A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

- Características dos animais; - Princípios da classificação biológica; - Vertebrados: mamíferos, aves, répteis, anfíbios e peixes; - Invertebrados: equinodermos,

Cópias: 1
Os Cinco Reinos dos Seres Vivos Podemos dividir os seres vivos em cinco grandes reinos: Monera, Prototista, Fungi, Plantae e Animal.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "- Características dos animais; - Princípios da classificação biológica; - Vertebrados: mamíferos, aves, répteis, anfíbios e peixes; - Invertebrados: equinodermos,"— Transcrição da apresentação:

1 - Características dos animais; - Princípios da classificação biológica; - Vertebrados: mamíferos, aves, répteis, anfíbios e peixes; - Invertebrados: equinodermos, artrópodes, moluscos, anelídeos, nematelmintos e platelmintos. Os cientistas classificam atualmente os seres vivos nas seguintes categorias: OS SERES VIVOS E O AMBIENTE

2 Os Cinco Reinos dos Seres Vivos Monera, Prototista, Fungi, Plantae e Animalia. Podemos dividir os seres vivos em cinco grandes reinos: Monera, Prototista, Fungi, Plantae e Animalia.

3 TERMOS BIOLÓGICOS: Seres unicelulares = Seres multicelulares = Seres procariontes = Seres eucariontes = Seres heterótrofos = Seres autotróficos = Herbívoros = Carnívoros = Onívoros = Homeotérmicos = Endotérmicos = Heterotérmicos = Fecundação externa = Fecundação interna = TERMOS BIOLÓGICOS: Seres unicelulares = formados por uma única célula. Seres multicelulares = formados por muitas células. Seres procariontes = apresentam células sem núcleo organizado. Seres eucariontes = apresentam células com núcleo delimitado por membranas. Seres heterótrofos = não produzem seu próprio alimento. Seres autotróficos = produzem seu próprio alimento. Herbívoros = alimentam-se exclusivamente de vegetais. Carnívoros = alimentam-se exclusivamente de carne. Onívoros = alimentam-se tanto de carne como de vegetais. Homeotérmicos = conseguem controlar a temperatura corporal. Endotérmicos = produzem calor pelo próprio metabolismo. Heterotérmicos = sua temperatura depende da temperatura do ambiente. Fecundação externa = o encontro das células reprodutivas ocorre na água. Fecundação interna = o encontro das células reprodutivas ocorre no interior do corpo da fêmea.

4 Monera - Seres unicelulares (formados por uma única célula), procariontes (células sem núcleo organizado, o tipo mais simples de célula existente). São as bactérias e as algas azuis, antes consideradas vegetais primitivos.

5 Protista - Seres unicelulares eucariontes (que possuem núcleo individualizado) Apresentam características de vegetal e animal. Representados por protozoários, como a ameba, o tripanossomo (causador do mal de Chagas) o plasmódio (agente da malária), etc.

6 Fungi - Seres eucariontes uni e pluricelulares. Já foram classificados como vegetais, mas sua membrana possui quitina, molécula típica dos insetos e que não se encontra entre as plantas. São heterótrofos (não produzem seu próprio alimento), por não possuírem clorofila. Têm como representantes as leveduras, o mofo e os cogumelos.

7 Plantae ou Metafita - São os vegetais, desde as algas verdes até as plantas superiores. Caracterizam-se por ter as células revestidas por uma membrana de celulose e por serem autótrofas (sintetizam seu próprio alimento pela fotossíntese). Existem cerca de 400 mil espécies de vegetais classificados.

8 Animali ou Metazoa - São organismos multicelulares e heterótrofos (não produzem seu próprio alimento), pois são aclorofilados. Englobam desde as esponjas marinhas até o ser humano. Podem ser classificados como vertebrados e invertebrados.

9 Categoria dos Vertebrados: Os vertebrados são animais do filo dos cordados, que apresentam coluna vertebral. Aves – Presença de penas. Possuem adaptações que favorecem o vôo, como ossos ocos, sacos aéreos e ausência de dentes. Mamíferos- Corpo coberto por pelo e a amamentação dos filhotes por meio de glândulas mamárias. Peixes - Sua pele é coberta de escamas. Eles respiram dentro da água. Répteis – Apresenta pele seca, sem glândulas e com muita queratina. Em todos ocorre a troca de pele. Anfíbios – Apresentam fecundação externa, possuem a pele lisa e úmida, sem pêlos, nem plumas, nem escamas.

