A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

- VANGUARDAS ILUMINISTAS -. ocupação dos celtas; ocupação do Império Romano; invasões dos povos bárbaro-germânicos (anglos, saxões, jutos); Carta Magna.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "- VANGUARDAS ILUMINISTAS -. ocupação dos celtas; ocupação do Império Romano; invasões dos povos bárbaro-germânicos (anglos, saxões, jutos); Carta Magna."— Transcrição da apresentação:

1 - VANGUARDAS ILUMINISTAS -

2 ocupação dos celtas; ocupação do Império Romano; invasões dos povos bárbaro-germânicos (anglos, saxões, jutos); Carta Magna (1215), Parlamento (1278); Guerra dos Cem Anos ( ); Guerra das Duas Rosas ( ). Tudors – Henrique VII, Henrique VIII e Elisabeth I Stuarts – Jaime I e Carlos I Revolução Puritana República Puritana Restauração dos Stuarts – Carlos II e Jaime II Revolução Gloriosa

3

4 PARES: nobreza de origem feudal GENTRY – nobreza agrária / nobreza produtiva – grupo constituído a partir da venda das terras confiscadas da Igreja Católica por ocasião da Reforma Anglicana. YOMENS – pequenos proprietários rurais de vários tipos - tinham em comum o fato de serem uma espécie de classe média rural; queriam uma nova situação social que lhes garantisse a propriedade da terra e a expansão de seus negócios. JORNALEIROS – trabalhadores urbanos e assalariados CAMPONESES – trabalhadores rurais

5 I. TUDORS ( ) Guerra das Duas Rosas – centralização do poder por Henrique VII Henrique VIII ( ): firmou o absolutismo processo de cercamento dos campos: enclosures land Elisabeth I ( ) : ponto máximo do absolutismo: desenvolvimento econômico (expansão do comércio marítimo, mineração de carvão e produção de lã) fortalecimento do nacionalismo inglês II. STUARTS ( ) Jaime I ( ) unificação de reinos: Escócia, Inglaterra e Irlanda forte perseguição religiosa e repressão aos opositores aumento de impostos fechamento do Parlamento (1614) grande emigração para as treze colônias da América do Norte ELISABETH I

6 CARLOS I ( ) PETIÇÃO DE DIREITOS: o rei só poderia cobrar impostos com autorização do Parlamento 1629 : fechou o Parlamento por este se recusar a criar novos impostos decretação do ship money: imposto medieval sobre cidades portuárias e estendido a todo reino determinação de que o anglicanismo deveria ser praticado em toda Grã- Bretanha; reação da Escócia de maioria presbiteriana: invasão do norte da Inglaterra convocou o Parlamento e solicitou verba para lutar contra os escoceses Parlamento exigiu: fim do ship money prisão e execução dos principais acessores do rei exclusão de bispos anglicanos da Câmara dos Lordes proibição do rei em manter um exército permanente indissolubilidade do Parlamento controle sobre a política tributária rei obteve a liberação de verbas para a guerra contra os escoceses

7 questão da independência da Irlanda Parlamento negou a liderança do exército ao rei tentativa de dissolução do Parlamento início de uma guerra civil: REI (cavaleiros) X PARLAMENTO (cabeças-redondas) CAVALEIROS – defensores do rei – membros da aristocracia, membros da gentry e da alta burguesia que não queriam perder posição social CABEÇAS-REDONDAS – membros da gentry puritana, comerciantes, artesãos e camponeses. Liderados por Oliver Cromwell New Model Army (Novo Modelo de Exército) execução de Carlos I vitória do Parlamento (1649) – proclamação da República CARLOS I OLIVER CROMWELL

8

9 COMMONWEALTH: unificação da Escócia, Irlanda e Inglaterra – repressão aos movimentos populares: levellers / niveladores: movimento no interior do Parlamento que reivindicava proteção à pequena propriedade, extinção dos monopólios, comércio livre para os pequenos produtores e fim dos cercamentos diggers / cavadores: movimento no interior do Parlamento que defendia que a propriedade da terra fosse abolida supressão da Câmara dos Lordes: ditadura puritana ATOS DE NAVEGAÇÃO (1651) – no comércio com outros países, exclusividade de transporte marítimo para os navios ingleses e para os dos países de origem da mercadoria guerra entre Inglaterra e Holanda ( ) : vitória inglesa morte de Cromwell e renúncia forçada de seu filho e sucessor novo Parlamento restaurou Stuarts, sob Carlos II

10

11

12 REVOLUÇÃO GLORIOSA com o apoio do Parlamento, Guilherme de Orange, príncipe holandês e genro de Jaime II, foi coroado novo rei da Inglaterra BILL OF RIGHTS (DECLARAÇÃO DE DIREITOS – assinada por Guilherme de Orange ) Parlamento tinha o direito de governar e legislar instauração do Parlamentarismo – o verdadeiro governante seria o primeiro-ministro CONCLUSÃO: REVOLUÇÃO GLORIOSA PÔS FIM AO ABSOLUTISMO INGLÊS NA MEDIDA EM QUE CONSOLIDOU O REGIME PARLAMENTARISTA CARLOS II GUILHERME DE ORANGE Carlos II (1660 –1685) aproximação com católicos / reação do Parlamento Parlamento dividiu-se entre tories (CONSERVADORES) e whigs (LIBERAIS) Jaime II ( ) – tentou impor o catolicismo e Parlamento tramou sua queda


Carregar ppt "- VANGUARDAS ILUMINISTAS -. ocupação dos celtas; ocupação do Império Romano; invasões dos povos bárbaro-germânicos (anglos, saxões, jutos); Carta Magna."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google