A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Terapia Tópica no Cuidado de Feridas HIDROGEL. Introdução No intuito de avaliar o método mais adequado na intervenção durante o tratamento de uma lesão,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Terapia Tópica no Cuidado de Feridas HIDROGEL. Introdução No intuito de avaliar o método mais adequado na intervenção durante o tratamento de uma lesão,"— Transcrição da apresentação:

1 Terapia Tópica no Cuidado de Feridas HIDROGEL

2 Introdução No intuito de avaliar o método mais adequado na intervenção durante o tratamento de uma lesão, é extremamente importante que se conheçam os processos fisiológicos envolvidos no processo de cicatrização, principalmente para se saber em que estagio a lesão se encontra

3 Fases da cicatrização Inflamação Reconstrução Epitelização Maturação

4 Fatores que Interferem na Cicatrização Fatores tópicos: Infecção; Isquemia; Necrose; Corpos estranhos; Dessecação; Agentes Tóxicos; Fatores Sistêmicos Má nutrição; Doença crônica; Idade avançada; Terapia medicamentosa;

5 Coberturas São produtos capazes de garantir princípios ideais de cicatrização ou de formar uma barrira física entre o leito da ferida e o meio externo. É IMPRESCINDÍVEL QUE A INDICAÇÃO DA COBERTURA OBDEÇA CRÍTERIOS, bem como a avaliação da resposta do organismo no processo cicatricial.

6 HIDROGEL Composição: composto por gel incolor e transparente, com 77,7% de água, 2,3% de carboximetilcelulose e 20% de propilenoglicol. Duas formas de apresentação : Placa Gel amorfo

7 Placa

8 Gel Amorfo

9 Mecanismo de ação: Amolece, remove crostas e tecidos desvitalizados por desbridamento autolítico, em feridas abertas com pequena quantidade de exsudato. A água tem a propriedade de manter a umidade do leito da ferida; a carboximetilcelulose facilita a reidratação celular e promove desbridamento; o propilenoglicol estimula a liberação de exsudato

10 Benefícios de manter o meio úmido Prevenção de desidratação tecidual; Angiogênese acelerada; Redução significativa da dor, pela proteção das terminações nervosas do ressecamento; Retenção dos fatores de crescimento; Aumento da fibrinólise Crescimento mais rápido do tecido de granulação e epitelial

11 Indicações Feridas que apresentam crostas, fibrinas, tecidos desvitalizados ou necrosados

12 Contra-Indicações Feridas infectadas com exsudação abundante

13 Aplicação Lavar o leito da ferida com solução fisiológica a 0,9% morno e secar a pele ao redor; aplicar o hidrogel e ocluir a ferida com cobertura secundária estéril Do hidrogel formas : placa gel amorfo

14 Placa x Gel amorfo Placa: Retirar o filme de polietileno aderido na placa de hidrogel; aplicá-lo sobre o leito da ferida que deve estar circunscrito ao tecido a ser removido Gel amorfo: Aplicar na ferida Tunelizada ou cavitária, até seu preenchimento

15 Tempo de permanência Em feridas infectadas, deverá ser trocado, no máximo, a cada 24 horas; em feridas com necrose trocar no máximo até 72 horas.

16 Alguns nomes comerciais: Nugel, Duoderm, Purilon Gel, Elasto Gel

17 Bíbliografia Técnica Operatória e Cirurgia Experimental ; Rui Garcia Marques

18 A trairagem não vale apena, pense nisso!


Carregar ppt "Terapia Tópica no Cuidado de Feridas HIDROGEL. Introdução No intuito de avaliar o método mais adequado na intervenção durante o tratamento de uma lesão,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google