A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TÓPICOS EXTINTORES PORTÁTEIS IDENTIFICAÇÃO DOS EXTINTORES TIPOS DE EXTINTORES CAPÍTULO - IV.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TÓPICOS EXTINTORES PORTÁTEIS IDENTIFICAÇÃO DOS EXTINTORES TIPOS DE EXTINTORES CAPÍTULO - IV."— Transcrição da apresentação:

1

2

3 TÓPICOS EXTINTORES PORTÁTEIS IDENTIFICAÇÃO DOS EXTINTORES TIPOS DE EXTINTORES CAPÍTULO - IV

4 - DIFERENCIAR OS TIPOS DE EXTINTORES. Objetivos - CLASSIFICAR OS EXTINTORES PORTÁTEIS. - IDENTIFICAR OS EXTINTORES.

5 IDENTIFICAÇÃO SÃO IDENTIFICADOS POR LETRAS ( A / B / C / D ) EMPREGO DO EXTINTOR E CLASSE LETRAS CORES E SIMBOLOS

6 IDENTIFICAÇÃO SÍMBOLOS

7 CLASSE A A B CLASSE B IDENTIFICAÇÃO

8 C CLASSE C D CLASSE D IDENTIFICAÇÃO

9 TIPOS DE EXTINTORES ÁGUA PRESSURIZADA; CO 2 SOBRE PRESSÃO; PÓ QUÍMICO- PÓ SECO ( PKS );

10 TIPOS DE EXTINTORES HALLON; ESPUMA QUÍMICA; E ESPUMA MECÂNICA.

11 ÁGUA PRESSURIZADA

12 EMPREGO: CLASSE A PROPELENTE: AR COMPRIMIDO OU N 2 obs. : Ampola ou pressão no próprio cilindro

13 RETIRAR O PINO DE SEGURANÇA APERTAR O GATILHO DIRIGIR O JATO PARA BASE DAS CHAMAS ENCHARCAR O MATERIAL ÁGUA PRESSURIZADA OPERAÇÃO

14 - INSPEÇÃO MENSAL - RECARREGAR APÓS O USO OU - PERDA DE PRESSÃO - PERDA DE AGENTE EXTINTOR OBS.: INSPECIONAR MANGOTE E ESGUICHO ÁGUA PRESSURIZADA MANUTENÇÃO

15 EXTINTORES A CO 2

16 SÃO RECOMENDADOS PARA INCÊNDIOS DAS CLASSES B C EXTINTORES A CO 2

17 EFICIENTES CONTRA PEQUENOS INCÊNDIOS DA CLASSE A EXTINTORES A CO 2

18 - PRESSURIZADO A 850 lb/pol 2 EXTINTORES A CO 2 - CO 2 É UM GÁS INERTE

19 - EXTINGUE POR ABAFAMENTO SECUNDARIAMENTE RESFRIAMENTO PELA BAIXA TEMPERATURA DE DESCARGA EXTINTORES A CO 2

20 CARACTERÍSTICAS DO CO 2 - AMBIENTE CONFINADO REDUZ O 2 - CILINDRO DE AÇO SEM COSTURA

21 - EXISTE O PERIGO DE QUEIMADURA E CEGUEIRA. - A ALAVANCA DE DISPARO PERMITE OPERAÇÃO INTERMITENTE. CARACTERÍSTICAS DO CO 2

22 MANUTENÇÃO DO CO 2 INSPECIONAR FREQÜENTEMENTE: - QUEBRA DO SELO - AVARIA MECÂNICA - CARREGAR APÓS O USO

23 MANUTENÇÃO DO CO 2 - PESAR MENSALMENTE - RECARREGAR SE HOUVER PERDA DE 10 % - TESTE HIDROSTÁTICO A CADA 5 ANOS.

24 EXTINTORES DE PÓ QUÍMICO

25 EXTINTOR DE PÓ QUÍMICO BICARBONATO DE SÓDIO PROPELENTE CO2 N 2 CO 2 OU AR COMPRIMIDO ISENTO DE UMIDADE PRESSÃO NO PRÓPRIO CILINDRO

