A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Virgílio Baião Carneiro Associação Médica de Minas Gerais Set/2009

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Virgílio Baião Carneiro Associação Médica de Minas Gerais Set/2009"— Transcrição da apresentação:

1 Virgílio Baião Carneiro Associação Médica de Minas Gerais Set/2009
Gestão e Saúde Virgílio Baião Carneiro Associação Médica de Minas Gerais Set/2009

2 Novas tendências com o novo modelo de regulação social – Perfil do Trabalhador
Regulação Fordista Cargos bem definidos Linha de montagem Estrutura vertical Ênfase na produção Especialização das profissões Remuneração por produção Carreiras Proteção social Regulação Neoliberal Volatilização dos cargos Engenharia de processo Estrutura horizontal Ênfase na diferenciação Domínio de vários conteúdos Remuneração por resultado Mobilidade profissional Responsabilidade individual

3 Novas tendências com o novo modelo de regulação social Adequação das profissões relacionadas à formação Formações 1980 1991 biologia 38,10% 29,50% medicina 73,3% 86,6% arquitetura 69,1% 57,6% Eng.mecânica 56,7% 42,2% Eng.civil 68,7% 53,6% estatística 41,1% 25,7% matemática 42,7% 29,6%

4 Novas tendências com o novo modelo de regulação social
Química 45,7% 34,1% administração 33,9% 27,1% contábeis 37,4% 29,6% economia 23,8% 16% comunicação 24,8% 25,3% direito 42,5% 42,8% história 43,8% 33,1% pedagogia 18% 12,2% Psicologia 48% 27,7% letras 37,1% 28,55

5 Ambiente das relações médico/pacientes
Hospital Legislação Demografia SUS I.Farmac. Empresas Médico Paciente I.Equipam. Operadoras I.Materiais Distribuidores Ambiente Judiciário

6 Modelo Assistencial Centrado no Consumo
Ano D/Taxas Mat/Med Honorário SADT 1967 57,3% 11,5% 15% 16,2% 2002 22,7% 43,3% 26,6% 7,4%

7 Modalidade da operadora
2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 (1º trimestre) Total 80,9 80,8 79,0 79,9 77,8 Operadoras médico-hospitalares 81,4 81,5 79,7 80,6 80,5 78,4 Autogestão 82,7 90,9 88,7 83,2 87,9 91,0 83,8 Cooperativa médica 83,6 83,0 81,8 80,7 79,6 78,6 Filantropia 73,3 77,1 73,5 75,6 52,9 57,3 77,4 Medicina de grupo 75,9 75,2 75,8 76,0 75,1 Seguradora especializada em saúde 86,2 87,2 90,0 84,0 89,7 79,8 Operadoras exclusivamente odontológicas 55,2 51,0 49,3 46,3 48,1 49,5 46,7 Cooperativa odontológica 76,3 66,6 65,7 63,1 64,9 65,4 64,1 Odontologia de grupo 44,9 42,4 41,1 39,6 40,9 42,1 39,4

8 Visão Simplificada da Cadeia Produtiva da Saúde
Ind. Mat. Serviços Compradores Ind. Med Prof. Liberais Ind. Equip. SUS Ambulatórios Energia,água Clínicas Alimentos S.Supletiva Serviços Hospitais Terceiros P.Físicas Mat.Consumo Outros

9 Evolução dos Recursos Públicos para a Saúde no Brasil
Ano MS SES MUN Total Per/capita US$/ano 2000 20.351 6.313 7.403 34.068 109,7 2001 22.474 8.269 9.268 40.012 98,7 2002 24.736 10.078 11.759 46.574 91,7 2003 27.181 12.224 14.218 53.632 2004 32.703 15.104 16.141 63.948 121,9 2005 36.474 17.633 17.920 72.030 152,9 2007 44.330 24.330 25.750 94,41

10 Mercado de Serviços de Saúde no Brasil 2007
S.Próprios Públicos SUS 94,4 bilhões S. Próprios Privados Saúde Supletiva 50,6 bilhões Cons. Privados Amb/Clin. Privados Particulares 12,8 bilhões Hosp. Privados

11 Regulação da Prática Médica
Na atualidade, é possível que o mundo vá evoluir de uma sociedade de relações liberais para uma outra de negócios muito mais regulados.Entretanto, não é possível regular a assistência a saúde sem regular a produção dos serviços. Regular implica em gerir.

12 Abrindo a cadeia produtiva da saúde Indústria de medicamentos - Consumo
Em 2007 o valor total de medicamentos consumidos no país foi de cerca de 53 bilhões de reais. Só para comparação, todo o faturamento dos planos de saúde foi de 50,6 bilhões

13 Abrindo a cadeia produtiva da saúde Indústria de equipamentos - Consumo
Estima-se que o consumo aparente de equipamentos e materiais médicos no Brasil em 2007 foi de cerca de 9,5 bilhões de reais.Destes, o setor hospitalar consumiu cerca de 5,5 bilhões

14 Perfil Profissional na Saúde
Continuamos a formar médicos como a 50 anos atrás: visão liberal da profissão e uma prática médica do consumo O discurso do planejamento foi incorporado na década de 50, juntamente com a medicina preventiva No entanto, os conceitos de gerência e mais recentemente os de regulação, não foram incorporados

15 Perfil Profissional É fundamental que o profissional de saúde conheça seu mercado de trabalho (legislação,procedimentos,programas,políticas etc... : SUS/PSF (94 bilhões) Saúde Supletiva (50 bilhões) Particulares (12bilhões) Modelo assistencial Instrumentos de regulação Formas de pagamento e tabelas Controles e auditoria Qualidade e resultados

16 Perfil Profissional Cadeia produtiva da saúde Indústria médica
Medicamentos Equipamentos Materiais Hospital como empresa de serviços Gestão de custos da assistência de saúde Financiamento da saúde Sistemas de informação e informática médica Tendências da Assistência a saúde


Carregar ppt "Virgílio Baião Carneiro Associação Médica de Minas Gerais Set/2009"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google