A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

108-11-20131 O Open Access e a informação em saúde: os Repositórios Institucionais Seminário O Acesso à Informação em Saúde 9 e 10 de Fevereiro de 2009.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "108-11-20131 O Open Access e a informação em saúde: os Repositórios Institucionais Seminário O Acesso à Informação em Saúde 9 e 10 de Fevereiro de 2009."— Transcrição da apresentação:

1 O Open Access e a informação em saúde: os Repositórios Institucionais Seminário O Acesso à Informação em Saúde 9 e 10 de Fevereiro de 2009 Helena Donato HUC

2 2 Sumário Introdução Open Access Repositórios Institucionais - Missão - O que são? - Quais os objectivos? - Que tipo de documentos reúne? - Quais as vantagens? RCAAP RIHUC Conclusão

3 Without publication, science is dead Gerard Piel

4 4 Introdução Lançamento em 1665 do Journal des Sçavans e do Philosophical Transactions revolucionaram a comunicação científica Modelo tradicional de divulgação da produção científica tem vindo a ser criticado por autores e utilizadores Difusão do acesso à Internet mudou paradigma da publicação Redução dos custos de publicação e a disseminação em combinação com aumento dos preços das assinaturas lançou o debate acerca do Open-Access (OA) Meados de 1990 os progenitores do OA começaram a questionar o modelo tradicional de publicação

5 5 Open-Access OA é um movimento, ou melhor, uma estratégia global, cujo objectivo é recuperar a posse da comunicação científica, criando canais alternativos e gratuitos para partilhar a informação e fazer a ciência crescer sem barreiras OA é benéfico para a ciência: - produção científica está livremente e universalmente acessível online - não há barreiras de acesso aos trabalhos publicados

6 6 Open-Access Há 2 caminhos paralelos para o Open-Access: Publicações em Open-Access Self-Archiving: auto-arquivo em Repositórios Institucionais abertos

7 7 Repositórios Institucionais Missão: Reunir, diferenciar, preservar e divulgar a produção científica das instituições

8 8 Repositórios Institucionais O que são? São constituídos com objectivo de armazenar, centralizar, divulgar e dar acesso à produção intelectual da instituição Difundem e dão projecção dessa produção junto de outras comunidades científicas Reúnem num único sítio o conjunto do output científico da instituição aumentando a sua visibilidade e impacto Preservam a memória intelectual

9 9 Repositórios Institucionais Quais são os objectivos? Contribuir para aumentar o impacto intelectual das instituições Contribuir para aumentar a visibilidade das instituições e dos que nela trabalham Preservar e valorizar a memória intelectual

10 10 Repositórios Institucionais Que tipo de documentos reúne? Reúne todos os tipos de documentos: artigos, comunicações, relatórios técnicos, monografias, imagens, filmes, etc…

11 11 Repositórios Institucionais Quais as vantagens? Aumentar a visibilidade - disseminação da produção intelectual da instituição Ajudar nos processos de avaliação Assegurar que a produção científica está facilmente disponível Pode resultar na progressiva alteração do sistema de comunicação científica – poupanças a longo prazo

12 12 Repositórios Institucionais Quais as vantagens para os produtores de informação? Diminuir as barreiras no impacto – os documentos estão livremente disponíveis para outros consultarem, citarem Facilidade de acesso à literatura científica Rápida disseminação Serviços de valor acrescentado – relatórios, estatísticas – ajuda nos processos de avaliação

13 13 RCAAP Repositório Científico de Acesso Aberto em Portugal

14 14 RCAAP Plataforma nacional de acesso internacional a todos repositórios científicos de acesso livre Infra-estrutura de alojamento de repositórios institucionais disponibilizada gratuitamente às instituições científicas e do ensino superior na FCCN

15 15 RCAAP Objectivos: Recolher, agregar e indexar os conteúdos científicos em acesso aberto existentes nos repositórios institucionais científicos e do ensino superior Aumentar a visibilidade e difusão de documentos de carácter científico e académico Integrar Portugal num conjunto de iniciativas internacionais

16 16 RCAAP Promotores Político – UMIC Financeiro – POSC Operacional – FCCN/UMinho

17 17 RIHUC Repositório Institucional dos Hospitais da Universidade de Coimbra

18 18 RIHUC Repositório Institucional dos Hospitais da Universidade de Coimbra - RIHUC Primeiro repositório institucional na área da saúde em Portugal, e um dos primeiros a nível internacional

19 19 RIHUC Como foi implementado o RIHUC? HUC integraram o projecto RCAAP a 30 de Setembro de Outubro começou a fase de testes 17 de Novembro o RIHUC foi configurado e alojado no SARI RIHUC foi agregado no meta-repositório RCAAP e disponibilizado ao público na 3ª Conferência Open-Access, 15 e 16 de Dezembro

20 20 RIHUC Como surgiu? SARI – Serviço de Alojamento de Repositório Institucional Permitiu aos HUC a possibilidade criar um repositório institucional - infra-estrutura de alta-disponibilidade - gestão centralizada dos processos (manutenção, actualização, backups, estatísticas, etc…) - mantém a identidade da instituição - autonomia de administração do repositório

21 21 RIHUC Como está organizado? Em Comunidades e Colecções Cada Comunidade tem as suas próprias colecções segundo a tipologia pré-definida - artigos - comunicações e conferências - livros e capítulos de livros - publicações pedagógicas - relatórios técnicos/científicos - outros documentos

22 22 RIHUC O que se encontra neste momento? 43 Comunidades criadas 323 documentos depositados de tipologia diversa

23 23 Conclusão O Open-Access em Portugal é irreversível O projecto RCAAP constituiu uma oportunidade para os HUC criarem o seu Repositório Institucional Temos de continuar o esforço de persuasão para o auto-arquivo Os autores, quer como produtores quer como consumidores de informação, são os primeiros interessados nos Repositórios institucionais e quem poderá retirar benefícios mais imediatos (Rodrigues, Eloy, 2004)


Carregar ppt "108-11-20131 O Open Access e a informação em saúde: os Repositórios Institucionais Seminário O Acesso à Informação em Saúde 9 e 10 de Fevereiro de 2009."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google