A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A menina brinca, enquanto o mundo segue com seu giro obediente em torno do Sol.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A menina brinca, enquanto o mundo segue com seu giro obediente em torno do Sol."— Transcrição da apresentação:

1

2 A menina brinca, enquanto o mundo segue com seu giro obediente em torno do Sol.

3 Quando o índio se inclina para a Terra, ele ouve uma voz suave, como a melodia do canto com que uma mãe acalenta o seu filho.

4 como a melodia do canto com que uma mãe acalenta o seu filho. Desde a hora da nossa chegada a este mundo, até o nosso último suspiro, inúmeros são os mistérios que nos acompanham e envolvem.

5 O mistério do Tempo – do qual nada sabemos, salvo as marcas que deixa sobre o nosso corpo.

6 A suave brisa que passa, as gerações que se sucedem...

7 O tempo é como o dinheiro; não o perdendo, temos o bastante. Duque de Lévis

8 Quem mata o tempo injuria a eternidade. Henry Thoreau

9 É preciso muito tempo para tornar-se jovem. Pablo Picasso

10 Os mistérios do Mar, as suas grandiosas ondas e a sua quietude.

11 Toda a sua majestade e imponência, as suas vastas e insondáveis profundezas...

12 Os mistérios do Amor. O amor é um mistério. Tantas pessoas e, no entanto, esta pessoa.

13 O coração acorda um dia povoado pela presença do outro, e esse sentimento...

14 ...inunda, devasta, sufoca, liberta, irrompe indizível, marca para sempre. É terno. Frei Betto

15 ...inunda, devasta, sufoca, liberta, irrompe indizível, marca para sempre. É terno.

16

17

18

19

20 Assim como as flores, as pessoas também após um breve período deste mundo partem.

21 Dos mistérios que nos cercam, a morte física talvez seja o maior.

22 Palavras – este limitado recurso que possuímos – tentam por meio de metáforas poéticas lançar alguma luz sobre este mistério.

23 O corpo seria como uma gaiola, e o espírito, uma ave que nela habita.

24 Se o corpo é uma gaiola, e a alma, uma ave que nela habita,...

25 ...é necessário procurar fortalecer a cada dia as asas do nosso espírito.

26 De modo que no dia em que a gaiola do nosso corpo fenecer, a ave da nossa alma possa voar livremente.

27 De modo que no dia em que a gaiola do nosso corpo fenecer, a ave da nossa alma possa voar livremente.

28 Para que no dia em que a gaiola do nosso corpo fenecer, a ave da nossa alma possa voar livremente. E como podemos fortalecer as asas do nosso espírito?

29 E como podemos fortalecer as asas do nosso espírito? Partilhando os bens e os dons – materiais e espirituais – com os quais fomos agraciados pelo destino.

30 Tendo coração e olhos para o faminto e o destituído.

31 Reservar um pouco do nosso pouco para o nosso irmão em necessidade.

32 Purificar a nossa audição, para que o silencioso apelo do necessitado possa chegar até os nossos ouvidos.

33 Purificar os nossos olhos, de modo que o nosso campo de visão possa abarcar toda a humanidade.

34 Exercitar a Caridade, a Bondade e a Ternura, a Justiça e a Solidariedade. A Compaixão.

35 De modo que quando formos convocados a deixar o mundo para trás e voar rumo ao Infinito,...

36 ...possamos alcançar as sublimes alturas e os horizontes mais límpidos.

37 ...possamos alcançar as sublimes alturas e os horizontes mais límpidos. Tema musical: Kitaro, Dance of Sarasvati Formatação:

38

39


Carregar ppt "A menina brinca, enquanto o mundo segue com seu giro obediente em torno do Sol."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google