A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A Bíblia e a sua mensagem Profa. Erika Bataglia. ESTRUTURA E SIGNIFICADO DA BÍBLIA Os livros da Bíblia se dividem em dois grandes grupos: Antigo Testamento.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A Bíblia e a sua mensagem Profa. Erika Bataglia. ESTRUTURA E SIGNIFICADO DA BÍBLIA Os livros da Bíblia se dividem em dois grandes grupos: Antigo Testamento."— Transcrição da apresentação:

1 A Bíblia e a sua mensagem Profa. Erika Bataglia

2 ESTRUTURA E SIGNIFICADO DA BÍBLIA Os livros da Bíblia se dividem em dois grandes grupos: Antigo Testamento Novo Testamento Existem 46 livros do Antigo Testamento reconhecidos como canônicos pela Igreja católica;

3 No Novo Testamento são reconhecidos 27 livros; Os textos da Bíblia foram redigidos em 3 línguas: hebraico, aramaico e grego; Vulgata: a tradução latina adotada oficialmente pela igreja.

4 ESTRUTURA E SIGNIFICADO DA BÍBLIA O conceito de Testamento Termo grego diathéke que significa pacto ou aliança que Deus ofereceu a Israel; Com a vinda de Cristo, tem-se uma nova aliança, ou seja, o novo testamento;

5 A inspiração divina da Bíblia Várias passagens fazem referência à inspiração divina ou à ordem direta do próprio Deus; As citações surgem como ordem para a os profetas registrarem nos livros o que Deus determina. Os mandamentos foram escritos diretamente por Deus

6 IDÉIAS BÍBLICAS FUNDAMENTAIS POSSUIDORAS DE PARTICULAR RELEVÂNCIA FILOSÓFICA: ALÉM DO HORIZONTE DOS GREGOS A dimensão revolucionária da mensagem bíblica As idéias difundidas pela Bíblia têm uma relevância também filosófica e são importantes para crentes e incrédulos; A mensagem bíblica é capaz de influenciar não só aqueles que acreditam, como também aqueles que a rejeitam.

7 O Monoteísmo Para os gregos o divino era uma unidade que admitia em seu âmbito a pluralidade A difusão da mensagem bíblica impõe uma mudança: não terás outro deus além de mim (monoteísmo não foi espontâneo) Contrariando as religiões gregas, a divindade não está mais em nada além de Deus.

8 O criacionismo São conhecidas várias propostas de formas de criação por pensadores antigos, e a aporia sempre foi como o múltiplo deriva do uno e o finito do infinito. A solução bíblica é dizer que Deus não usou nada de preexistente, nem se valeu de intermédios na criação, ele produziu tudo do nada ( o que é uma contradição lógica, por isso a separação entre razão e fé) Ele produz as coisas em dom gratuito, com um ato de vontade por causa do bem. Eu sou aquele-que-é é a chave para entender ontologicamente a doutrina da criação: Deus é o Ser por sua própria essência e a criação é a participação no ser, ou seja, Deus é o ser e as coisas criadas não são ser, mas tem o ser (que recebem por participação)

9 O antropocentrismo A maior parte do período grego antigo foi cosmocêntrico, onde homens e cosmos possuem a mesma grandeza perante o universo; Mesmo com a virada antropocêntrica perpetrada por Sócrates e os sofistas ela se deu em forte base cosmocêntrica. O homem não era a realidade mais elevada do cosmos. Para a Bíblia, ao contrário, o homem é uma criatura privilegiada, feita à imagem do próprio Deus. Os gregos falavam em assimilação a deus mas acreditavam poder alcançá-la pelo intelecto, enquanto na Bíblia o instrumento seria a vontade: Sede santos como eu sou santo, assemelhar-se a Deus é essa capacidade de fazer livremente a vontade de Deus que coloca o homem acima de todas as coisas

10 O Deus nomoteta e a lei como mandamento divino Para os gregos a lei moral é a lei da physis e é imposta igualmente a Deus e aos homens Para a Bíblia, a lei é feita por Deus. O Deus bíblico dá a lei ao homem como mandamento. Deus escreve diretamente os mandamentos. A virtude, o bem moral supremo torna-se a obediência aos mandamentos de Deus O pecado, o mal moral supremo, ao contrário, torna-se desobediência a Deus

11 A Providência Providência Divina é o meio pelo qual Deus governa todas as coisas no universo. A doutrina da providência divina afirma que Deus tem controle completo de todas as coisas. O propósito, ou objetivo, da providência divina é realizar a vontade de Deus. Para garantir que seus propósitos vão ser cumpridos, Deus governa os negócios dos homens e trabalha através da ordem natural das coisas. Oposição à frágil segurança humana. Nenhuma segurança pode ser absoluta se não tiver uma vinculação precisa com um Absoluto. E o homem sente necessidade desse tipo de segurança total.

