A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Estágio Supervisionado em História I Departamento de História Docente: Dr. Arthur Vianna

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Estágio Supervisionado em História I Departamento de História Docente: Dr. Arthur Vianna"— Transcrição da apresentação:

1 Estágio Supervisionado em História I Departamento de História Docente: Dr. Arthur Vianna avianna@castelobranco.br

2 Apresentação da disciplina

3 Formação específica da Licenciatura em História Estágio Supervisionado I Estágio supervisionado III Estágios Supervisionado II Observação no Ensino Básico de História 150 horas Prática Docente no Ensino Fundamental em História 150 horas Prática Docente no Ensino Fundamental em História 100 horas Metodologia do Ensino de História 3º período Práticas Pedagógica I 4º período Práticas Pedagógica II 4º período

4 Plano de Estágio em História I -A docência na Educação Básica: formação do professor de História; -O contexto escolar: as relações pedagógicas entre direção, coordenação, supervisão e orientação educacional

5 -A caracterização do espaço histórico-sócio- pedagógico da escola; -Projeto Político Pedagógico e a relação com o Ensino de História; -A docência em história: o plano de ensino e o plano de Aula no ensino básico

6 -O Professor de História: Planos de aula, metodologias de ensino, participação no colegiado, relacionamento com os alunos e professores de outras áreas, trabalhos multidisciplinares e a comunidade local.

7 Leitura obrigatória: Manual do Estágio Presencial – webcaf capa verde (de preferência imprimi-lo); O Estágio é uma disciplina de supervisão: o aluno deverá apresentar resultados ao longo do processo. A nota final está relacionada a entrega dos documentos – Aprovado ou não aprovado. Não haverá A3 e nem A4 Estudos, relatórios avaliativos

8 ATENÇÃO O fato de estar atuando como professor não exime o aluno de fazer o estágio em história, uma vez que, agora o aluno deverá colocar em prática a metodologia específica do ensino de história do curso de licenciatura em história.

9 O Estágio: Local de aprendizagem-aprofundamento da prática docente

10 O hiato entre a teoria e a prática -O exercício de qualquer profissão é prático; -A formação do professor se dará pela observação e tentativa da organização da sua prática levando em consideração que o processo de ensino não se dá apenas pela reprodução dos conteúdos mas pela formação do sujeito como um todo.

11 Processo educativo 1.Amplo, complexo e inclui situações específicas; 2. Desenvolvimento de técnicas para serem utilizadas de acordo com as diversas e diferentes situações que ocorre o ensino; 3. A ação docente é uma prática social.

12 A prática do docente -Referente aos sujeitos: modos de agir, pensar, fazer, valores, compromissos, opções, desejos e vontades, conhecimento de si e do mundo, relacionar com os outros, planejar e desenvolver seus cursos; -A ação pedagógica do professor: aquela que se desenvolve no coletivo escolar que supõe o desenvolvimento de certas atividades materiais orientadas e estruturadas.

13 As atividades materiais que articulam as ações pedagógicas são: a)As interações entre os professores, os alunos e os conteúdos educativos em geral para a formação do ser humano; b)As interações que estruturam os processos de ensino e aprendizagem; c)As interações nas quais se atualizam os diversos saberes pedagógicos do professor e nas quais ocorrem os processo de reorganização e ressignificação de tais saberes.

14 Qual o papel da teoria na ação do professor de história? - Iluminar e oferecer instrumentos e esquemas para análise e investigação que permitam questionar as práticas institucionalizadas e as ações dos sujeitos e, ao mesmo tempo, colocar elas próprias em questionamento, uma vez que as teorias são explicações sempre provisórias da realidade.

15 A função do Estágio -Proporcionar ao futuros professores uma compreensão sobre a complexidade das práticas institucionais e das ações praticadas no ambiente escolar por seus profissionais como alternativa no preparo para sua inserção profissional. -As disciplinas da formação de professores (didáticas, metodologias) devem contribuir para esta finalidade: análise crítica e proposição de novas maneiras de fazer educação

16 Enfim -O estágio passa a ser uma tentativa da superação da dicotomia entre teoria e prática a partir da análise do ‘saber-fazer’ do professor; - Epistemologia da prática: o conceito da ação (o que fazer) e o conceito da prática (como fazer) na realidade educacional que se encontra tanto o aluno quanto o professor de história.


Carregar ppt "Estágio Supervisionado em História I Departamento de História Docente: Dr. Arthur Vianna"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google