A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Inclusão Digital Programa Acessa São Paulo. Crédito: foto de satélite - NASA Mapa da Luz.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Inclusão Digital Programa Acessa São Paulo. Crédito: foto de satélite - NASA Mapa da Luz."— Transcrição da apresentação:

1 Inclusão Digital Programa Acessa São Paulo

2 Crédito: foto de satélite - NASA Mapa da Luz

3 Era Agrícola Terra Era Industrial Capital+Trabalho Era da Informação Conhecimento Era das Redes Alianças

4 Revoluções tecnológicas REVOLUÇÃO INDUSTRIAL Novas formas de organização social e novos espaços de vida REVOLUÇÃO DA INTERNET Novas formas de organização social (em rede) e novo espaço (virtual) profundas alterações nos padrões de comportamentos e relações sociais novas formas de pensar, de escrever, de aprender, de manter relacionamentos, novos modos de vida

5 EXCLUSÃO DIGITAL Barreiras econômicas Escolaridade/Analfabetismo Barreiras geográficas Falta de conteúdo relevante para toda a comunidade Foco no consumidor e não no cidadão Barreiras culturais CAUSAS Exclusão de: Modo de vida Possibilidades Novas narrativas

6 41% da população online do mundo acessa a Internet dos Estados Unidos e Canadá Os números da Exclusão Digital Fonte: Dados do ano 2000, de Falling Through the Net 2000 e Internet POP 2% das famílias das classes D e E tem acesso à Internet 85% das famílias de classe A e B tem acesso à Internet 27% da população online vive na Europa, Oriente médio e África 20% da população online acessa a Internet da Ásia 4% da população online do mundo acessa a Internet da América Latina No Brasil...

7 SOCIEDADE DA INFORMAÇÃO Democratização do acesso à informação e ao conhecimento INCLUSÃO DIGITAL acesso às novas tecnologias capacitação dos usuários Economia cada vez mais dependente das novas tecnologias Capital mais importante é o conhecimento AUMENTO DO CAPITAL SOCIAL POTÊNCIA DA POLÍTICA PÚBLICA POTÊNCIA DA AÇÃO COLETIVA

8 Cidadão como usuário (cliente) dos serviços públicos GOVERNO ELETRÔNICO INCLUSÃO DIGITAL Visão de cidadania que incorpora a promoção da participação e do controle social sobre as políticas públicas PROMOÇÃO DA CIDADANIA Transformação das práticas políticas Ampliação da base de usuários Aumento da empregabilidade dos indivíduos

9 Julho de 2000

10 Fatores-chave para a inclusão digital Escolha e entendimento do local Capacitação, treinamento contínuo e mecanismos de gestão Tecnologias de mapeamento e indicadores Produção de conteúdo

11 Escolha e entendimento do local A escolha do local é o primeiro passo para a implantação de um de um ponto de acesso público à Internet, podendo contemplar diferentes estratégias, desde a integração com a comunidade, o fortalecimento de políticas locais ou a utilização de espaços públicos de serviços já conhecidos pelos usuários.

12 % % Valorização do Acesso à Internet Você acha que se você pudesse usar um computador com internet, isso poderia... Fonte: Pesquisa de Necessidades Informacionais/2000

13 Apresentação e aceitação do conceito de Infocentro Existe um plano de colocar computadores com internet em alguns locais (como centros comunitários etc.) para as pessoas usarem. Nesse lugar, haveria orientadores para explicar e ensinar a usar o computador e quem usar não precisa pagar nada pelo uso. Fonte: Pesquisa de Necessidades Informacionais/2000 Você iria lá para fazer uso do computador/Internet?

14 Localização e interesse do usuário Você gostaria de ir nesse lugar também para conhecer outras pessoas, fazer novos amigos? Fonte: Pesquisa de Necessidades Informacionais/2000 Localização preferida

15 Parceria com locais de acesso público (Poupatempo, EMTU) Parcerias com prefeituras municipais Parcerias com lideranças comunitárias locais e associações de moradores Infocentros Comunitários (IC´s) Infocentros Municipais (IM´s) Postos Públicos de Acesso à Internet (POPAI´s) 54 Infocentros comunitários no município de São Paulo 52 Infocentros em pontos de acesso público 114 Infocentros municipais no interior e litoral (24 em implantação) Total: 220

