A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Graziela P. Casali.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Graziela P. Casali."— Transcrição da apresentação:

1 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Graziela P. Casali

2 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Técnica Corpos de prova são queimados nas T de 950 e 1250 o C / 3h. Cor de Queima Objetivo Observar a cor do material antes e depois da queima.

3 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Cor de Queima Argila brutaArgila queimada Queima Cores clarasCerâmica branca Queima Cores amarela, ocre, marrom, verde e vermelha. Queima Cores do cinza ao preto. Não é possível fazer previsão. Cerâmica vermelha

4 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica

5 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Perda ao Fogo Técnica Corpos de prova são queimados a T de 1000 o C. Objetivo Calcular a % de massa perdida depois da queima.

6 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Perda ao Fogo Queima Peso do corpo de prova antes da queima (p i ). Peso do corpo de prova depois da queima (p).

7 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Viviane Albarici

8 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Técnica Corpos de prova são medidos úmidos, secos e queimados. Objetivo Calcular a % de quanto a peça diminui depois da secagem e da queima. Retração linear

9 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Retração linear Queima Corpo de prova úmido Corpo de prova queimado Secagem Corpo de prova seco

10 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica

11 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Técnica Corpos de prova queimados são pesados secos, úmidos e imersos em água Objetivo Calcular a % de água absorvida, a densidade aparente e a porosidade aparente. Absorção de água

12 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Absorção de água

13 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Ingrid T. Weber

14 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Definição: Conjunto de técnicas em que uma dada propriedade do material é avaliada em função da Temperatura Existem vários tipos de análises térmicas. Vamos trabalhar com três!

15 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Termogravimetria Analisa (quantifica) quantidade de material perdido (volatilizado) no aquecimento amostra Refer. Sensor de Temp. balança forno computador

16 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Utilidades do TG Dados mais precisos que a perda ao fogo. Quantificar teor de Matéria Orgânica na Argila. Determinar a T em que algumas reações ocorrem (não é o + indicado). Determinar teor de água em massas e esmaltes. Determinar reações de massas e esmaltes com liberação de gases.

17 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Análise Térmica Diferencial (DTA) ou Calorimetria Diferencial de Varredura (DSC) Mede diferença de T (ou fluxo de calor) entre amostra e referência. T dá origem ao termograma (pq referência é inerte). Mostra a existência de eventos na amostra. Diz se é Endo ou Exo. forno Comp.

18 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Utilidades do DTA Indicar algumas reações. Indicar teor de Matéria Orgânica. Identificar tipo de Argila (Banco de Dados / +DRX). Identificar presença de mineral específico na argila. Identificar transformações de fase. Indicar melhor T para cozimento esmalte.

19 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Dilatometria Mede a diferença do tamanho da amostra (expansão/retração) em função da T. T, material expande; T sinterização, material retrai. Identifica T sinterização, ou seja, melhor T para cozimento. Pode ajudar no estudo de compatibilidade do esmalte.

20 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica computador Dilatometria Esquema Termograma

21 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica

22 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Definição: É a técnica recomendada para estudar liberação de Pb em esmaltes. Baseia-se na absorção, emissão ou fluorescência de átomos ou íons elementares. É rápido, conveniente e sensível (ppm/ppb). Utiliza UV-Vis ou RX. É Quantitativa.

23 Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica amostra Preparação da amostra Atomizaçãochama Sinal Saída Resultado


Carregar ppt "Departamento de Química Laboratório Interdisciplinar de Eletroquímica & Cerâmica Graziela P. Casali."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google