A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal."— Transcrição da apresentação:

1 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas Trabalho Realizado por: Inês Machado nº14 Inês Amaral nº15 Sofia Póvoa nº 20 Susana Araújo nº 21 Vanessa Dias nº 23 10º C A apresentar à Escola Secundária Damião de Goes Sob a orientação da Profª Maria Clara Madera

2 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Interesse do grupo & Objectivos do trabalho Ser um tema actual e importante de ser divulgado à comunidade; Pretendemos esclarecer todas as nossas dúvidas acerca deste assunto; A grande interacção dos resíduos com os ecossistemas; Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas O Trabalho tem como objectivos responder às seguintes questões: - Quais as medidas a tomar relativamente aos lixos residuais? - Qual o impacto ambiental que os resíduos podem provocar? - Quais as vantagens da redução e valorização dos resíduos?

3 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas I – REVISÃO DA LITERATURA A revisão da Literatura tem como objectivo a identificação e clarificação dos conceitos que emergem do tema do trabalho. Na clarificação dos conceitos pretendemos fazer recolha da máxima informação possível com base em autores, teorias e estudos existentes sobre este tema. O s c o n c e i t o s q u e i r e m o s i d e n t i f i c a r e c l a r i f i c a r s ã o : Resíduos Aterro Sanitário Lixeiras Política dos 3R´s

4 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas Resíduos Quaisquer substâncias ou objectos de que o detentor se desfaz ou tem intenção ou tem obrigação de se desfazer. Os Resíduos podem Classificar-se em: UrbanosPerigosos Resíduos Urbanos: São todos os resíduos produzidos pelas populações (domésticos) e actividades económicas de um município que sejam passivos de remoção e tratamento; O seu aumento resulta do crescimento demográfico, da evolução dos hábitos de vida e consumo e do desenvolvimento industrial e económico; A sua má gestão agrava a poluição do Meio Ambiente; São Resíduos de base Biodegradável; É necessário organizar e promover a recolha selectiva; Para uma correcta gestão dos resíduos torna-se necessário fazer a sua quantificação e caracterização. Depois da sua avaliação podem ser conduzidos para lixeiras ou aterros sanitários.

5 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas Resíduos Perigosos São todas as substâncias, materiais ou objectos obrigatórios de serem removidos por terem substâncias perigosas, que colocam em risco a saúde humana e ambiental. A principal fonte é a indústria; Existem diversos tipos tais como: hospitalares contaminados, pesticidas, farmacêuticos, solventes e óleos usados, tintas; Por vezes tenta-se eliminá-los através de deposição nos solos, tal facto leva à contaminação dos solos, águas subterrâneas e espécies animais; Para gerir este tipo de resíduos tem que se ter em conta 3 pontos: prevenção, valorização e eliminação; Em Portugal alguns destes resíduos já são valorizados.

6 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas Resíduos Hospitalares Resíduos produzidos em unidades de saúde Grupo A - Contaminados Anatómicos Bacteriológicos Farmacêuticos Ortopédicos Químicos Radiológicos Grupo B - Não Contaminados Medidas a tomar: - Triagem na fonte; - Circuitos Intra hospitalares; - Armazenamento separado; - Tratamento de resíduos contaminados.

7 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas LixeirasAterro Sanitário São locais a céu aberto onde os resíduos são descarregados sem qualquer tipo de tratamento; É desaconselhável, porque é prejudicial ao Meio Ambiente: - Os lixos estão em combustão provocando fumos e maus cheiros; - Degradação dos solos; - Contaminação de águas; A sua adopção é punida por lei. É uma instalação de eliminação utilizada para a deposição controlada dos resíduos, acima ou debaixo da superfície natural; Os resíduos são lançados ordenadamente e cobertos com terra ou material semelhante; Há controlo do impacto ambiental durante a operação e depois do encerramento; É uma grande evolução em relação às lixeiras em termos ambientais; Quanto é atingida a cota máxima o Aterro é selado.

8 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas Estação de Compostagem É um local onde ocorre transformações biológicas por decomposição dos resíduos no qual se obtém o produto final, o composto; O composto é um excelente correctivo dos solos, é fértil; Para reduzir a quantidade de lixo produzido nas nossas casas pode-se recorrer à compostagem doméstica.

9 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas Reciclagem Fonte de valorizar os resíduos; É o processo de transformação de um material que já teve uma utilização, numa matéria-prima ou bem de consumo; Os resíduos têm que ser devidamente separados pelas suas diferentes classes; As taxas de reciclagem em Portugal continuam a ser muito baixas; Deve existir uma pré-reciclagem, ou seja, o consumidor deve escolher produtos embalados em materiais que possam ser reciclados; Como consumidores podemos adoptar algumas medidas, tais como, a utilização de embalagens de retorno e oferecer roupa que já não usamos. PapelRoupasPlásticoPilhasMetaisVidroCartão Recicla- gem Papel/ cartão Plásticos e embalagens Vidro Pilhão