16 Comparação entre 3 tipos Infocentros Comunitários Infocentros municipais POPAIs Tempo de uso 30 minutos 20 minutos Monitores 2 monitoresvariável3 monitores Infra-estrutura 10 computadores De 2 a 12 computadores De 11 a 36 computadores Atendimento 11 horas por dia, de 2 a a sábado 8 horas por dia, de 2 a a 6 a De 2 a 6 a 11 horas e sábados 8 hora Recursos Entidades fornecem a sala e pagam conta de luz Prefeituras fornecem local e funcionários Espaços e funcionários do próprio governo

17 Acessinha e Infocentros em implantação Acessinha: Infocentros específicos para o público infantil 20 instalados Infocentros em implantação: 20 Acessinhas 24 Infocentros municipais Total: 44

18 Capacitação, treinamento contínuo e mecanismos de gestão A apropriação dessas estruturas pela comunidade depende fundamentalmente do atendimento oferecido aos usuários As pessoas devem ser capacitadas tanto para o atendimento aos usuários como na administração do projeto/local, caso contrário apenas algumas pessoas serão beneficiadas

19 Capacitação para o Uso do Computador Você sabe usar/ se sente capaz de usar um computador sem precisar da ajuda de alguém? Fonte: Pesquisa de Necessidades Informacionais/2000

20 Capacitação, treinamento contínuo e mecanismos de gestão Formas de capacitação e contato Offline Capacitação inicial Encontros Mensais Telefone Online Síncrona (Sametime) Assíncrona –Sistema de RelatóriosSistema de Relatórios –Sistema de CadastroSistema de Cadastro Os monitores são os principais atores e multiplicadores das estratégias de inclusão digital. O contato e gestão dos monitores precisa ser contínuo e permanentemente acompanhado, com encontros online e offline.

21 Tecnologia de mapeamento e indicadores É importante o desenvolvimento de metodologias de mapeamento, tanto de recursos como de conhecimentos e tendências, através de um processo contínuo de pesquisas online e offline A pesquisa, como a poesia, é de quem precisa dela

22 Tecnologia de mapeamento e indicadores FalaSP Ponline Clássica Ponline Temática Conexões Científicas A pesquisa é uma ferramenta necessária para avaliar o andamento do projeto e o impacto na comunidade. Pode ser trabalhada em vários níveis.

23 Produção de conteúdo Dispor de ferramentas e não oferecer/produzir conteúdos relevantes é resolver apenas parcialmente o problema. O Infocentro, da forma como se constitui, configura-se em um espaço de acesso à tecnologia por meio de trocas, produção de conteúdo e aprendizagem colaborativa.

24 Oferta de serviços e informações para a comunidade Oferta de serviços e informações pela comunidade Portal do Acessa São Paulo Mini Cursos (cursos à distância) Inclusão de portadores de deficiência Cadernos Eletrônicos Fala São Paulo Rede de Projetos Produção de conteúdo PIM

25 Produção de conteúdo Portal Acessa São Paulo Traz informações sobre o programa, notícias dos Infocentros e links para diversos serviços públicos

26 Produção de conteúdo MiniCursos Cursos via Internet Gratuitos, média de 4 lições por curso, de 15 minutos cada Conteúdo popular, visando à aplicação prática 6 MiniCursos no ar e 12 em fase de desenvolvimento Experiência pioneira de popularização da educação à distância

27 Produção de conteúdo Dicionário de LIBRAS Dicionário de sinais para deficientes auditivos Ilustrado Inclusão social de portadores de deficiência

28 Produção de conteúdo Cadernos Eletrônicos Desenvolver diferentes competências nas áreas de informática e Internet Formato PDF – pode ser impresso no Infocentro 10 cadernos no ar Exemplos: Como usar e gerenciar seus s, Uso da impressora e tratamento de imagens

29 Produção de conteúdo Rede de Projetos Estimular o uso criativo da Internet para trazer o desenvolvimento da comunidade Exemplos: Mulheres Globalizadas (SAEM), Padeiros e Cabeleireiros Mirins (Criança Feliz), Pesquisa de navegação para sites adaptados para cegos (ADEVA)