26 EMPREGO INCÊNDIOS DAS CLASSES B e C EXTINTOR DE PÓ QUÍMICO

27 MANUTENÇÃO NORMAS DA ABNT OU INSTRUÇÕES DO FABRICANTE. TESTE HIDROSTÁTICO DE 5 EM 5 ANOS. EXTINTOR DE PÓ QUÍMICO

28 OPERAÇÃO JATO PARA A BASE DAS CHAMAS, MOVIMENTAR DE UM LADO PARA O OUTRO LANÇAR O JATO A UMA DISTÂNCIA DE 1,5 A 2,5 m EXTINTOR DE PÓ QUÍMICO

29 EXTINTORES A PÓ SECO D MET-L-X; LIGTH-X; e MET-L-NYL. SÃO UTILIZADOS EM INCÊNDIO CLASSE

30 CARACTERÍSTICAS PÓ NÃO TÓXICO, COMBUSTÍVEL, ABRASIVO NÃO CONDUZ EL. PROPELENTE É O BIÓXIDO DE CARBONO. EXTINGUE POR ABAFAMENTO. EXTINTORES A PÓ SECO

31 MET-L-X COMPOSIÇÃO: CLORETO DE SÓDIO, FOSFATO TRICÁLCIO, METAL ESTEARATO E AGENTE TERMOPLÁSTICO. EXTINTORES A PÓ SECO

32 MET-L-X TIPOS DE COMBUSTÍVEIS: SÓDIO, POTÁSSIO, LIGAS DE SÓDIO- POTÁSSIO E MAGNÉSIO. EXTINTORES A PÓ SECO

33 LIGTH-X COMPOSIÇÃO: GRAFITE GRANULADO COM ADITIVOS. MAGNÉSIO, ZIRCÔNIO, TITÂNIO, SÓDIO, LIGAS DE SÓDIO E POTÁSSIO. TIPOS DE COMBUSTÍVEIS: TIPOS DE COMBUSTÍVEIS: LÍTIO EXTINTORES A PÓ SECO

34 MET-L-NYL COMPOSICÃO: BICARBONATO + ADITIVO ABSORVENTE TIPOS DE COMBUSTÍVEIS: LÍQUIDOS PIROFÓRICOS (TRIETIL-ALUMÍNIO) EXTINTORES A PÓ SECO

35 EXTINTOR HALLON

36 AGENTES EXTINTORES BROMOCLORODIFLUORMETANO 1211 BROMOTRIFLUORMETANO 1301 SÃO RECOMENDADOS PARA INCÊNDIOS DAS CLASSES B C e

37 OS VAPORES FORMADOS SÃO TÓXICOS. UTILIZAR A FAVOR DO VENTO. PARTICULARMENTE EM EQUIPAMENTOS ELETRÔNICOS. NÃO DEIXAM RESÍDUOS. EXTINTOR HALLON

38 AMPOLAS PRESSURIZADAS POR N 2 INSPECIONADOS ANUALMENTE. TESTE HIDROSTÁTICO: A CADA 5 ANOS. EXTINTOR HALLON

39 EXTINTOR DE ESPUMA QUÍMICA

40 ESPUMA QUÍMICA CILINDRO ÁGUA + BICARBONATO DE SÓDIO + AGENTE ESTABILIZADOR RECIPIENTE DE VIDRO: SULFATO DE ALUMÍNIO

41 OPERAÇÃO INVERTER O EXTINTOR EXTINÇÃO ABAFAMENTO E RESFRIAMENTO ESPUMA QUÍMICA PROPELENTE CO 2 OBTIDA DE UMA REAÇÃO QUÍMICA

