A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Ética na Rede Se existe, então, para as coisas que fazemos algum fim que desejamos por si mesmo e tudo o mais é desejado por causa dele; e se nem toda.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Ética na Rede Se existe, então, para as coisas que fazemos algum fim que desejamos por si mesmo e tudo o mais é desejado por causa dele; e se nem toda."— Transcrição da apresentação:

1 Ética na Rede Se existe, então, para as coisas que fazemos algum fim que desejamos por si mesmo e tudo o mais é desejado por causa dele; e se nem toda a coisa escolhemos visando à outra – porque se fosse assim, o processo se repetiria até o infinito, e inútil e vazio seria o nosso desejar -, evidentemente tal fim deve ser o bem, ou melhor, o sumo bem (Aristóteles, Ética a Nicômaco)

2 Ética na Rede Aristóteles distingue ética da política Primeira, relacionada à manifestação moral e voluntária do indivíduo Segunda, vinculada à coletividade, homem como animal político; homem em grupo – na polis A polis, em sua perfeita forma, compromisso com a democracia – liberdade de pensamento e de ações, nascida do acordo e do respeito às diferenças

3 Ética na Rede A liberdade do diálogo está se perdendo (...) Fatalmente, impõe-se, em toda a conversação em sociedades, o tema das condições de vida, do dinheiro. No caso, trata-se nem tanto das preocupações e dos sofrimentos dos indivíduos, nos quais talvez pudessem ajudar um ao outro, quanto da consideração do todo (Walter Benjamin)

4 Ética na Rede Nova ordem tecnológica possibilita uma nova forma de apropriação e intercâmbio do conhecimento Participação de indivíduos desconhecidos, mas que hoje podem se expressar Recepção: hoje, também é participativa, interfere no conteúdo

5 Ética na Rede Do ponto de vista aristotélico, a rede – teoricamente – possibilita a convivência saudável. Garante dar vazão ao dom natural do ser humano de viver coletiva e solidariamente. É isso que acontece?

6 Ética na Rede O que temos hoje? Legislação não está em sintonia com a realidade Apesar da legislação falha, apropriando-se de outras leis, dá para punir criminosos

7 Ética na Rede Ante um mercado sem regras ou com regras desiguais, a nova ordem tecnológica age como um verdadeiro tsunami Sugestão: elaborar um novo marco regulatório para integrar as diferentes áreas da comunicação (inclusive digital). Também falta para telefonia (que deixou de ser estatal e se tornou privada, em 1997 – depois da Constituição Obs: Lei Carolina DieckmannLei Carolina Dieckmann

8 Ética na Rede Qual nossa responsabilidade? Postura ética Ética do jornalista = ética do cidadão Vídeo – Eugênio Bucci (regulação x censura)Eugênio Bucci (regulação x censura)

9 Ética na Rede Num determinado domínio dos seus conhecimentos, a razão humana possui o singular destino de se ver atormentada por questões que não pode evitar, pois lhes são impostas pela natureza, mas às quais também não pode dar resposta por ultrapassarem completamente as suas possibilidades (Immanuel Kant)

10 Ética na Rede Notícia do dia Excesso de leis municipais emperra o 4G, afirma SindiTelebrasil


Carregar ppt "Ética na Rede Se existe, então, para as coisas que fazemos algum fim que desejamos por si mesmo e tudo o mais é desejado por causa dele; e se nem toda."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google