30 Produção de conteúdo Passaporte de Internet e Multimídia (PIM) O Passaporte de Internet e Multimídia é uma estratégia para estimular a pesquisa e o uso da Internet para o auto-aprendizado Suporte físico Estruturar caminhos de aprendizado Carimbos – conteúdos Portal – Comunidade PIM Validação do conhecimento adquirido => aumento da auto-confiança Desenvolvimento da autonomia Estratégia de parcerias e alianças

31 Funcionamento

32 Resultados

33 Resultados 2004 – 3 anos InvestimentosR$ Infocentros Comunitários54 Infocentros Municipais (24 em implantação)138 Postos Públicos52 Acessinha (20 em implantação)42 Infocentros instalados242 Infocentros em implantação44 Total de Infocentros286 Atendimentos Pessoal Cadastrado

34 Prêmio Global Junior Challenge – It á lia – 2004 Profissional de tecnologia do Ano – Fernando Guarnieri – Coordenador do Programa – 2004 Prêmio Gestão SP – recebido pelo projeto Promover Sa ú de, do Infocentro Vila Concei ç ão Prêmio Excelência em Governo Eletrônico – 2003 Finalista do Prêmio Gestão P ú blica da Funda ç ão Get ú lio Vargas – 2003 Prêmios Acessa São Paulo

35 Drica Guzzi:

36 Destaques da capacitação inicial Papel dos monitores no Infocentro Potencial da Internet para o desenvolvimento humano Competências pessoais: saber escutar, comunicação, comprometimento Estratégias de pesquisa em sites de busca Critérios de avaliação de sites Pesquisa Atendimento a usuário E-gov/E-cidadania Capacitação inicial dos monitores Formas de contato com os monitores É mais fácil capacitar as pessoas em conhecimentos e habilidades tecnológicas do que transformar pessoas tímidas, reticentes e relutantes socialmente em animadores comunitário.

37 Kit Encontro Formas de contato com os monitores Evento mensal com os monitores: Necessitam retirar os vales-transporte e refeição, além dos kits de papel e tinta de impressora Aproveita-se esse momento para reunir os monitores e trabalhar temas específicos relacionados ao trabalho nos Infocentros. São sempre duas opções de datas em horários diferentes para que os monitores possam vir fora do horário de trabalho na comunidade e o Infocentro não precise fechar.

38 Sametime Formas de contato com os monitores Atendimento online, permanente e personalizado para problemas do dia a dia.

39 Sistema de Cadastro Formas de contato com os monitores Cadastro de usuários dos Infocentros Acompanhamento de atendimentos / cadastros Informações sobre os Infocentros Integração com o PIM

40 Sistema de Relatórios Formas de contato com os monitores Site de relacionamento com monitores Entrega de relatórios semanais Relato de acontecimentos nos Infocentros – Diário de bordo Controle de cadastros / atendimentos Gráficos de desenvolvimento Mensagens entre monitores e equipe

41 Fala São Paulo Objetivos: - Participação pública - através da cultura de voto - Levantamento de temas relevantes - reflexão - Compreensão de gráficos, resultados Opinião Pública Método de escolha 1. Auto escolha 2. Amostragem aleatória 3. Todos A. Bruta 1A – SLOPs* (FalaSP) 2A - Pesquisas de opinião pública 3A - Democracia plebiscitária B. Refinada 1B - Grupos de discussão 2B - Pesquisas deliberativas 3B - "Dia da Deliberação" SLOP - Self-selected Listener Opinion Poll – Enquete de opinião com ouvinte auto-selecionado

42 Fala São Paulo Enquetes semanais via Internet Canal de comunicação com o governo Dados tabulados por sexo, idade, local de onde foi feito o acesso Incentivo ao entendimento de gráficos Média de dois mil votos por semana Você acha que as pessoas não usam camisinha por quê? Na sua opinião, qual das alternativas está mais ligada ao problema das enchentes nas grandes cidades?

43 Pesquisas Online Clássica Metodologia: Pesquisa realizada online, anualmente, que faz o acompanhamento da evolução das demandas dos usuários através de um levantamento de dados, abordando os seguintes aspectos: Características sócio demográficas da população de usuários dos INFOCENTROS; Hábitos e atitudes em relação á internet, informática e INFOCENTROS; Avaliação dos INFOCENTROS, Programa Acessa São Paulo e Fala São Paulo; Impactos da Internet na vida pessoal do usuário; Impacto da Internet na vida comunitária.