42 MANUTENÇÃO RECARREGAR UMA VEZ POR ANO OU APÓS USO. TESTE HIDROSTÁTICO: A CADA 5 ANOS. ESPUMA QUÍMICA

43 UTILIZAÇÃO CLASSE A JATO DIRIGIDO PARA A BASE DAS CHAMAS. ESPUMA QUÍMICA

44 CLASSE B LÍQUIDOS DERRAMADOS LANÇAR JATO CURVO NUMA ANTEPARA UTILIZAÇÃO ESPUMA QUÍMICA

45 EXTINTORES A ESPUMA MECÂNICA

46 CILINDRO DE AÇO INOXIDÁVEL PROPELENTE NITROGÊNIO (N 2 ) AR COMPRIMIDO GÁS CARBÔNICO (CO 2 )

47 FORMAS DE PRESSURIZAÇÃO: AÇÃO DIRETA (AR COMPRIMIDO E N 2 ) AÇÃO INDIRETA ( CO 2 ). EXTINTORES A ESPUMA MECÂNICA

48 EMPREGO USADOS NAS CLASSES e A B EXTINTORES A ESPUMA MECÂNICA

49 MÉTODOS DE EXTINÇÃO ABAFAMENTO RESFRIAMENTO

50

51 P-100

52 DEFINIÇÃO CILINDRO DE PÓ QUÍMICO INDICADO PARA EXTINGUIR INCÊNDIO DAS CLASSES B e CP-100

53 DADOS TÉCNICOS PESO TOTAL Kg CAPACIDADE DE CARGA Kg PROPELENTE UTILIZADO N 2 VOLUME DA AMPOLA DE GÁS L P-100

54 PRESSÃO DA AMPOLA KgF/cm 2 PRESSÃO MÍNIMA P/ USO KgF/cm 2 PESO DO N 2 CARREGADA....22Kg AGENTE EXTINTOR PÓ QUÍMICO P-100 DADOS TÉCNICOS

55 COMPRIMENTO DA MANGUEIRA m ALCANCE DO JATO m PRESSÃO DE TRABALHO KgF/cm 2 P-100 DADOS TÉCNICOS

56 P-100

57 FUNCIONAMENTO PRESSÃO NO CILINDRO VÁLVULA DE REDUÇÃO INSPEÇÕES. P-100

58 P-100

59 UTILIZAÇÃO ROMPER O LACRE E ABRIR A VÁLVULA DESENROLAR A MANGUEIRA ABERTURA DA ALAVANCA REGISTRO TESTAR E ACIONAR INTERMITENTE P-100

60 MANGUEIRAS

61 MANGUEIRAS MODELOS 1½ pol 2½ pol 3½ pol EXTREMIDADES ENGATE RÁPIDO ROSCA DUPLA LONA REVESTIMENTO INTERNO: BORRACHA

62 MANUSEIO CORRETO GUARDAR EM LUGAR VENTILADO, ISENTO DE UMIDADE SECAR NA SOMBRA, EM LUGAR INCLINADO MANGUEIRAS ESCOVAR QUANDO SECA

63 SECAR A MANGUEIRA AO SOL ARRASTAR POR CANTOS VIVOS ESTRANGULAR A MANGUEIRA MANGUEIRAS NÃO DEVEMOS

64 ESGUICHOS UNIVERSAL FORNECIDOS NOS MODELOS 1½ e 2½ pol POSSUI UMA VÁLVULA DE TRÊS POSIÇÕES

65 PRODUZ JATO SÓLIDO ORIFÍCIO SUPERIOR NEBLINA DE ALTA ORIFÍCIO INFERIOR C/ PULVERIZADOR ESGUICHOS UNIVERSAL

66 APLICADORES PRODUZ NEBLINA DE BAIXA VELOCIDADE É ACOPLADO TIPO BAIONETA NO ESGUICHO UNIVERSAL

67 MODELOS 4 PÉS 60º 10 PÉS 90º 12 PÉS 90º APLICADORES

68 EQUIPAMENTOS PARA ESPUMA ESPUMA QUÍMICA EXTINTORES PORTÁTEIS ESPUMA MECÂNICA ESGUICHOS NPU FB 10X ROCKWOOD FFF

69 ESGUICHO NPU

70 INTRODUZ AR NA MISTURA ÁGUA LÍQUIDO GERADOR PODE SER UTILIZADO COM QUALQUER TIPO DE MISTURADOR ENTRELINHAS COM O TUBO DE ASPIRACÃO MISTURADOR E INTRODUTOR DE AR ESGUICHO NPU

