A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

BIOMECÂNICA DA MARCHA. MARCHA A marcha é influenciada por um conjunto multifactorial considerado determinante no seu padrão. Este resulta da interacção.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "BIOMECÂNICA DA MARCHA. MARCHA A marcha é influenciada por um conjunto multifactorial considerado determinante no seu padrão. Este resulta da interacção."— Transcrição da apresentação:

1 BIOMECÂNICA DA MARCHA

2 MARCHA A marcha é influenciada por um conjunto multifactorial considerado determinante no seu padrão. Este resulta da interacção ou do processo de organização própria de sistemas neurais e mecânicos, entre os quais, a dinâmica músculo-esquelética, um programa central baseado num circuito espinal genéticamente determinado, Gerador de Padrão Central (GPC), a modulação pelos centros nervosos superiores e a modulação aferente,

3 O padrão de marcha se encontra organizado no sentido de minimizar o dispêndio energético e que este está diretamente ligado ao trabalho realizado sobre o centro de gravidade

4

5 1) movimento é planejado e executado; 2) predizer e corrigir desvios da tarefa motora através de sensores de feedback ativos

6 Os músculos atuam no sentido de realizar trabalho a nível do CG e suportar o peso corporal.

7 Atividade Muscular durante a Marcha

8 A teoria dos seis determinantes da marcha defende a existência de um conjunto de mecanismos que são considerados determinantes no padrão de marcha. São exemplo, a rotação pélvica, inclinação e flexão do joelho na fase de apoio minimizam a absorção do choque e suavizam os pontos de inflexão do CG e força de reação ao solo vertical consequente.

9

10

11 A seqüência simples do apoio e avanço de um único membro é denominada ciclo de marcha. O ciclo então é o período compreendido entre o primeiro contato do pé com o solo até o próximo contato deste mesmo pé com o solo. O ciclo de marcha é dividido em duas fases: apoio - pé encontra-se em contato com o solo e balanço - pé é elevado do solo para o avanço do membro. (Perry,1992).

12 Este ciclo divide-se em duas: fase de parada (60%) e fase de balanceio (40%). A fase de parada divide-se ainda num período inicial de apoio duplo, seguindo-se outro de apoio simples e, finalmente, novamente de apoio duplo. Em corrida, o período de apoio duplo é substituído por um período de voo em que nenhum dos pés está em contacto com o solo.

13


Carregar ppt "BIOMECÂNICA DA MARCHA. MARCHA A marcha é influenciada por um conjunto multifactorial considerado determinante no seu padrão. Este resulta da interacção."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google