A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Entre a qualidade, o investimento e o mercado: Uma equação a ser resolvida IX Seminário Nacional dos Centros Universitários ANACEU | CESUMAR Arthur Roquete.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Entre a qualidade, o investimento e o mercado: Uma equação a ser resolvida IX Seminário Nacional dos Centros Universitários ANACEU | CESUMAR Arthur Roquete."— Transcrição da apresentação:

1 Entre a qualidade, o investimento e o mercado: Uma equação a ser resolvida IX Seminário Nacional dos Centros Universitários ANACEU | CESUMAR Arthur Roquete de Macedo Maringá, 24 de novembro de 2011

2 Entre a qualidade, o investimento e o mercado: Uma equação a ser resolvida Este é o maior desafio das IES nas próximas décadas Necessita de ação enérgica e não pode ser postergado.

3 A transição do século XX para XXI A busca da qualidade pela adoção de novos paradigmas educacionais; A resolução da equação: qualidade x sustentabilidade financeira; Participação num projeto de desenvolvimento sustentável para o Brasil; Preparo para enfrentar com sucesso o processo de avaliação, acompanhamento e regulação do MEC; Os Planos Nacionais de Educação.

4 A busca da qualidade pela adoção de novos paradigmas educacionais 1. Universalização do Ensino Superior: - Novos grupos etários de estudantes - Educação Continuada. 2. Utilização da Educação a Distância (EAD) utilizando várias modalidades, instrumentos e projetos educacionais; 3. Programas Educacionais e grade curricular em consonância com o mercado de trabalho; 4. Valorização do saber fazer: - estágios supervisionados e atuação junto a comunidade; 5. Formação Holística: - preparando o estudante para o exercício da cidadania.

5 Resolução da Equação Qualidade X Sustentabilidade Financeira 1. Apropriação correta dos custos de cada curso; 2. Construção de Planos de Carreira e de Salários que recompensem o trabalho de docentes e funcionários sem ocasionar distorções e sobrecarga do orçamento; 3. Otimização da utilização de salas de aula e laboratórios; 4. Programação adequada de estágios e de atividades práticas; 5. Realização de atividades dentro de uma programação orçamentária;

6 Resolução da Equação Qualidade X Sustentabilidade Financeira 6. Uso racional da EAD; 7. Utilização do PROUNI e FIES; 8. Medidas adequadas para redução da inadimplência e evasão: monitoria e estágios remunerados; 9 Adoção de medidas práticas e consistentes para o financiamento da educação superior; 10. Realização de projetos educacionais, de extensão e pesquisa em parceria com o setor produtivo.

7 Os desafios das IES nas próximas décadas - - Foram desencadeados pela virada do século - - O impacto é mais intenso no sistema privado, pois a qualidade passa pela pesquisa que é cara, exigindo background, recursos e potencial instalado (RH e infra-estrutura física)

8 Desafio crescente para as IES privadas 1. Internacionalização da educação superior; 2. Políticas de fusões, aquisições e incorporações; 3. Formação de grandes conglomerados educacionais sem a regulação do Estado.

9 Compromisso Social desenvolvimento; desenvolvimento; avanço acadêmico e tecnológico; avanço acadêmico e tecnológico; aumento de eficiência pelo aperfeiçoamento da gestão; aumento de eficiência pelo aperfeiçoamento da gestão; aperfeiçoamento; aperfeiçoamento; transformação da vida social; transformação da vida social; expansão – sucesso expansão – sucesso

10 Educação como Instrumento de Desenvolvimento Econômico e Social Educação Progresso

11 Principal instrumento para o crescimento econômico sustentável, com redução dos níveis de pobreza e desigualdade e com avanço na formação de quadros profissionais capazes de atender a demandas dos diferentes setores da produção e de incrementar a competitividade nacional. Compromisso Social

12 Responsabilidades garantia de ensino de qualidade para todos; garantia de ensino de qualidade para todos; uso racional de recursos em todos os níveis e instâncias; uso racional de recursos em todos os níveis e instâncias; cooperação entre o Sistema Público e o Privado. cooperação entre o Sistema Público e o Privado. Compromisso Social Educação: instrumento para o desenvolvimento sócio-econômico desenvolvimento sócio-econômico

13 Educação, Economia e Desenvolvimento Qualificação Profissional Aumento Nível da Produção Formação de Pessoal

14 Educação para o Desenvolvimento Diretrizes O investimento na qualificação de recursos humanos para a geração de tecnologia e a inovação.