10 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Política dos 3R´sPolítica dos 3R´s Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas Reduzir: É a 1ª das formas de reduzir os problemas da Gestão de resíduos; Para isso tem de haver a utilização de materiais e tecnologias menos poluentes, menos dispendiosas, que sejam recicláveis e evitar consumos supérfluos. Reutilizar: Há materiais que são produzidos para serem usados várias vezes; outra das opções é a utilização de recargas; A opção por materiais reutilizáveis diminui a quantidade de resíduos domésticos. Reciclar: É uma forma de valorizar um material que já foi utilizado, transformando-o em material útil; Para que os materiais possam ser reciclados, é necessário que sejam separadamente recolhidos e transportados para indústrias de reciclagem;

11 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas VidroVidro É constituído por sílicas, carbonato de sódio e cal; Os processos que está sujeito são fusão, moldagem e recolhimento. Reduzir: As vidreiras têm conseguido reduzir a quantidade de vidro necessária para a produção de garrafas, o que se traduz em benefícios para o ambiente. Reutilizar: Algumas embalagens de vidro são reutilizáveis. O consumidor depois de consumir devolve-as à loja que por sua vez devolve às fábricas. O que quer dizer que uma embalagem pode ser utilizada várias vezes. Reciclar: Todas as embalagens de vidro são recicláveis. Mas para isto, o consumidor tem que deitá- las no Vidrão.

12 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal PapelPapel Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas Existem vários tipos de papel, mas as bases da sua produção são todas idênticas. Mistura de fibras vegetais em água, lavagem, branqueamento, prensagem e secagem. O papel é um material ecologicamente saudável, uma vez que é produzido através de uma substância renovável, reciclável e biodegradável. Mas também tem aspectos negativos como a desflorestação. Reduzir: Os papéis e cartões são dos materiais mais vulgares, úteis e abundantes, mas o seu consumo tem de ser racional para evitar desperdícios. Reutilizar: Os papéis e cartões devem ser utilizadas tantas vezes quanto possível. Reciclar: Reciclar é aproveitar as fibras de celulose existentes nos papéis usados para produzir novos.

13 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal PlásticosPlásticos Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas As matérias mais utilizadas no seu fabrico são o petróleo e o gás natural, o que faz com que seja uma problemática, porque são recursos naturais não renováveis. Têm uma duração longa e são reconhecidos por siglas. Reduzir: Normalmente os plásticos são provenientes de embalagens. Por isso cabe ao consumidor evitar consumos supérfluos e as embalagens de recarga também levam à redução. Reutilizar: Normalmente não há retorno, mas não impede que sejam reutilizadas, como o caso dos sacos. Reciclar: Todos os materiais plásticos são recicláveis.

14 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Pilhas São objectos perigosos, por serem constituídos por cádmio, chumbo, lítio e mercúrio; Quando são largados em sítios impróprios há a corrosão dos invólucros e o seu conteúdo tóxico é libertado, o que pode afectar a natureza e o ser humano; É muito importante colocá-las nos pilhões. Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas Reduzir e Reutilizar: Nenhuma pilha deve ser deitada no lixo, mas sim no pilhão; Sempre que possível devemos optar por pilhas recarregáveis. Reciclar: A recolha selectiva das pilhas usadas é feita em Portugal.

15 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Gestão em Portugal Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas A produção de lixo está a aumentar e com ele, crescem os problemas ambientais e das populações. Somos dos países da Europa que produzimos menos lixo. Está em vigor uma nova política em que se substitui todas as lixeiras por aterros sanitários, para uma melhor gestão dos resíduos. Deixamos de ter 328 lixeiras para passarmos para 30 Aterros Sanitários. Portugal para os resíduos hospitalares investiu em sistemas alternativos por descontaminações hospitalares.

16 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas Metodologia & Tratamento de dados Metodologia: A metodologia utilizada foi o inquérito. Este foi de resposta fechada, de aplicação directa. Teve como público-alvo os alunos da Escola Secundária Damião de Goes. Tratamento de dados: No total foram 20 os inquiridos, em que 11 eram do sexo feminino e 9 do sexo masculino. A média de idade destes era de 16 anos; Foram realizadas 9 perguntas; A maior parte dos inquiridos sabia razoavelmente sobre este tema actual, presente no nosso quotidiano.

17 Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal Estação de Compostagem Reciclagem Lixeiras & Aterro Sanitário Resíduos Perigosos Resíduos Urbanos Resíduos Política dos 3R´s Vidro Papel Plástico Pilhas Gestão em Portugal Metodologia & Tratamento Conclusão Lixos Residuais e a sua Interacção com os ecossistemas Conclusão É vital para a nossa existência a separação selectiva dos Resíduos; Há um gradual aumento do lixo; De acordo com os inquéritos realizados podemos concluir relativamente aos inquiridos que: A grande maioria sabe diferenciar os diferentes tipos de lixo quanto à sua perigosidade; Surgem algumas dúvidas na diferenciação de um aterro de uma lixeira; A política dos 3R´s e a reciclagem são reconhecidas do senso-comum; Na colocação dos materiais nos ecopontos surgiram algumas dúvidas, nomeadamente os pacotes de batatas fritas; A deposição das pilhas é feita no pilhão; Os inquiridos admitiram que raramente reciclam.


Carregar ppt "Insira o logótipo no modelo global Insira o nome do grupo de trabalho no modelo global Projectos Documentos Equipa Ligações O que há de novo Principal."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google