A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GLOBALIZAÇÃO TERMO Cunhado nas escolas de administração de negócios dos EUA; Ganhou amplo espaço na mídia dos anos 80; Conteúdo ideológico do termo;

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GLOBALIZAÇÃO TERMO Cunhado nas escolas de administração de negócios dos EUA; Ganhou amplo espaço na mídia dos anos 80; Conteúdo ideológico do termo;"— Transcrição da apresentação:

1

2 GLOBALIZAÇÃO

3 TERMO Cunhado nas escolas de administração de negócios dos EUA; Ganhou amplo espaço na mídia dos anos 80; Conteúdo ideológico do termo; Idéia equivocada: mundo sem fronteiras resultaria de uma suposta queda generalizada das barreiras comerciais e não comerciais.

4 Origem: Não é possível precisar a data em que surgiu a globalização. Na verdade, o modo de produção capitalista sempre experimentou ciclos de internacionalização de mundialização do capital. Entretanto, os traços, os aspectos e as características principais dessa etapa do capitalismo são bastante diferenciados e tornaram-se visíveis, a partir de 1980, com o discurso do projeto liberal, que criaram impulso e a efetivação da globalização.

5 CARACTERÍSTICAS Internacionalização das economias capitalistas; Enorme integração dos mercados financeiros mundiais; crescimento singular do comércio internacional; queda generalizada de barreiras protecionistas; crescente presença de empresas transnacionais.

6 IDEOLOGIA Virtudes: competição e livre-mercado; Estados Nacionais tem intervenção nocivas; Mito: competência das empresas transnacionais.

7 GLOBALIZAÇÃO Características gerais da Globalização: 1.Expansão do fluxo de informações, atingindo todos os países, afetando empresas, indivíduos e movimentos sociais. 2.Aceleração do ritmo das transações econômicas, ultrapassando fronteiras nacionais. 3.Crescente difusão de valores políticos e morais em escala universal.

8 LIBERALISMO CLÁSSICO SURGIMENTO: Século XIX. Criador: Economista Inglês Adam SMITH Obra principal: A riqueza das nações, publicada em Teoria de Adam SMITH: As oscilações de preço dos produtos depende da Lei da Oferta e da Procura.

9 LIBERALISMO CLÁSSICO Princípios Liberais: 1.A maioria dos problemas econômicos e sociais decorre da intervenção do Estado na economia ao pretender regular preços, salários e trocas comerciais. 2. O único papel reservado ao Estado seria o de proteger a Propriedade Privada e a Liberdade dos Cidadãos.

10 LIBERALISMO CLÁSSICO Conclusão de Adam Smith: Para equilibrar as disparidades entre a oferta e a procura de mercadorias, existiria o que denominou Mão Invisível de Mercado, sem a intervenção do Estado, que diga-se de passagem, apenas atrapalharia tal equilíbrio natural.

11 KEYNESIANISMO Autoria: Economista Inglês John Maynard KEYNES. Obra principal: Teoria geral do emprego, do lucro e da moeda, em 1936.

12 KEYNESIANISMO Princípio do Keynesianismo: KEYNES, depois da Grande Depressão, de 1929, defende que: o Estado deveria assumir a intervenção na Economia, garantindo, por meio de investimentos públicos, áreas como: Saúde, Transportes, Seguro Social, Educação, Habitação, entre outras. O Keynesianismo é também chamado Estado do bem- estar Social, Estado-Previdência ou Welfare State

13 NEOLIBERALISMO Surgimento: Após a 2ª Guerra Mundial. Representou forte reação contra o Estado Intervencionista (Keynesiano) Obra principal do Neoliberalismo: O caminho da servidão, do austríaco Friedrich von HAYEK, escrito em 1944.

14 NEOLIBERALISMO Características do neoliberalismo: 1.Corte de despesas públicas. 2.Corte de benefícios sociais. 3.Liberalismo econômico. 4.Venda de empresas estatais. 5.Suspensão do controle de Comércio Exterior. 6.Prioridade absoluta no combate à inflação.