10 Mamíferos Apresentam o corpo coberto por pêlos e a amamentação dos filhotes por meio de glândulas mamárias. Podem se alimentar exclusivamente de vegetais (herbívoros), de carne (carnívoros) ou de vegetais e também de carnes (onívoros). Os nutrientes são levados pelo sangue para todas as células do corpo graças ao bombeamento do coração. O coração apresenta uma separação que impede que o sangue oxigenado (arterial) se misture com o sangue venoso (pobre em oxigênio). Todos os mamíferos possuem pulmões e, por eles, absorvem o oxigênio do ar. O sangue é filtrado pelos rins, onde se formará a urina. São animais homeotérmicos (conseguem controlar a temperatura do próprio corpo) e endotérmicos (produzem calor pelo próprio metabolismo).

11

12

13 Aves O que caracteriza as aves é a presença de penas e outras adaptações que favorecem o vôo, como ossos ocos (pneumáticos) e a ausência de dentes, diminuindo assim seu peso corporal. No intestino, os nutrientes são absorvidos e levados pelo sangue a todas as células do corpo. O sangue é bombeado continuamente pelo coração e, assim como nos mamíferos, não há mistura de sangue rico em oxigênio com sangue pobre em oxigênio. Os pulmões apresentam bolsas de ar chamadas de sacos aéreos, ajudando a ave durante o vôo. Quando o ar sai dos pulmões, passa por um órgão chamado siringe, produzindo o canto. Apresentam cloaca, que é a câmara na extremidade do canal intestinal, na qual se abrem os ureteres (saída da urina), os ovidutos (saída dos ovos) e o sistema digestório (saída das fezes). São animais homeotérmicos (conseguem controlar a temperatura do próprio corpo) e endotérmicos (produzem calor pelo próprio metabolismo).

14

15

16 Répteis Apresentam pele seca e sem glândulas, recoberta por uma camada de células mortas e queratinizadas, ou seja, com muita queratina, uma proteína que impede a perda de água. Essa camada queratinizada não cresce com o corpo do animal. Por isso, ocorre sempre a troca de pele quando a camada se rompe e uma nova começa a se formar. Sua respiração também é pulmonar, porém, o sangue oxigenado se mistura com o sangue pobre em oxigênio porque o coração dos répteis não é completamente dividido. Apresentam cloaca, que é a câmara na extremidade do canal intestinal, na qual se abrem os ureteres (saída da urina), os ovidutos (saída dos ovos) e o sistema digestório (saída das fezes). São animais heterotérmicos (sua temperatura depende da temperatura do ambiente).

17

18

19 Anfíbios Diferentemente dos mamíferos, das aves e dos répteis, o encontro das células reprodutivas ocorre na água, por fecundação externa. Depois de duas semanas mais ou menos, os ovos (sem casca) eclodem liberando um organismo totalmente diferente dos adultos (metamorfose). A classe dos anfíbios por ser dividida em: anuros (sem cauda); urodelos (cauda visível) e ápodes (sem pés). Na fase de girino, sua respiração é branquial. Porém, na fase adulta, o sapo respira por meio de pulmões e complementam a captação de oxigênio do ar pela pele úmida (respiração cutânea). Há mistura do sangue rico em oxigênio com sangue pobre em oxigênio porque o coração dos anfíbios também não é completamente dividido. Insetos, vermes e peixes são ingeridos por inteiro e levados até o estômago, onde começam a ser digeridos. As fezes são eliminadas pela cloaca. São animais heterotérmicos (sua temperatura depende da temperatura do ambiente).

