A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Alienação Mental 2ºC AngeloNº 07 Bruno G.Nº 08 ErnandesNº 16 MaurícioNº 29 RodrigoNº 37 EE Dom José de Camargo Barros – Indaiatuba, disciplina de Filosofia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Alienação Mental 2ºC AngeloNº 07 Bruno G.Nº 08 ErnandesNº 16 MaurícioNº 29 RodrigoNº 37 EE Dom José de Camargo Barros – Indaiatuba, disciplina de Filosofia."— Transcrição da apresentação:

1 Alienação Mental 2ºC AngeloNº 07 Bruno G.Nº 08 ErnandesNº 16 MaurícioNº 29 RodrigoNº 37 EE Dom José de Camargo Barros – Indaiatuba, disciplina de Filosofia TRABALHO DE FILOSOFIA DO 4º BIMESTRE DE 2007

2 Alienação Mental Considera-se Alienação Mental todo caso de distúrbio mental ou neuromental grave e persistente no qual, esgotados os meios habituais de tratamento, haja alteração completa ou considerável da personalidade, comprometendo gravemente os juízos de valor e realidade, destruindo a autodeterminação do pragmatismo e tornando o paciente total e permanentemente impossibilitado para qualquer trabalho.

3 Alienação Mental E como distinguir a alienação da normalidade? Para a medicina mental, tais considerações se davam a partir da inter-relação dos indivíduos com o seu meio social, sendo a normalidade compreendida como a integração de sucesso junto ao grupo, através do respeito às normas morais vigentes. Frente às normas, os loucos estariam à beira, marcados pelo excesso e intensidade dos afetos que impossibilitariam sua sociabilidade. Os psiquiatras executariam, pois, uma higiene das paixões e (re) instituiriam a moral e o equilíbrio necessários à ordem. E como distinguir a alienação da normalidade? Para a medicina mental, tais considerações se davam a partir da inter-relação dos indivíduos com o seu meio social, sendo a normalidade compreendida como a integração de sucesso junto ao grupo, através do respeito às normas morais vigentes. Frente às normas, os loucos estariam à beira, marcados pelo excesso e intensidade dos afetos que impossibilitariam sua sociabilidade. Os psiquiatras executariam, pois, uma higiene das paixões e (re) instituiriam a moral e o equilíbrio necessários à ordem.

4 Alienação Mental Assim, um indivíduo alienado mental é incapaz de responder legalmente por seus atos na vida social, mostrando-se inteiramente dependente de terceiros no que tange às diversas na vida social, mostrando-se inteiramente dependente de terceiros no que tange às diversas responsabilidades exigidas pelo convívio em sociedade. responsabilidades exigidas pelo convívio em sociedade.

5 Alienação Mental No momento da reclusão de alguém visto alienado, percebe-se que havia pouca clareza quanto ao real estado daquele individuo que fora abordado.

6 Alienação Mental O atestado de loucura estaria nesses casos subordinados às opiniões e percepções imediatas de gestos, palavras e comportamentos apresentados pelo suposto alienado.

7 Alienação Mental A alienação mental era considerada uma doença especial, e se apontava que o lugar dos loucos não era entre os demais doentes nas Santas Casas, mas tampouco nas cadeias, onde muitos se achavam confinados.

8 Alienação Mental É importante observar que a psiquiatria como atualmente a conhecemos nasceu com o nome de alienismo. Essa foi a denominação dada por Pinel à ciência dedicada ao estudo da alienação mental.

9 Alienação Mental A alienação mental se dá quando uma pessoa fica sem qualquer tipo de crítica quanto aos assuntos em que a relacionam. A pessoa não faz esforço para entender, interpretar ou conhecer o mundo a sua volta como ele realmente é. Conclusão

10 LinksInformações:http://www.dgp.eb.mil.br/dcip/Port%20328.htm 04/Simposios%2520Tematicos/Cristiana%2520Facchinetti.doc+Aliena%C3%A7%C3%A3o +Mental&hl=pt-BR&ct=clnk&cd=32&gl=br&lr=lang_pt bibliote/informe_eletronico/2007/iels.jul.07/iels134/M_PT-SMG- 80_2007.pdf+Aliena%C3%A7%C3%A3o+Mental&hl=pt- BR&ct=clnk&cd=39&gl=br&lr=lang_pt


Carregar ppt "Alienação Mental 2ºC AngeloNº 07 Bruno G.Nº 08 ErnandesNº 16 MaurícioNº 29 RodrigoNº 37 EE Dom José de Camargo Barros – Indaiatuba, disciplina de Filosofia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google