71 CARACTERÍSTICAS O TUBO POSSUI 2 pol DE DIÂMETRO. POSSUI UNIÃO FÊMEA DE 1½ pol; CÂMARA DE ASPIRAÇÃO POSSUI UM ORIFÍCIO ROSCADO PARA ADAPTAR O TUBO DE ASPIRAÇÃO. ESGUICHO NPU

72 ESGUICHO FB 5X/10X

73 ESGUICHO FB 10X UTILIZADO NAS FRAGATAS CLASSE NITERÓI CAPACIDADE DE ESPUMA 450 L POR MINUTO

74 PRESSÃO MÍNIMA NA REDE DE INCÊNDIO 70 Lbs/ pol 2 CONSUMO APROXIMADO 25L DE AFFF POR MINUTO UMA ALAVANCA NA EXTREMIDADE DE SAÍDA DO ESGUICHO OPERA UM CONJUNTO DE DEFLECTORES. ESGUICHO FB 10X

75 OPERANDO OS DEFLECTORES PODEMOS TER JATO DE ESPUMA DE MAIOR ALCANCE LANÇAMENTO EM LEQUE DE MENOR ALCANCE ESGUICHO FB 10X

76 ESGUICHO ESGUICHO ROCKWOOD

77 PRODUZ NEBLINA DE ESPUMA OFERECENDO PROTEÇÃO À EQUIPE PRODUZ ESPUMA EM JATO SÓLIDO E NEBLINA DE ALTA ESGUICHO ROCKWOOD

78 A INTRODUÇÃO DE LÍQUIDO GERADOR NA CORRENTE DE ÁGUA É FEITA NUM MISTURADOR ENTRELINHAS OU NUMA ESTAÇÃO GERADORA DE ESPUMA.

79 O AR SERÁ INTRODUZIDO ATRAVÉS DE ABERTURA EXISTENTE NO ARO SUPORTE DO ADAPTADOR ESGUICHO ROCKWOOD

80 DOIS TIPOS DE ADAPTADORES TELA DE ARAME PRODUZ NEBLINA DE ESPUMA GUIA DE JATO ESGUICHO ROCKWOOD PRODUZ JATO SÓLIDO DE ESPUMA

81 2½ pol 3½ pol POSSUI ALAVANCA QUE PERMITE ABRIR OU FECHAR ESGUICHO ROCKWOOD ENCONTRADO NAS SEGUINTES DIMENSÕES

82 ESGUICHO VARIÁVEL

83 O DIFUSOR APROXIMA E AFASTA ATRAVÉS DE UMA LUVA ROSCADA PERMITINDO UMA VARIAÇÃO DA FORMA DADA A NEBLINA. ESGUICHO VARIÁVEL

84 FECHAMENTO NEBLINA +/- 120º DE LEQUE ESGUICHO VARIÁVEL LUVA ROSCADA ALAVANCA

85 OPERA EM SÉRIE COM A LINHA DE MANGUEIRA TRABALHA COM UMA VALVULA DE 1 A 6 % MISTURADOR TIPO FW

86 FIGURA 5.20 MISTURADOR TIPO FW

87 USADO EM NAVIOS AERODROMO TRABALHA COM UMA VALVULA DE 1 A 6 % ESTAÇÃO GERADORA

88 USA ESGUICHO DO MESMO DÉBITO MISTURADOR 1 1/2 MISTURADOR ENTRE - LINHA MÁXIMO 3 SEÇÕES DE MANGUEIRAS ATÉ 1 CONVES ACIMA

89 USA ESGUICHO DO MESMO DÉBITO MISTURADOR 1 1/2 MÁXIMO 5 SEÇÕES DE MANGUEIRAS CONVÉS ABAIXO MISTURADOR ENTRE - LINHA

90 ESPUMA ESPECIAL TUTOGEM-F EM AEROPORTOS PARA DIMINUIR ATRITO DA AERONAVE COM O SOLO EM POUSO DE EMERGÊNCIA.

91


Carregar ppt "TÓPICOS EXTINTORES PORTÁTEIS IDENTIFICAÇÃO DOS EXTINTORES TIPOS DE EXTINTORES CAPÍTULO - IV."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google