A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TERCEIRA FASE SOCIAL OU CONDOREIRA 1836ROMANTISMO 3ª FASE SUBJETISITA (1870 a 1881)1881 SUSPIROSPOÉTICOSESAUDADESSUSPIROSPOÉTICOSESAUDADES GONÇALVESDEMAGALHÃESGONÇALVESDEMAGALHÃES.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TERCEIRA FASE SOCIAL OU CONDOREIRA 1836ROMANTISMO 3ª FASE SUBJETISITA (1870 a 1881)1881 SUSPIROSPOÉTICOSESAUDADESSUSPIROSPOÉTICOSESAUDADES GONÇALVESDEMAGALHÃESGONÇALVESDEMAGALHÃES."— Transcrição da apresentação:

1

2 TERCEIRA FASE SOCIAL OU CONDOREIRA

3

4 1836ROMANTISMO 3ª FASE SUBJETISITA (1870 a 1881)1881 SUSPIROSPOÉTICOSESAUDADESSUSPIROSPOÉTICOSESAUDADES GONÇALVESDEMAGALHÃESGONÇALVESDEMAGALHÃES CASTRO ALVES (O poeta dos escravos) Navio Negreiro Vozes dÁfrica Cachoeira de Paulo Afonso Cruz na Estrada O Adeus de Teresa FAGUNDES VARELA* Cântico do Calvário MACHADODEASSISMACHADODEASSIS MEMÓRIASPÓSTUMASDEBRÁSCUBASMEMÓRIASPÓSTUMASDEBRÁSCUBAS

5

6

7

8 1 A África brada. Seus pedidos têm sido em vão. O vocábulo que revela isso é; 2 Quem esteve acorrentado a uma pedra, e bicado pelos abutres foi? 3 São sinônimos no texto: Penedia – ardente ( ) Ressupino estafado ( ) Sangra – poreja ( ) Vergasta – chicote ( )

9 4 A África acha irremediavelmente condenada, Isso fica claro em que expressão? 5 O primeiro verso da primeira estrofe contém um recurso que dá ao poema o tom solene e pomposo da chamada poesia condoreira. Trata-se de:

10 1836ROMANTISMO1881 SUSPIROSPOÉTICOSESAUDADESSUSPIROSPOÉTICOSESAUDADES GONÇALVESDEMAGALHÃESGONÇALVESDEMAGALHÃES Gonçalves de Magalhães Suspiros poéticos e Saudades A Confederação dos Tamoios Gonçalves Dias Canção do Exílio Ainda uma vez adeus O Canto do Piaga I Juca Pirama Casimiro de Abreu Meus oito anos Amor e medo Álvares de Azevedo Se eu morresse amanhã Lembrança de morrer Junqueira Freire Inspirações do Claustro Castro Alves Navio Negreiro Vozes dÁfrica Cachoeira de Paulo Afonso Cruz na Estrada O Adeus de Teresa Fagundes Varela Cântico do Calvário MACHADODEASSISMACHADODEASSIS MEMÓRIASPÓSTUMASDEBRÁSCUBASMEMÓRIASPÓSTUMASDEBRÁSCUBAS

11

12

13

14 Imagine que, de repente, um cabra forte, valente, feioso e mal encarado, te olhe dentro dos olhos e pergunte mal educado...

15 1 A literatura informativa inicia no ano de? 2 Com um texto chamado? 3. Cujo autor foi? 4. E a literatura informativa e catequética termina no ano de? 5. Com um texto chamado? 6. Cujo autor foi? 7. Dando início a uma escola literária cujo nome é? 8. Quais foram os 03 principais viajantes? 9. Pero Vaz de Caminha escreveu? 10. Pero de Magalhães Gandavo escreveu? 11. Gabriel Soares de Sousa escreveu? 12. Quais foram os dois principais jesuítas? 13. Nóbrega escreveu? 14. Anchieta escreveu? 15. O que é auto?

16 ROMANTISMO PROSA

17 PROSADORES:ALENCARMACEDO BERNARDO GUIMARÃES TAUNAY FRANKLIN TÁVORA MANUEL ANTÔNIO DE ALMEIDA

18 Alencar indianista: Iracema, O Guarani e Ubirajara Alencar regionalista: Til (São Paulo), O Tronco do Ipê (Rio de Janeiro), O Sertanejo (Ceará), O Gaúcho (Rio Grande do Sul). Alencar Citadino:

19

20

21

22

23 ESTUDANDO O TEXTO 1 As descrições de Iracema e do guerreiro estranho se fazem por meio de comparações com elementos da natureza. Identifique tais elementos.

24 a)Asa da graúna ( ) voz de Iracema b)Talhe da palmeira ( ) cor das faces c)Favo de jati ( ) agilidade de Iracema d)Baunilha ( ) doçura do sorriso e)Ema selvagem ( ) comprimento do cabelo f)Sabiá-da-mata ( ) cor dos cabelos g)Areias do mar ( ) cor dos olhos h)Azul triste das águas profundas ( ) hálito

25 2 Que gesto de Iracema demonstra a nobreza de seu caráter? 3 O objetivo de José de Alencar, nos seus romances indianistas, foi criar a imagem de uma raça heroica que representasse as origens do brasileiro. De que maneira, neste texto, ele consegue isso? 4 Que fato quebra toda a harmonia da natureza?

26 4 Que fato quebra toda a harmonia da natureza?

27 TIPOS DE ROMANCE: ROMANCE URBANO OU CITADINO ROMANCE URBANO OU CITADINO ROMANCE INDIANISTA ROMANCE INDIANISTA ROMANCE REGIONALISTA ROMANCE REGIONALISTA ROMANCE HISTÓRICO ROMANCE HISTÓRICO

28

29

30

31

32

33

34

35

36 ESTUDO DO TEXTO ESTUDO DO TEXTO 1 A que classe social as personagens pertencem? 2 Segundo o teórico Werneck Sodré, Macedo refletiu as trivialidades dos meados do século XIX, Identifique algumas. 3 O baile era muito importante na vida social e sentimental no século passado, pois as mulheres viviam reclusas no ambiente doméstico e o baile propiciava os encontros que poderiam se transformar em namoro e casamento. Como se reflete essa preocupação na indumentária das mulheres? 4 Que traço distingue d. Carolina das demais personagens femininas? 5 Que característica romântica se pode notar na descrição da personagem central da narrativa

37

38

39


Carregar ppt "TERCEIRA FASE SOCIAL OU CONDOREIRA 1836ROMANTISMO 3ª FASE SUBJETISITA (1870 a 1881)1881 SUSPIROSPOÉTICOSESAUDADESSUSPIROSPOÉTICOSESAUDADES GONÇALVESDEMAGALHÃESGONÇALVESDEMAGALHÃES."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google