A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Física Médica Simone Coutinho Cardoso IF-UFRJ. Simone C. Cardoso O que é a Física Médica? – Curso da UFRJ O que faz um físico médico ? – Hospitalar –

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Física Médica Simone Coutinho Cardoso IF-UFRJ. Simone C. Cardoso O que é a Física Médica? – Curso da UFRJ O que faz um físico médico ? – Hospitalar –"— Transcrição da apresentação:

1 Física Médica Simone Coutinho Cardoso IF-UFRJ

2 Simone C. Cardoso O que é a Física Médica? – Curso da UFRJ O que faz um físico médico ? – Hospitalar – Pesquisador

3 Simone C. Cardoso O que é a Física Médica? Multidisciplinar Física Ciências Biomédicas Engenharia Matemática

4 Simone C. Cardoso IF/UFRJ

5 Simone C. Cardoso Periodização do Curso de Física Médica da UFRJ 1 o Período2 o Período3 o Período 4 o Período 5 o Período6 o Período7 o Período8 o Período Cálculo I MAC118 Cálculo II MAC128 Cálculo III MAC238 Métodos de Física Teórica I FIW245 Física das Radiações I FIN482 Conceitos de Mecânica Quânt. FIW367 Ultra-somRNM Física I FIT111 Física II FIT121 Física III FIM231 Física IV FIM241 Estágio IEN FIWU01 Física das Radiações II FIW368 Estatística Aplicada FIW124 Trabalho de fim de curso FIWK02 Física Exp. I FIS111 Física Exp. II FIS121 Física Exp. III FIN231 Física Exp. IV FIN241 Radiobiologia e Fotobiologia BMB352 Estágio IRD I FIWU02 Estágio HU I FIWU05 Estágio INCA FIWU07 Top Fís Geral I FIW491 Fundamentos de Biologia Celular e Molecular I BMB113 Fundamentos de Biologia Celular e Molecular II BMB123 Física Moderna I FIW364 Termodinâmi ca e Física Estatística FIW363 Estágio IRD II FIWU03 Estágio HU II (Med. Nuclear) FIWU06 Computação Aplicada à Med. FIW479 Anatomia Médico Aplicada BMA231 Métodos Computacionais em Física I FIW234 Biofísica BMB231 Fisiologia Humana BMB241 Estágio IRD III FIWU04

6 Simone C. Cardoso Convênio DAAD DAAD Intercâmbio Intercâmbio Estudantes Estudantes Professores Professores

7 Simone C. Cardoso O que faz um físico médico? Físico médico Hospitalar Pesquisador

8 Simone C. Cardoso Mercado de trabalho Serviço clínico e consultoria Pesquisa e desenvolvimento Ensino

9 Radiodiagnóstico CT Mamografia US RMN Radioterapia Teleterapia Braquiterapia Medicina Nuclear Diagnóstico Tratamento Simone C. Cardoso

10 O que faz um físico médico?

11 Simone C. Cardoso O que faz um físico médico?

12

13 Simone C. Cardoso fonte objeto imagem

14 Simone C. Cardoso Espalhamento: Compton ou elástico Nenhuma interação Efeito foto-elétrico Característico do material ou elemento

15 Simone C. Cardoso Radiação emitida é característica do elemento. Seção de choque independente do ângulo de saída do fóton. e e E2 E3 E1 e

16 Simone C. Cardoso – Seção de choque dependente do ângulo de espalhamento – Seção de choque diferencial varia com o quadrado de Z

17 Simone C. Cardoso – Seção de choque dependente do ângulo de espalhamento – Seção de choque diferencial varia com o número atomico

18 Física e Medicina

19 Radioterapia: Teleterapia Simone C. Cardoso

20 Radioterapia Maior dose de radiação ao volume irradiado Danificando o mínimo possível os tecidos sadios Dose absorvida varia com: profundidade tipo de tecido energia do feixe tamanho de campo distância da fonte e sistema de colimação do feixe

21 Heterogeneidades – Mudanças na distribuição de dose Dependência tipo da heterogeneidade energia da radiação tamanho de campo de irradiação Variações na absorção do feixe primário e fótons espalhados Variações na fluência dos elétrons

22 Simone C. Cardoso Gravidade do problema: pulmão. É o tipo de câncer tratado como última prioridade pelos médicos! Tumores de cabeça e pescoço: ossos e cavidade de ar. Sub ou Super dosagens! Próteses metálicas Somente 10 % dos hospitais do mundo tratam o corpo humano como um meio heterogêneo.

23 Heterogeneidade metálica: Reconstrução de mama Estudos demonstram que a radioterapia pós-mastectomia possui benefícios associados a sobrevida da paciente. - Maior tempo de vida; - Menores chances de reincidiva; MASTECTOMIA + RADIOTERAPIA

24 Tratamento do Câncer de Mama - Indicação de RT pós-mastectomia: - Tumores com diâmetro 5cm - Pele comprometida - Dissecação inadequada da axila - Margem comprometida - Quatro ou mais linfonodos comprometidos

25

26

27 Simone C. Cardoso

28 Radiocirurgia Simone C. Cardoso

29 Tratamento de Radioterapia; Testado. Dose entregue. Simulador antropomórfico RANDO da Alderson; Esqueleto humano envolto por uma borracha sintética; 36 seções axiais de 2,5 cm de espessura cada.

30 Fatia Confeccionada. Simular um tumor próximo ao tronco cerebral (neurocirurgião); Filmes radiocrômico

31 Confecção da máscara fixadora.

32 Tomografia do conjunto. Cortes transversais de 2 mm de espessura e espaçamentos de 2 mm; Área de reconstrução – 480 x 480 mm².

33 Filmes radiocrômico 3 x 3 cm² para preencher o local da lesão

34

35

36 Pesquisa em Física Médica (Radiação não ionizante) Terapia Fotodinâmica

37 Simone C. Cardoso Dispositivo LED desenvolvido no laboratório que vem sendo utilizado para o tratamento em pacientes. Foto ilustrativa de uma aplicação laser da terapia fotodinâmica em carcinoma oral

38 Física e Engenharia ambiental

39 Simone C. Cardoso

40

41

42 Física e Biologia Pluripotência de células-tronco estudada por SR-µXRF

43 O que são células-tronco? Células não diferenciadas que tem a capacidade de formar qualquer célula adulta. - coração, fígado, nervosas, da pele… Motivação Mecanismos de reparação em organismos adulto; Conhecimento sobre o desenvolvimento de uma única célula; Base da Terapia celular; Medicina regenerativa.

44 Pluripotência Capacidade de diferenciação de todos os tipos de células EmbrionáriasAdultas

45 Pluripotência Os mecanismos relacionados com a pluripotência não são conhecidos: Sobrevivência celular; Morte; Processo de diferenciação dinâmica; comportamento Medicina Regenerativa; Terapia

46 Objetivo Descrever a transição do estado de pluripotência à diferenciação neural através da SR-µXRF Células tronco embrionárias humanas Metodologia

47 Resultados Diferenciação espontânea x neural: S and P Ácidos nucleicos composição de proteínas Cu and Zn.

48 Resultados

49 Sala 307


Carregar ppt "Física Médica Simone Coutinho Cardoso IF-UFRJ. Simone C. Cardoso O que é a Física Médica? – Curso da UFRJ O que faz um físico médico ? – Hospitalar –"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google