A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

As religiões orientais. Budismo Surgido na Índia no século VI a.C., chegou à China somente no século I d. C.. Siddharta Gautama, posteriormente chamado.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "As religiões orientais. Budismo Surgido na Índia no século VI a.C., chegou à China somente no século I d. C.. Siddharta Gautama, posteriormente chamado."— Transcrição da apresentação:

1 As religiões orientais

2

3 Budismo Surgido na Índia no século VI a.C., chegou à China somente no século I d. C.. Siddharta Gautama, posteriormente chamado de Buda, o iluminado, foi o fundador do Budismo. O Budismo surge como uma reação aos rigores do Hinduísmo. Para os budistas, o universo e todas as coisas e os seres são caracterizados pela impermanência, ou seja, tudo está em constante transformação, até mesmo as idéias e os pensamentos.

4 O Budismo não considera, dessa maneira, a existência de um espírito ou alma imortal, ao contrário do hinduísmo; O Nirvana é a libertação dos sofrimentos, quando o homem toma consciência de sua natureza, que é igual à natureza de todas as coisas. Essa libertação só pode ser atingida pela própria pessoa. No Budismo não há nenhum deus capaz de salvar os homens, pois todos os seres podem chegar a atingir o estágio de Buda, de iluminação.

5

6 Xintoísmo Izanami e Izanagi formam o casal de deuses responsável pela criação de todas as coisas, até mesmo as inúmeras divindades menos importantes e as ilhas que constituem o Japão. Após seu último parto, o fogo, Izanami morreu. Seu irmão-marido desceu ao inferno e contemplou o corpo putrefato de sua esposa. Essa contemplação – proibida pelos deuses – tornou-o impuro. Voltando ao mundo dos vivos, Izanagi teve de purificar-se, banhando-se num rio.

7 Das impurezas de seu corpo e de suas roupas abandonadas nasceram as divindades maléficas. Nasceram também Amaterasu, a deusa solar, e Tsuki-no-Kami, o deus lunar. Segundo o Xintoísmo, assim foram criadas todas as coisas e os seres do mundo. E como o próprio Japão foi criado pelos deuses, os japoneses consideram-se superiores, raça de origem divina.

8 O Xintoísmo preservou-se como crença popular nas divindades primitivas chinesas, em oposição à crença em Buda. Compreende-se assim o significado de seu nome: shin tao, caminho dos deuses, em oposição ao caminho de Buda.

9 A mitologia xintoísta provocou o surgimento do culto dos antepassados, o mais relevante dessa religião. A importância desse culto fez dos rituais fúnebres, relacionados com a morte, uma parcela significativa do xintoísmo. Os mortos tornam-se deuses e seus espíritos passam a ter grande importância na vida dos vivos. Além disso, os mortos punem ou recompensam os vivos, caso sejam mal ou bem tratados. Por isso, após a morte, homens e mulheres recebem homenagens e presentes constantes.

10

11 No Japão de hoje, o xintoísmo está presente em todos os momentos da vida. Seu desenvolvimento, especialmente no século XIX, levou à elaboração de um princípio de fidelidade, segundo o qual o indivíduo deve sacrificar-se pela família e pela nação. No século XX, esse princípio foi estendido às relações do indivíduo com sua empresa.

12 Confucionismo

13 Baseado nos ensinamentos de Confúcio, formulados no século V a.C. Introduziu um conjunto de regras éticas que pregam o respeito aos idosos, à família e à pátria. Valoriza o ensino e defende a presença de sábios e intelectuais no poder. As idéias de confúcio forma e ainda são utilizadas pelas elites chinesas para se manterem no poder há milhares de anos.

14 Confúcio viveu numa época em que a China se encontrava dividida em estados feudais que lutavam pela supremacia do poder, estas guerras eram seguidas de execuções em massa, soldados eram pagos para trazer as cabeças dos seus inimigos. Populações inteiras eram dizimadas através da decapitação de mulheres, crianças e velhos, o numero de mortes era assustador. A longa e complexa história política do povo provocou a desunião e diversidade, que estavam refletidos nas características sociais e culturais da Dinastia Chou. A renascença social e moral advogada por Confúcio não tinha aprovação universal, principalmente nos círculos de poder, e seu ardente desejo era um posto governamental.