20

21 Peixes De acordo com o tipo de esqueleto que possuem, os peixes são divididos em duas classes: -condrictes são peixes que possuem o esqueleto cartilaginoso. Seu corpo é recoberto por escamas pequenas (tubarão, raias). -- osteíctes são peixes que possuem o esqueleto ósseo (reúnem cerca de 95% de todos os peixes) São animais heterotérmicos (sua temperatura depende da temperatura do ambiente). Em sua maioria, apresentam reprodução externa. Os peixes ósseos possuem bexiga natatória (trata-se de uma bolsa que pode acumular gases. Quando cheia, o peixe sobe, quando vazia, o peixe desce). Nos peixes cartilaginosos, as fezes são eliminadas pela cloaca e nos peixes ósseos, pelo ânus. O sangue é bombeado pelo coração, sem divisões, transportando o oxigênio absorvido pelas brânquias e os nutrientes absorvidos pelo intestino para todas as células do corpo. É filtrado pelos rins e suas substâncias tóxicas eliminadas na água. Além das nadadeiras, os peixes apresentam uma linha lateral, órgão sensorial por onde percebem as vibrações produzidas na água

22

23 CORREÇÃO EXERCÍCIOS DA APOSTILA Exercício 1 (página 11) Resposta pessoal. De modo geral, os zoológicos se organizam pelos tamanhos dos espaços necessários para cada animal e por parentesco (felinos, aves, répteis), mas não há um critério fixo. Exercício 1, 2 e 3 (página 13) Resposta pessoal. Exercício 4 (página 14) a)Reino, filo, classe, ordem, família, gênero e espécie. b)Para determinar seu parentesco, os seres vivos são analisados de diversas formas: de semelhanças anatômicas, comportamento, até análise de material genético (DNA). Exercício 5 (página 16) O lobo mais conhecido é o que habita o hemisfério norte. É um animal que vive em grandes matilhas e é bastante agressivo em situação de caça ou de ameaça, além de ser exclusivamente carnívoro.

24 CORREÇÃO EXERCÍCIOS DA APOSTILA Exercício 6 (página 19) Bicos longos servem para pegar alimentos dentro de buracos de árvores, na areia, na lama ou até mesmo no fundo de flores. Bicos curtos e fortes servem para quebrar coisas duras ou rasgar; e bicos pequenos e curtos, para pegar frutos ou pequenos insetos. Exercício 7 (página 21) Os seres humanos também trocam de pele, mas aos poucos. Nos artrópodes (insetos, aracnídeos e crustáceos) também há troca (muda) de pele. Exercício 8 (página 21) Como respiram pelos pulmões, as tartarugas precisam voltar a superfície para capturar o oxigênio. Presas, elas não conseguem respirar debaixo da água e morrem afogadas.

25 CORREÇÃO EXERCÍCIOS DA APOSTILA Exercício 9 (página 22) Com o impacto, nuvens de poeira foram lançadas no ar diminuindo a entrada da luz solar e baixando muito a temperatura do ambiente. Outra possibilidade é que com a falta de luminosidade, houve uma diminuição no processo de fotossíntese, diminuindo a quantidade de alimento para os herbívoros e conseqüentemente para os carnívoros. Exercício 10 (página 23) Possuem característica dos répteis (corpo coberto por escamas, são heterotérmicos e reproduzem-se por ovos). Em foco – Exercício 3 (página 24) Pele coberta por escamas, heterotérmicos, reprodução por ovos.

26 CORREÇÃO EXERCÍCIOS DA APOSTILA Em foco - Exercício 2 (página 26) Serve para advertir outros animais do perigo que esse anfíbio representa. Assim, um animal que comer o sapo-flecha e sobreviver, irá associar a cor a situação desagradável e descartará o animal como fonte de alimento. Em foco - Exercício 3 (página 26) Quando o sapo é mordido, as glândulas arrebentam, envenenando o predador. Exercício 11 (página 27) Resposta pessoal. Se os peixes forem de criação local, não, mas se forem pegos e jogados dentro de um tanque para que se reproduzam ao acaso, pode ser assim considerado. Em foco - Exercício 2 (página 27) Em mamíferos, aves e répteis, em que a fecundação é interna, não há dependência de água para a reprodução. Já para os anfíbios e peixes, a fecundação é externa, tornando a água indispensável.

27 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DOS INVERTEBRADOS INVERTEBRADOS


Carregar ppt "- Características dos animais; - Princípios da classificação biológica; - Vertebrados: mamíferos, aves, répteis, anfíbios e peixes; - Invertebrados: equinodermos,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google