A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Ministério do Desenvolvimento Agrário Seminário Nacional sobre Reforma Agrária e Desenvolvimento Sustentável Brasília/DF, 30 de novembro de 2010.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Ministério do Desenvolvimento Agrário Seminário Nacional sobre Reforma Agrária e Desenvolvimento Sustentável Brasília/DF, 30 de novembro de 2010."— Transcrição da apresentação:

1 Ministério do Desenvolvimento Agrário Seminário Nacional sobre Reforma Agrária e Desenvolvimento Sustentável Brasília/DF, 30 de novembro de 2010

2 Ministério do Desenvolvimento Agrário Click to edit Master title style Balanço dos 18 meses do Programa Terra Legal

3 Ministério do Desenvolvimento Agrário Visão Geral Programa Terra Legal 344 municípios na Amazônia Legal com glebas públicas federais remanescentes acima de 500 ha, totalizando 49 milhões de hectares (excluídos AP e RR) 300 mil ocupações Aproximadamente 180 mil ocupações nas glebas públicas federais remanescentes da Amazônia Legal serão georreferenciadas (estab. com pontos de GPS + 20%) Estima-se que mais de 120 mil ocupações estão em terras públicas estaduais (devolutas ou arrecadadas)

4 Ministério do Desenvolvimento Agrário Terra Legal 18 meses Rural: 124 mil ocupações em terras públicas federais e estaduais com atuação do Governo Federal e dos Governos Estaduais – 85 mil ocupações em georreferenciamento nas terras públicas federais (mais de 31 milhões de hectares) a serem entregues até o final do primeiro semestre de 2011; – 39 mil ocupações em terras estaduais apoiadas pelo Terra Legal/Incra; – Rondônia 100% das terras federais cobertas até 2011; Urbano: 400 núcleos urbanos identificados em 248 municípios – Demanda inicial de 173 sedes de municípios em terras públicas federais – 114 núcleos urbanos identificados e medidos, 64 doados ou em doação até dez/10 e 8 repassados ao Estado de Roraima (800 mil habitantes beneficiados)

5 Ministério do Desenvolvimento Agrário Terra Legal 18 meses Rural Novo pregão publicado até final de 2010 para identificar e medir 100% das terras públicas federais na Amazônia Legal até 2012; 430 títulos no PA, RO, AM, MT, TO e MA. Mais 3 mil imóveis cadastrados, medidos e aptos à regularização até dez/10; Mecanismos de controle social e transparência, monitoramento ambiental e mediação de conflitos fundiários em plena execução; Início da Assistência Técnica e Extensão Rural para agricultores familiares beneficiados pelo Terra Legal

6 Ministério do Desenvolvimento Agrário Terra Legal 18 meses Urbano 64 núcleos urbanos regularizados até dez/10 O Terra Legal regularizou a área urbana de municípios em 180 dias Redução do tempo de espera em função do georreferenciamento contratado pelo Terra Legal O primeiro requerimento de regularização (Légua Patrimonial) de Vitória do Xingu/PA (regularizado pelo Terra legal em 2010) data da década de 1990 População beneficiada até dez/10: 800 mil habitantes

7 Ministério do Desenvolvimento Agrário Atuação Terra Legal até 2012

8 Ministério do Desenvolvimento Agrário Click to edit Master title style Gargalos operacionais e medidas de superação

9 Ministério do Desenvolvimento Agrário Gargalos e Medidas para superações (Rural) Gargalo medida adotada Identificação da demanda potencial de pequenos ocupantes Migração dos dados da Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP) Fraudes Rede de Inteligência Fundiária: sistema de recepção de denúncias e mineração de dados Localização dos cadastrados Aproximação por carta-imagem, no momento do cadastramento e trabalho com parceiros locais (prefeituras, sindicatos, Emater) Certificação dos perímetros das glebas Constituição da Comissão de Certificação do Terra Legal

10 Ministério do Desenvolvimento Agrário Gargalos e Medidas para superações (Rural) Fiscalização/validação das peças técnicas Contratação em lotes, solução tecnológica para recepção dos dados (621 peças recepcionadas pelo novo sistema - software livre) e criação de um banco de dados espaciais Instrução processual Portaria nº 23, capacitação de servidores com CONJUR/MDA Preço da Terra Portaria nº ª Reunião do GEI aprovou aproximação das metodologias e resultados de preços praticados nos estados (em geral mais baixos) e em terras federais. Participação do MPF e TCU Registro dos títulos em cartório de registro de imóveis Parceria com o Conselho Nacional de Justiça Fracionamento Todos os processos administrativos são analisados em Brasília pelas áreas técnica e jurídica. Imóveis em que o sobrenome do requerente e dos vizinhos coincidam são encaminhados para vistoria independentemente do tamanho do imóvel