15 Educação para o Desenvolvimento Ações Concretas 1.Educação como prioridade da sociedade; 2.Aprimoramento da gestão dos recursos utilizados na educação; 3.Busca e implementação de novos mecanismos de financiamento; 4. Investimentos na formação de quadros para o ensino e a investigação em C&T; 5. Aprimoramento do trinômio avaliação, acompanhamento e regulação do sistema educacional brasileiro.

16 Educação para o Desenvolvimento Ações Concretas 6. Integração dos sistemas educacionais público e privado em um projeto nacional de desenvolvimento sustentável; 7. Incentivo a programas de parcerias público - privada e dos setores produtivo e educacional; 8. Criação de novos centros de pesquisa e tecnologia por meio da diversificação dos investimentos governamentais. Necessidade de Registro de Patentes

17 Educação para o Desenvolvimento Ações Concretas 9. Estímulo aos cursos superiores de formação tecnológica e ao mestrado profissionalizante; 9. Estímulo aos cursos superiores de formação tecnológica e ao mestrado profissionalizante; 10. Organização do processo de expansão da EAD

18 Estratégias para enfrentar o processo de avaliação, acompanhamento e regulação do MEC Implantação da Comissão Própria de Avaliação (CPA); Implantação da Comissão Própria de Avaliação (CPA); Instalação da Ouvidoria on line; Instalação da Ouvidoria on line; Simular a avaliação in loco realizada pelos especialistas do INEP de acordo com os Intrumentos Oficiais de Avaliação; Simular a avaliação in loco realizada pelos especialistas do INEP de acordo com os Intrumentos Oficiais de Avaliação; Preparo e conscientização do ENADE junto à comunidade acadêmica da IES – IEC – CPC – IDD; Preparo e conscientização do ENADE junto à comunidade acadêmica da IES – IEC – CPC – IDD; Avaliação externa independente por pares. Avaliação externa independente por pares.

19 Planos Nacionais de Avaliação Participação na elaboração; Discussão em Fóruns Acadêmicos na sociedade e entidades de classe; Comparação entre o plano anterior e o atual; Atuar no processo de acompanhamento; Propor revisão de metas propostas em função das alterações no cenário educacional e das transformações sociais.

20 Plano Nacional de Educação Proposta do Conselho Nacional de Educação Arthur Roquete de Macedo

21 Avaliação do PNE ( ) PNE: Foram detectados problemas em duas dimensões: I. Dimensão Externa II.Dimensão Interna

22 Prioridades para a Educação Superior 1. Expandir a oferta da Educação Superior, sobretudo da Educação Pública; 2. Prosseguir com as políticas, programas e ações que visam a inclusão social; 3. Democratização da Educação Superior com diminuição das desigualdades de oferta nas diferentes regiões do País; 4. Assegurar a efetiva autonomia didático-científica administrativa e de gestão financeira para as universidades públicas; 5. Articular a oferta de Educação Superior com o desenvolvimento econômico e social do Pais;

23 Prioridades para a Educação Superior 6. Estabelecer padrão de qualidade para a educação superior; 7. Elevação do percentual de gastos públicos para 10% do PIB; 8. Criar o Sistema Nacional de Educação instituindo mecanismos de regulação e gestão na educação superior; 9. Incrementar a taxa de escolarização atingindo 40% dos jovens de 18 a 24 anos matriculados na educação superior; 10. Criar políticas que facilite às minorias o acesso a educação superior.

24 O desenvolvimento da educação é componente sine qua non para o desenvolvimento sustentável. Se não houver essa compreensão, pode até ser que uma nação se desenvolva, mas não haverá sustentabilidade. É desenvolvimento equivocado e descontínuo. Falso. Porque promove a desigualdade, o endividamento e o atraso.


Carregar ppt "Entre a qualidade, o investimento e o mercado: Uma equação a ser resolvida IX Seminário Nacional dos Centros Universitários ANACEU | CESUMAR Arthur Roquete."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google