15 Regressou a sua terra natal quando tinha 68 anos, onde continuou a dedicar-se ao ensino de um grupo de discípulos. A escola privada, fundada por Confúcio, cresceu a ponto de ter alunos, dos quais setenta e dois eram os seus discípulos mais eruditos. Ele tentou transformá-los em Jens, seres humanos perfeitos que praticassem o exercício do amor e da bondade. Segundo seus ensinamentos, a sociedade humana deve ser regida por um movimento educativo, o qual parte de cima, e equivale ao amor paterno, e por outro de reverência, que parte de baixo, como a obediência de um filho. O Confucionismo considera o homem bom e possuidor do livre arbítrio, sendo a virtude sua recompensa. O único sacrilégio é desobedecer à regra da piedade.

16 Grandes Frases de Confúcio "Aquele que for realmente bom nunca poderá estar infeliz "Aquele que for realmente sábio nunca poderá estar confuso" "O sábio não se aflige por não ser conhecido dos homens; ele se aflige por não conhecê-los."

17 Não faça aos outros o que não queres que faça com você. Escolha um trabalho que você ame e não terás que trabalhar um único dia em sua vida. O homem de bem exige tudo de si próprio; o homem medíocre espera tudo dos outros. É mais fácil vencer um hábito hoje do que amanhã.

18 O homem superior age antes de falar e depois fala de acordo com suas ações. Transportai um punhado de terra todos os dias e fareis uma montanha. A virtude da humanidade consiste em amar os homens; a prudência, em conhecê-los. Aquele que mais estima o ouro do que a virtude, há de perder a ambos.

19 Saúda aquela criança que passa, será, talvez, um homem; saúda-a duas vezes, será, talvez, um grande homem. A única maneira de não cometer nenhum erro é não fazer nada. Este, no entanto, é certamente um dos maiores erros que se poderia cometer em toda uma existência.

20 O homem se distingue dos outros seres pelo seu sentido de justiça. O silêncio é um amigo que nunca trai. O caminho da verdade é largo e fácil de descobrir. O mal está em que os homens não o procuram. A melhor maneira de ser feliz é contribuir para a felicidade dos outros. Não são as más ervas que sufocam o grão. É a negligência do cultivador.

21 Ser ofendido não tem importância nenhuma, a não ser que a gente continue a lembrar disso. Até que o sol brilhe, acendamos uma vela na escuridão. A música gera um tipo de prazer sem o qual a natureza humana não pode passar. Um jovem em casa deve amar os pais, e fora de casa respeitar os velhos. Deve ser discreto mas, ao mesmo tempo, falar com convicção quando se fizer necessária a sua ação; deve amar a todos os homens, sem distinção, e alegrar-se com as pessoas de bom coração. Se assim se portar, terá condições de bem se governar e a outros.

22 Se tiverdes acesso à fama, comporta-te como se estivesses a receber um hóspede; se estiverdes no governo de um povo, comporta-te como se estivesses pronto a oferecer um grande sacrifício. Para onde quer que fores, vai todo, leva junto teu coração. Não te suponhas tão grande ao ponto de pensares ver os outros menores que ti.

23 Taoísmo

24 Uma das religiões mais importantes da China, divide com o budismo e o confucionismo as preferências dos chineses que praticam uma mistura das três religiões. Mais do que uma religião, o taoísmo é uma filosofia que busca a integração do indivíduo à ordem universal pela compreensão da essência do Universo.

25 tao Yin YangBaseia-se num livro chamado Tao Te Chiang, atribuído ao filósofo Lao-tsé, que viveu no século VI a.C. Segundo ele, o tao é a base da qual todas as coisas são criadas. O mundo é dinâmico e cíclico, com contradições que se completam: o Yin e o Yang, ou seja, o preto e o branco, o homem e a mulher, o complexo e o simples, o salgado e o doce, o introvertido e o extrovertido. Segundo o taoísmo, a vida é a busca combinada da harmonia entre o Yin e o Yang, isto é, a busca do equilíbrio, mesmo que um dos dois lados se sobreponha ao outro momentaneamente. A Acupuntura é um bom exemplo da utilização do taoísmo no cotidiano da população, pois parte do princípio de que o corpo e o espírito estão em equilíbrio, representando o Yin e o Yang. Se o corpo adoece é porque o espírito sofre.

26

27 Bibliografia Cisalpino, Murilo – Religiões, coleção ponto de Apoio, Ed. Scipione, São Paulo, Geografia - Projeto Araribá, 8ª série, Ed. Moderna, São Paulo, Lucci, Elian A – Geografia, Homem & Espaço, 8ª série, Ed. Saraiva, São Paulo,


Carregar ppt "As religiões orientais. Budismo Surgido na Índia no século VI a.C., chegou à China somente no século I d. C.. Siddharta Gautama, posteriormente chamado."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google