A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA E OS SISTEMAS SOCIAIS A DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA E OS SISTEMAS SOCIAIS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA E OS SISTEMAS SOCIAIS A DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA E OS SISTEMAS SOCIAIS."— Transcrição da apresentação:

1 A DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA E OS SISTEMAS SOCIAIS A DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA E OS SISTEMAS SOCIAIS

2 A CRIAÇÃO : IMAGEM E SEMELHANÇA DE DEUS Gênesis 1, 26-28; 9, 5-7

3 A dignidade é essencialmente um atributo da pessoa humana: pelo simples fato de "ser" humana, a pessoa merece todo o respeito, independentemente de sua origem, raça, sexo, idade, estado civil ou condição social e econômica. A dignidade é essencialmente um atributo da pessoa humana: pelo simples fato de "ser" humana, a pessoa merece todo o respeito, independentemente de sua origem, raça, sexo, idade, estado civil ou condição social e econômica.

4 " Todos os homens são essencialmente iguais, perante Deus e perante os outros homens. O homem vale mais pelo que é do que pelo que tem. Sua missão divina, é de ser co-participante na obra criadora de Deus e de construir o Reino de Deus, nesta terra. Foi originalmente constituído por Deus em estado de Justiça; tem uma vocação altíssima, sublime, divina: é chamado por Deus à comunhão perpetua na vida eterna; para comunhão com Deus, em Cristo; para participar da natureza divina; tem por isso capacidade de conhecer e amar a Deus; autor, centro e fim de toda a vida econômico-social; é e deve ser o principio, sujeito e fim de todas as instituições sociais" (Concilio Vaticano II - "Gaudium et Spes").

5 Nada é nosso, tudo é de Deus! Nós somos apenas gerentes, administradores dos bens de Deus, para cuidar das coisas Dele. A Bíblia nos ensina que todas as riquezas pertencem a Deus. Nada daquilo que hoje está conosco é realmente nosso. Do Senhor é a terra e a sua plenitude, o mundo e aqueles que nele habitam". (Sl 24, 1-2)

6 A dignidade humana é um valor evangélico. Em Cristo, Deus desce até ao abismo do ser humano, para restaurar por dentro a dignidade da pessoa. Jesus a restaurou, consiste em "SER MAIS e não em "TER MAIS".

7 Jesus não veio ao mundo somente para tirar o pecado, mas acima de tudo Ele veio para mostrar o amor misericordioso de Deus para com os homens. Eu vim para que tenham vida, e tenham vida em abundância (Jô 10,10)

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17 Jesus não nos criou para escravizar, mas para libertar a cada um de nós das angústias, das doenças, dos fracassos, das tristezas. Quem se apega aos meus mandamentos e os observa, este me ama. Ora, aquele que me ama será amado por meu Pai, e Eu, por minha vez, o amarei e me manifestarei a ele" (Jô 14,21)

18 13 SISTEMAS SOCIAIS

19 Sistemas Sociais: conjunto de idéias, normas, regras que dizem respeito a sociedade; é a vida do homem organizada em comunidades em país ou nação; são também entendidas aqui as regras políticas, as posições ideológicas, a ciência dos fenômenos referentes ao estado. É o conjunto dos objetivos que formam determinado programa de ação governamental. O mundo moderno está praticamente dividido entre 4 sistemas, formando dois grandes blocos: o LIBERALISMO/CAPITALISMO e o SOCIALISMO/COMUNISMO.

20 06 O LIBERALISMO

21 É o conjunto de idéias e doutrinas que visam a assegurar a liberdade individual no campo da política, da moral, da religião, dentro da sociedade. O liberalismo é marcado pelo "individualismo. O liberalismo não se sente obrigado a colaborar, concretamente, para dar a todos os homens as possibilidades reais de ser homens, de ser livres. Professa que a razão suprema de ser da sociedade é criar condições para o pleno exercício do livre arbítrio. O livre arbítrio quando bem empregado: liberta, mal empregado: escraviza. Existe uma imensa exploração dos fracos pelos fortes, uma insolente exploração dos humildes. não admite a existência de sindicatos e não admite nenhum tipo de associação, inclusive religiosa.

22 06

23 O CAPITALISMO

24 É o sistema social fundado na influencia ou predomínio do Capital (dinheiro); regime social em que os meios de produção constituem propriedade privada e pertencem aos capitalistas (aos donos do capital). O capitalismo baseou-se na ideologia do liberalismo. É o sistema social fundado na influencia ou predomínio do Capital (dinheiro); regime social em que os meios de produção constituem propriedade privada e pertencem aos capitalistas (aos donos do capital). O capitalismo baseou-se na ideologia do liberalismo. É o liberalismo aplicado as fontes de produção, distribuição e venda. O homem vale somente pelo que ele produz e pelo que ele consome. É a base da sociedade consumista. Tudo se fabrica e se vende em nome dos valores do "ter", do "poder" e do "prazer, como se isto fossem sinônimos de felicidade humana. Levam os homens a reduzirem-se em visão consumista e individualista de ser.

25 06

26 O SOCIALISMO

27 É o conjunto de doutrinas que se propõe promover o bem comum pela transformação da sociedade e das relações entre as classes sociais, mediante a alteração do regime de propriedade. Propõe a estatização dos meios de produção o que (deveria) ( implicaria ) na distribuição mais justa e eqüitativa da renda nacional e eliminação das classes sociais. Premissas do socialismo: O homem é um ser bom por natureza, corrompido pela sociedade - a maldade, a iniqüidade, estão na sociedade e não no ser humano; o homem é um ser social e o social tem primazia; os homens são iguais por natureza, desiguais pela iniqüidade social; basta renovar a sociedade para banir a desigualdade, a injustiça e a maldade que fizeram do homem lobo do homem (Rousseau).

28 06

29 O COMUNISMO

30 Aplicação pratica do socialismo marxista ( ) onde qualquer sistema econômico e social deve ser baseado na propriedade coletiva. Aplicação pratica do socialismo marxista ( doutrina dos filósofos alemães Karl Marx e Friedrich Engels que desenvolvidas através das teorias da luta de classe e da elaboração do relacionamento entre o capital e o trabalho o que resultou a criação da teoria e da tática da revolução proletária) onde qualquer sistema econômico e social deve ser baseado na propriedade coletiva. O estado detêm a posse de todos os meios de produção e distribuição. O homem consome somente aquilo que o estado permite. A economia de mercado é substituída pelo planejamento total da economia e impõe um regime totalitário com a concentração do poder político, para instaurar uma sociedade igualitária. Prega a transformação do homem e do universo pelo trabalho e pela técnica; são incapazes, entretanto, de garantir o justo salário e as condições justas de trabalho.

31 06

32 Os sistemas sociais, quaisquer que eles sejam são impotentes para sozinhos, implantar no mundo a justiça social. Nenhum deles apresenta propostas eficazes, porque nenhum deles é centrado no respeito à dignidade da pessoa humana. O homem só se realiza plenamente e vive num ambiente de paz, justiça e amor, na vivência do Evangelho.SÍNTESE

33 A SALVAÇÃO ESTA EM JESUS CRISTO. A missão de Jesus ao vir ao mundo foi a de arrancar a raiz de todo mal e salvar a humanidade, ou seja,salvar os homens em sua totalidade, corpo, mente e espírito. "Eis o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo (Jô 1, 29) Nos dias de hoje sempre é relembrado e recordado nas missas no momento da apresentação do corpo e sangue de Cristo.

34

35


Carregar ppt "A DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA E OS SISTEMAS SOCIAIS A DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA E OS SISTEMAS SOCIAIS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google