15 NEOLIBERALISMO As correntes neoliberais têm tentado tornar os direitos sociais mais seletivos e particulares; As propostas do NEOLIBERALISMO: oReforma e redução do Estado; oPrivatização de empresas estatais, produtivas ou não; oDebilidade do governo; oRedução de encargos sociais;

16 NEOLIBERALISMO Primeiros países a adotar o Neoliberalismo: 1.Chile – nos anos 1970, sob o comando do Gal. Pinochet. 2.Inglaterra, em Estados Unidos, em Alemanha, em Dinamarca, em , espalha-se pelo mundo.

17 Evolução histórica do pensamento econômico /80 LiberalismoKeynesianismo CorrentesNeoliberais Correntes Neoliberais Neoliberalismo Estado Intervencionista - Estado Providência A solução para a crise do capitalismo está na intervenção estatal Estado Gerencial A crise é decorrente de um excesso de Estado laissez-faire mão invisível do mercado – alocação ótima dos recursos

18 CARACTERÍSTICAS Descolamento do desenvolvimento econômico e emprego; ganhos de capital independem dos ganhos dos trabalhadores; exclusão: parcela irremediavelmente excluída; aumento da produtividade e diminuição dos ganhos reais trabalhadores (aumento da pobreza); Bobbio: liberalismo vinculado à economia e à política (democracia) não está necessariamente vinculado ao capitalismo. Capitalismo dissociado do conceito de democracia;

19 GLOBALIZAÇÃO TRANSFORMAÇÕES NO CAMPO POLÍTICO : oO poder tecnológico e de processamento de informações abrange ações dos Estados e sociedades; não só atravessa fronteiras, como também exerce influência de um país para outro; oDesafiam e reduzem a noção de soberania e hegemonia, associados a Estados-nação, como centros de poder;

20 GLOBALIZAÇÃO oEsse processo tem sido a concentração de renda por alguns e a elevação dos índices de desemprego, embora a a economia esteja em crescimento; oDiminuição de postos de trabalho (desemprego estrutural); oAutomação dos diferentes, em substituição da mão-de-obra humana;

21 GLOBALIZAÇÃO TRANSFORMAÇÕES NO CAMPO SOCIAL E CULTURAL: oNo CAMPO SOCIAL parecem não favorecer os trabalhadores (desconcentrar e redistribuir a renda). O desemprego estrutural resulta na modernização da produção – novas tecnologias e novas formas de organização do trabalho (automação); oNo CAMPO CULTURAL o que marca são as crises dos grandes relatos, cosmovisões. É o chamado pós- moderno; O padrão cultural fortalece pessoa e ressalta relativismo ético, ampliando o religioso de forma difusa.

22 GLOBALIZAÇÃO 3. Globalização Financeira Principais crises internacionais: 1.México – dezembro de Sudeste Asiático – julho de 1997, com a desvalorização do bath. A crise afetou a Indonésia, Malásia e Coréia do Sul. 3.Rússia – agosto de A crise do rublo apressou a desvalorização do Real. 4.Turquia – em Fuga de capitais na Turquia e Argentina. 5.EUA – em 2006 – Crise no mercado imobiliário norte- americano.

23 GLOBALIZAÇÃO 4. Globalização tecnológica FATORES DECISIVOS DA ATRAÇÃO DE EMPRESAS DE NOVAS TECNOLOGIAS CRITÉRIOS ESSENCIAIS 1.Acesso a mão de obra qualificada. 2.Proximidade de Instituições de pesquisa de 1ª linha. 3.Qualidade de vida atraente. 4.Acesso a empréstimos e capitais de giro.

24 GLOBALIZAÇÃO 4. Globalização tecnológica FATORES DECISIVOS DA ATRAÇÃO DE EMPRESAS DE NOVAS TECNOLOGIAS CRITÉRIOS IMPORTANTES 5. Custo razoável para fazer negócios. 6. Presença tecnológica estabelecida. 7. Ampla disponibilidade de infra-estrutura de telecomunicações. 8. Ambiente de negócios e regulatório favoráveis.