44 Destaques Perfil do Usuário –63% Homens X 37% Mulheres –80% até 24 anos –60% até 4 salários mínimos 68% dizem ter melhorado seu desempenho escolar após usar a Internet 54% dizem ter melhorado seu relacionamento com as pessoas 40% dizem ter melhorado seu desempenho profissional 28% publicam algo na Internet 76% dos respondentes considera o computador um avanço que está melhorando a vida das pessoas Pesquisas Online 2004 Total da amostra: respondentes

45 Pesquisas Online Temáticas Metodologia: Pesquisa realizada online, que visa a estudar em maior profundidade temas específicos identificados como prioridades por usuários e gestores tanto no dia a dia quanto nas Ponlines Clássicas. Objetivos: Percepção, hábitos e atitudes dos usuários em relação aos jogos eletrônicos Influência dos jogos eletrônicos sobre os padrões emergentes de comportamento Competências para o trabalho no mercado contemporâneo e a relação com os padrões de comportamento emergente. O mundo do trabalho e os jogos Quantidade de respondentes: 1670

46 Pesquisas do Conexões Científicas Como a forma de funcionamento dos Infocentros afeta as mulheres ? Encarregadas do cuidado a familiares (crianças, idosos, doentes e deficientes) Número de vagas em creches insuficientes (portanto, tem sobrecarga relativa ao cuidado de crianças pequenas) Ausência de sala de espera ou local com abrigo das intempéries Dados encontrados nas Ponlines e no FalaSP Desenvolvimento pelo Conexões Científicas

47 Programa Conexões Científicas Programa de bolsas de PESQUISA ACADÊMICA que tem como objetivo construir pontes entre o saber científico e a prática Pesquisa Acadêmica Programa Conexões Científicas Duração Mestrado – 2 anos Doutorado – 4 anos 8 meses Produção Mestrado – 1 dissertação Doutorado – 1 tese 2 artigos científicos Abordagem Teórico > Empírico < Empírico Teórico Financiamento Fomentadores de pesquisa (FAPESP,CAPES,CNPq) Projetos atendidos pela EF Bolsa Mestrado Doutorado Bolsa valor FUSP

48 Objetivos específicos: Desenvolver ferramentas tecnológicas e funcionalidades para dar suporte ao Programa Desenvolver competências e habilidades nos pesquisadores para a utilização das tecnologias da informação e comunicação aplicadas à pesquisa Promover a pesquisa científica como instrumento de apoio à gestão dos diferentes projetos Assessorar e promover a divulgação e publicação dos resultados das pesquisas Programa Conexões Científicas Os pesquisadores contam com: Suporte metodológico Suporte tecnológico Suporte de gestão de pesquisa Suporte bibliográfico Coaching

49 O Ciclo I ( ), desenvolveu as seguintes pesquisas: 1) Gênero e Informação: como as mulheres se relacionam com a tecnologia disponível nos Infocentros comunitários da periferia de São Paulo - pesquisadora: Arlene Martinez Ricoldi 2) Estratégias de inclusão digital e táticas cotidianas: o caso Acessa São Paulo - pesquisador: Fábio B. Josgrilberg 3) Os Infocentros e o ingresso ou permanência dos usuários no mercado de trabalho - pesquisadora: Maria Teresa Vianna Van Acker Programa Conexões Científicas

50 O Ciclo II ( ), desenvolveu as seguintes pesquisas: 1) Estado da Arte em Comunidades de Prática; Infocentros como Comunidades de Aprendizagem e a Construção da Identidade Coletiva; Usabilidade além do Design: modelo de análise integrada, por Tânia Christopoulos, douranda da Fundação Getúlio Vargas. 2) Emprego e Redes Sociais e Eletrônicas: análise da situação de jovens usuários dos Infocentros; Limitantes do sucesso na localização de emprego:um estudo de casos sobre os jovens freqüentadores dos Infocentros, por Selim Rabia, doutorando da Fundação Getúlio Vargas. 3) Jogos, prazer e narrativas interativas – Estado da arte; Jogos, prazer e narrativas interativas, por Luciano Gosuen, mestrando da ECA-USP. Programa Conexões Científicas


Carregar ppt "Inclusão Digital Programa Acessa São Paulo. Crédito: foto de satélite - NASA Mapa da Luz."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google