12 O Pecado Original O Pecado original é uma desobediência em função da soberba do homem, que não queria tolerar nenhuma limitação, e as conseqüências foram enormes para todos os homens Assim como o dom inicial da vida, Deus se fez homem para salvar os homens do pecado original Corpo de pecado do homem é salvo pelo batismo, morto no pecado, renasce para uma nova vida dentro dos preceitos divinos Inclusão de uma dimensão até então desconhecida pelos gregos: a Fé.

13 A nova dimensão da fé e o Espírito O ideal da filosofia grega era o conhecimento - a razão como virtude. A nova mensagem é pela superação dessa dimensão, colocando a fé acima da ciência Para a Bíblia, o homem é corpo, alma (razão e intelecto) e espírito (participação no divino através da fé). A nova dimensão da fé é a dimensão do espírito em sentido bíblico. Para os gregos, nous, para os cristãos, pneuma

14 O Eros grego e o Ágape cristão Eros é desejo de perfeição, força que eleva do sensível ao suprasensível em busca do divino. O Homem vai em busca de Deus Ágape é a descida de Deus em direção ao homem. Não é conquista, mas dom, infinito e grandioso

15 A revolução dos valores Revolução radical dos valores humanos. Retorno à simplicidade e à pureza Humildade como virtude fundamental Contra a certeza grega de autarquia e autosuficiencia O corpo dos gregos contra o espírito dos cristãos

16 A imortalidade da alma nos gregos e a ressurreição dos mortos nos cristãos A alma (psyché), para os gregos, é imortal por natureza Para os cristãos, há a ressurreição do corpo. Para os gregos isso seria absurdo já que o corpo é obstáculo para a vida plena A mediação é feita com a inclusão do espírito

17 O corpo Amados, exorto-vos, como peregrinos e forasteiros que sois, a vos absterdes das paixões carnais, que fazem guerra contra a alma. 1Pe 2.11 "Fugi da impureza. Qualquer outro pecado que uma pessoa cometer é fora do corpo; mas aquele que pratica a imoralidade peca contra o próprio corpo. Acaso, não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que está em vós, o qual tendes da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por preço. Agora, pois, glorificai a Deus no vosso corpo. 1Co

18 O Corpo Pois esta é a vontade de Deus: a vossa santificação, que vos abstenhais da prostituição; que cada um de vós saiba possuir o próprio corpo em santificação e honra, não com o desejo de lascívia, como os gentios que não conhecem a Deus; e que, nesta matéria, ninguém ofenda nem defraude a seu irmão; porque o Senhor, contra todas estas coisas, como antes vos avisamos e testificamos claramente, é o vingador, porquanto Deus não nos chamou para a impureza, e sim para a santificação. 1Ts A inclinação da carne é morte. Referindo-se aos frutos da carne que estão em Gálatas 5:19-21: "Ora, as obras da carne são manifestas, as quais são: a prostituição, a impureza, a lascívia, a idolatria, a feitiçaria, as inimizades, as contendas, os ciúmes, as iras, as facções, as dissensões, os partidos, as invejas, as bebedices, as orgias, e coisas semelhantes a estas, contra as quais vos previno, como já antes vos preveni, que os que tais coisas praticam não herdarão o reino de Deus

19 O novo sentido da história e da vida do homem Para os gregos o processo histórico ainda era algo novo, mas Aristóteles já tratou da recorrência das catástrofes que levariam a humanidade a um estágio primitivo e o seu recomeço. Processo cíclico. Para a Bíblia, a história é retilínea, com episódios decisivos e irrepetíveis, da criação ao juízo final O homem compreende melhor de onde vem e para onde vai.

20 Pensamento grego e mensagem cristã Para alguns, o pensamento cristão é a superação do pensamento grego, já que estes procuraram resolver os problemas dos homens através dos próprios homens e não em Deus Mas nem todos concordam que houve uma verdadeira evolução, pois com os gregos o homem avança através do intelecto, enquanto no humanismo cristão o homem é apenas receptáculo de Deus e sua única medida deve ser a fé.


Carregar ppt "A Bíblia e a sua mensagem Profa. Erika Bataglia. ESTRUTURA E SIGNIFICADO DA BÍBLIA Os livros da Bíblia se dividem em dois grandes grupos: Antigo Testamento."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google