11 Ministério do Desenvolvimento Agrário Criação de um banco de dados espaciais

12 Ministério do Desenvolvimento Agrário Principal gargalo: falta de recursos técnicos e financeiros das prefeituras para: (i) apresentação das peças técnicas no pedido de destinação das áreas; e (ii) regularização fundiária das parcelas urbanas após a doação. Medidas adotadas: – MDA/Terra Legal executa o georreferenciamento dos perímetros das áreas urbanas a serem doadas; – MCidades /SNPU adquire imagens, junto ao Censipam, para comprovação de ocupação das áreas urbanas; – MCidades/SNPU apóia a regularização fundiária das parcelas por meio do Programa Papel Passado; – Decreto regulamentador nº7.341, de 22 de outubro de 2010 Gargalos e Medidas para superações (Urbano)

13 Ministério do Desenvolvimento Agrário Click to edit Master title style Convênios com os Estados

14 Ministério do Desenvolvimento Agrário Convênios com os Estados Até outubro de 2010, 8 convênios assinados com os Estados de Rondônia, Pará, Mato Grosso, Tocantins, Maranhão, Acre (2 convênios) e Roraima ocupações, das quais estão em terras públicas estaduais e 12 mil ocupações em terras públicas da União (RO); Os convênios assinados totalizam R$ 87,69 milhões. O repasse da União é de R$ 79,16 milhões; Os convênios envolvem identificação, cadastramento, georreferenciamento e regularização de ocupações, bem como modernização dos cartórios de registro de imóveis e digitalização do acervo fundiário do Incra.

15 Ministério do Desenvolvimento Agrário Click to edit Master title style Indicadores de Resultados

16 Ministério do Desenvolvimento Agrário A abordagem do Terra Legal persegue um objetivo estratégico para além de metas de titulação de terras: garantir que os imóveis titulados cumpram a função social da propriedade, prevista pela Constituição Brasileira, de forma articulada com a estratégia organizada pelo Plano Amazônia Sustentável. Para garantir este objetivo o programa se estrutura em quatro dimensões: produtiva, de controle social e transparência, fundiária e ambiental

17 Ministério do Desenvolvimento Agrário Dimensão Produtiva Desafio: articular para que os imóveis regularizados possam acessar políticas públicas de fomento (Rota Verde) ATER – Assistência Técnica e Extensão Rural Em parceria com a SAF/MDA foram lançadas Chamadas de ATER para atender 4,1 mil agricultores familiares, de 12 municípios do Arco Verde, em três estados com prioridade para beneficiados pelo Terra Legal Outra parceria com a SAF/MDA é a chamada pública dos Territórios da Cidadania que atende a 83,3 mil agricultores em 5 estados e 15 territórios onde há atuação do Terra Legal

18 Ministério do Desenvolvimento Agrário Controle Social e Transparência Desafio: viabilizar uma atuação institucional integrada, participativa e transparente Medidas adotadas indicadores em nov/2010: – Parcerias com governos estaduais e outros órgãos federais 8 convênios assinados em 7 estados (RO, PA, MT, TO, AC, MA e RR) – Criação do Grupo Executivo Intergovernamental (GEI), por Decreto do Presidente da República, ainda na vigência da MP 458/ reuniões – Resolução nº 2 do GEI, de 28 de maio de 2009, recomendando a criação dos Grupos Executivos Estaduais (GEE 38 já realizadas) e dos Grupos de Acompanhamento e Controle Social (GACS 31 já realizadas) – Criação do Portal Terra Legal Amazônia (livre acesso), incluindo recepção de denúncias e divulgação da lista de ocupantes cadastrados 94,8 mil acessos (ver de onde tirou) – Criação da Comunidade Virtual do Terra Legal (acesso restrito) 466 inscritos; – Mais de 5 mil participantes nas 53 consultas públicas realizadas PROGRAMA TERRA LEGAL – SECRETARIA EXTRAORDINÁRIA DE REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA NA AMAZÔNIA LEGAL - MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO - MDA

19 Ministério do Desenvolvimento Agrário Dimensão Fundiária: Paz no Campo Desafio: garantir que a regularização fundiária contribua para a paz no campo Garantia da segurança jurídica dos imóveis regularizados como meio de redução de conflitos Mediação de conflitos fundiários – Criação da Mesa de Mediação e Arbitragem em 04/novembro/10 (Marabá/PA) como garantia de implementação do disposto no Art 8º da Lei /09: Art. 8 o Em caso de conflito nas regularizações de que trata este Capítulo, a União priorizará: I - a regularização em benefício das comunidades locais, definidas no inciso X do art. 3º da Lei , de 2 de março de 2006, se o conflito for entre essas comunidades e particular, pessoa natural ou jurídica; Criação de alertas preventivos em terras públicas federais remanescentes para delimitação da zona de não atuação: Identificação de populações tradicionais – Termo de Cooperação Técnica com MMA; Remanescentes de quilombos; Propostas de projetos de assentamento sustentáveis pelo Incra;