25 ALGUNS DADOS 100 maiores economias = 51 são empresas, 49 são países; patrimônio da Mitsubishi maior que da Indonésia; vendas das 200 maiores corporações: 28% do PNB do mundo; Uniões e corporações nos EUA crescem 50% ao ano desde 1992; 2 tri US$ no mercado especulativo; EUA: 77% da riqueza com 1% das moradias.

26 GLOBALIZAÇÃO OU POLARIZAÇÃO? Distribuição de renda –20% da população mundial está controlando 80% dos recursos globais –1% do Produto Nacional Bruto mundial está sendo gerado pelo 20% da população mundial

27 CONCENTRAÇÃO escala maior de investimentos; redução da quantidade de agentes que decidem o que, como, quando e onde produzir os bens e serviços; reduzir o número e aumentar o porte dos grupos por setor.

28 FRAGMENTAÇÃO Partilhamento da produção em várias plantas mundiais; estabelecimento de parcerias e subcontratação com outras empresas; terceirização.

29 ESTADO Capacidade decisória diminuiu: passa a depender de atividades externas e opiniões externas; Chefe de Estado: é garoto propaganda; medidas centralizadas por poucas empresas, pois transnacionais são autônomas (remessa de lucros); concentração de capital (Bill Gates = PNB de Bangladesh).

30 Impacto da Globalização em cima das Organizações dos Trabalhadores (1) Diminuição da densidade dos sindicatos De acordos/negociações nacionais para acordos na empresa/individual Abolição das contribuições sindicais Fraqueza dos mecanismos tripartidos Crescimento do setor informal

31

32 PROBLEMAS grupos tem receio de serem marginalizados (novos excluídos); criação de uma massa de pessoas supérfluas; dificuldade de encontrar novas formas de inserção social (esquerdas sem bandeira).

33 EXCLUSÃO empregos ruins ou instáveis; renda insuficiente; falta de acesso à terra, à segurança, aos direitos humanos.

34 DESIGUALDADES SOCIAIS NO BRASIL ECONOMIA DESCOLADA DO SOCIAL –PIB: 12o. LUGAR NO MUNDO –IDH: 65o. LUGAR NO MUNDO, ENTRE 175 PAÍSES –DESIGUALDADE: 6Oo. PAÍS MAIS DESIGUAL. EXTREMA DESIGUALDADE DE RENDA E RIQUEZA –53 MILHÕES VIVEM ABAIXO DA LINHA DA POBREZA. –22 MILHÕES SÃO INDIGENTES.

35 Limites à Globalização Perversa Alguns sinais que mostram a existência de processos paralelos à globalização nos levam a pensar que vivemos uma fase de transição para um novo período. –o sistema ideológico que sustenta a globalização parece não resistir aos fatos. –a promessa de que as técnicas contemporâneas pudessem melhorar a existência de todos cai por terra e o que se observa é a expansão acelerada do reino da escassez, atingindo as classes médias e criando mais pobres.

36 Desafio Central Para quem o Governo (deve) administra(r) o Estado? Para a Sociedade? Para o Mercado?

37

38 BIBLIOGRAFIA 1.BARBOSA, A.F. O mundo globalizado: política, sociedade e economia. São Paulo, Contexto, CARMO, P. S. do. O trabalho na economia global.São Paulo, Moderna, IANNI, O. A. A sociedade global. Rio de Janeiro, Civilização Brasileira, MAGNOLI, D. Globalização: estado nacional e espaço mundial. São Paulo, Moderna, TOURAINE, A. Como sair do liberalismo.Bauru, SP. EDUSC, 1999.


Carregar ppt "GLOBALIZAÇÃO TERMO Cunhado nas escolas de administração de negócios dos EUA; Ganhou amplo espaço na mídia dos anos 80; Conteúdo ideológico do termo;"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google