.com

15 Por que ter uma loja virtual? Loja VirtualLoja Física Baixo custo de funcionamentoMédio/Alto custo de funcionamento (depende da localização) aberta horas no anoaberta de a horas no ano nacionalregional Não existe barganha, mas existem comparadores de preço Cliente tem poder de barganha – cultura nacional Tíquete médio de R$ 334,00Tíquete médio de R$ 50,00

16 O negócio virtual é mais barato? "A idéia de que o negócio virtual é mais barato, NÃO precisa de um plano de marketing e de pesquisas fundamentadas com profissionais do mercado é um dos principais fatores do fracasso. Natan Sztamfater, diretor da PortCasa.com.br, loja virtual de cama, mesa e banho.

17 Os pilares o comércio eletrônico Marketing Plataforma (loja virtual) Logística Atendimento Mas isso não vai funcionar se não tivermos um BOM PLANEJAMENTO!

18 O vendedor e a loja virtual Loja Física Posso ajudar? Loja Virtual Design (AI) + Tecnologia de Busca A plataforma deve ser adequada ao seu negócio. (produto, público-alvo, verba, faturamento estimado, concorrentes,...)

19 Logística e atendimento ao cliente Logística – armazenagem, pick-n-pack e entrega Atendimento ao cliente – suporte a venda e pós- venda Com o crescimento do número de lojas virtuais e das ofertas estes serão grandes diferenciais competitivos em um futuro próximo. Errar é possível. Entre em contato com o cliente antes que ele entre em contato com você.

20 A importância do planejamento

21 E-Commerce Introdução ao E-Commerce / Conceitos Básicos Compra e venda por meio da internet Solução que permite minimizar custos com redução de transações e processos Os negócios de compra e venda de produtos e serviços podem ser totalmente acessíveis pela internet O que é o e-Commerce? Com a globalização da internet, as empresas podem alcançar novos mercados pelo mundo

22 E-Commerce Introdução ao E-Commerce / Conceitos Básicos Não precisa de espaço físico Lojas funcionam 24 horas por dia Custos burocráticos e administrativos são baixos em relação a lojas reais Pode-se atender de acordo com o perfil do consumidor Pode funcionar como extensão do comércio real Não precisa de vendedores Pesquisa de preço sem sair de casa Vantagens do e-Commerce Principal vantagem: concorrência Você pode ser tão eficiente quanto uma grande rede

23 Introdução ao E-Commerce / Conceitos Básicos Desvantagens do e-Commerce E-Commerce Produto não está disponível na hora da compra Não é possível tocar ou sentir o produto antes de fechar a compra Totalmente dependente da internet Sujeito a ataques hackers

24 Introdução ao E-Commerce / Conceitos Básicos E-Commerce O que é preciso para ser bem sucedido no e-Commerce? Escolher corretamente o ramo Fazer um bom planejamento Construir ou adquirir um site ideal Saber estimular os visitantes

25 Introdução ao E-Commerce / Modelos de Comércio Eletrônico E-Commerce Modelo Business to Consumer (B2C) Tem como objetivo a venda direta de produtos ou serviços ao consumidor final Ex.: Livrarias virtuais, venda de passagens, serviços bancários, etc Modelo Business to Business (B2B) Transações de comércio entre empresas Ex.: venda material de escritório para empresas ou a compra de insumos para a produção de bens Business to Government (B2G) Transações entre órgãos do governo e empresas privadas Inclui compras, contratações de serviços e licitações Ex.: Comprasnet

26 Introdução ao E-Commerce / Modelos de Comércio Eletrônico E-Commerce Modelo Consumer-to-Business (C2B) modelo de negócio em que os consumidores oferecem as empresas produtos e serviços Modelo Consumer-to-Consumer (C2C) É o comércio entre consumidores Ex.: sites de leilão como o Ebay ou classificados

27 Introdução ao E-Commerce / Pagamento através da Internet E-Commerce Boleto bancário Cartões de Crédito Transferência Eletrônica de Fundos – TEF Terceirizar os meios de pagamento

28

29 Inovação – Realidade Aumentada Cases My.IKEA Rayban Virtual Mirror Fashionista


Carregar ppt "Curso de Comércio Eletrônico Loja Virtual de Sucesso Profissionais de E-commerce e Marketing Digital."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google