20 Ministério do Desenvolvimento Agrário Em 2009, ocorreram 854 conflitos por terra, 409 (47,89%) na Amazônia Legal. Dos 409 conflitos apontados na Amazônia Legal, 97 (23,71%) são de públicos potencialmente beneficiários do Terra Legal, ou seja, podem se relacionar com posses em terras públicas federais não destinadas; Mesmo assim, todas as coordenações estaduais do Programa estão verificando as áreas apontadas pelo relatório da CPT; Dimensão Fundiária: Paz no Campo

21 Ministério do Desenvolvimento Agrário Dimensão Ambiental Desafio: permitir que os imóveis regularizados possam conquistar a regularidade ambiental Marco Zero: As glebas públicas federais detém 60% de cobertura florestal em média, mesmo localizadas nas regiões mais antropizadas Segundo o PRODES houve queda de 78,4% no desmatamento entre 2004 e 2009 nas primeiras 45 glebas em que o Terra Legal iniciou o trabalho de campo Das 940 glebas públicas federais remanescentes monitoradas, 422 estão no cronograma do georreferenciamento; 59 (6,3% das glebas públicas remanescentes) registraram 131 alertas de desmatamento em ago/10; - 17 glebas concentraram 78 alertas (60% dos alertas) e 12 destas glebas já estão no cronograma de georreferenciamento até 2011; Imóveis titulados na Gleba Curuá: de out/09 a ago/10 apenas 4 alertas em 240 imóveis. Todos os imóveis estão no Cadastro Ambiental Rural A partir de março/2011 os imóveis titulados no segundo semestre de 2010 começam a ser monitorados;

22 Ministério do Desenvolvimento Agrário Parcerias com os Governos Estaduais para implementação do Cadastro Ambiental Rural - CAR. O Terra Legal está em negociação com os Estados do Acre, Pará, Mato Grosso e Rondônia para emissão automática do CAR para os agricultores regularizados pelo programa Termo de Cooperação Técnica – TCT/TL + IMAC – registro da reserva legal e APP dos titulados; Recomendação para determinar vistoria nos imóveis requeridos independentemente do tamanho em glebas com registro de 3 ou mais alertas de desmatamento do DETER Monitoramento de todos os imóveis por 10 anos independentemente do tamanho e do titular Monitoramento Ambiental

23 Ministério do Desenvolvimento Agrário Click to edit Master title style Diretrizes para a Destinação Sustentável das Terras Federais na Amazônia Legal

24 Ministério do Desenvolvimento Agrário Destinação de terras públicas federais na Amazônia Legal 1.Consultas legais para verificação de interesse público: o Terra Legal só regulariza posses e doa núcleos urbanos quando há certeza de que a área não é requerida para criação de Unidades de Conservação, Terras Indígenas ou Comunidades Quilombolas ( 128 glebas e 76 áreas urbanas consultadas) 2.Georreferenciamento de ocupações e análise dos requerimentos de regularização fundiária (Lei /2009); 3.Edital para chamada de ocupantes não requerentes; 4.Destinação de áreas remanescentes: – não ocupadas – não requeridas – requeridas não passíveis de regularização.

25 Ministério do Desenvolvimento Agrário Destinação de terras públicas federais na Amazônia Legal não ocupadas ocupadas não requeridas requeridas não passíveis de regularização áreas remanescentes após consultas legais e análise de requerimentos de regularização Retomada Destinação - Plano Diretor de Destinação de Terras Federais

26 Ministério do Desenvolvimento Agrário Destinação de terras públicas federais na Amazônia Legal Leitura territorial espacializada Definição de base territorial (GEE/GACS) Estrutura de Gestão Participativa Metodologia Diretrizes Nacionais DISCUSSÃO DO PLANO DIRETOR DE DESTINAÇÃO DE TERRAS FEDERAIS Proteção/prioridade a usos de interesse público e social articulação institucional integração de políticas públicas participação e controle social Proteção/prioridade a usos de interesse público e social articulação institucional integração de políticas públicas participação e controle social


Carregar ppt "Ministério do Desenvolvimento Agrário Seminário Nacional sobre Reforma Agrária e Desenvolvimento Sustentável Brasília/DF, 30 de novembro de 2010."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google