A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SERVIÇO DE EDUCAÇÃO EM ENFERMAGEM

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SERVIÇO DE EDUCAÇÃO EM ENFERMAGEM"— Transcrição da apresentação:

1 SERVIÇO DE EDUCAÇÃO EM ENFERMAGEM www.uftm.edu.br
DRENOS SERVIÇO DE EDUCAÇÃO EM ENFERMAGEM

2 Dreno Tem por finalidade principal estabelecer ou criar um trajeto artificial, de menor resistência, ao longo do qual exsudatos ou secreções possam atingir o meio externo, através de um caminho mais curto a ser percorrido (Cesaretti,2001).

3 Dreno Permitem a saída de ar, secreções como soro, sangue, secreções intestinais, bile e pus que podem ser evacuadas do local da cirurgia. Em algumas circunstâncias (tórax, ducto biliar comum, bexiga) a drenagem ocorre diretamente do lúmem do tubo (ex: folley) para dentro de um sistema fechado.

4 Dreno Em outras circunstâncias ( ferimentos na pele), a drenagem de pus ou sangue se dá primariamente ao longo da superfície interna do dreno pela ação capilar e da gravidade (por ex: dreno de penrose).

5 TIPOS DE DRENOS ABDOMINAIS TÓRAX PORTOVAC MEDIASTINAL

6 DRENOS ABDOMINAIS São dispositivos colocados na cavidade peritoneal, com finalidade diagnóstica ou curativa, que merecem cuidados especiais desde a sua colocação até a sua retirada.

7 PRINCIPAIS INDICAÇÕES
Peritonites localizadas ou generalizadas. Nas cirurgias com grandes áreas de dissecção. Nas cirurgias com anastomoses que apresentam riscos de deiscências ou fístulas.

8 PRINCIPAIS COMPLICAÇÕES
Hemorragias causadas por lesões de vasos da parede abdominal. Eviscerações pelo orifício de drenagem. Infecção da ferida operatória. Erosões de estruturas intra-abdominais. Migração do dreno para a cavidade (má fixação). Contaminação da área drenada retrogradamente (de fora para dentro). Aumentar a reação inflamatória por serem os drenos, corpos estranhos.

9 TIPOS DE DRENOS ABDOMINAIS
DRENO LAMINAR: tubo confeccionado de látex ou silicone, macio, maleável, de paredes finas e delgadas. 

10 EX: Dreno de Penrose É um tipo de dreno laminar, confeccionado de látex, mede aproximadamente 30 cm de comprimento, podendo ser cortado na medida da necessidade.É apresentado nas larguras 1,2 e 3 ou fino, médio e largo. Drena líquidos espessos e viscosos.

11 VANTAGENS X DESVANTAGENS
Amoldar-se às vísceras, sem lhe causar danos; Causa o mínimo de reação inflamatória; É atóxico; Fácil manipulação e remoção; Colabação de sua luz, de modo a formar uma lâmina de borracha dupla.

12 TIPOS DE DRENOS ABDOMINAIS
2.DRENO TUBULAR: Tubo confeccionado de borracha, plástico, látex, PVC ou silicone.

13 DRENO TUBULAR Está indicado na drenagem da cavidade peritoneal, pelo fato de facilitar a remoção de conteúdo líquido mais volumoso situado mais profundamente na cavidade e na drenagem visceral; Comprimento em média de 30cm e vários diâmetros (fator mais importante na facilitação do fluxo da drenagem). São menos flexíveis que os laminares (podem causar lesão em vísceras e vasos).

14 TUBULAR É fenestrado, possui múltiplos orifícios laterais em sua extremidade (máxima captação do efluente); Pode ser de um lúmen, duplo ou triplo lúmem; Possui rigidez própria que não permite que seja colabado à compressão dos tecidos que o circundam.

15 DRENO TUBOLAMINAR Dreno tubular revestido pelo laminar.
Aumentam a eficácia da drenagem pela retificação do trajeto e oferece maior segurança de proteção às vísceras e vasos.


Carregar ppt "SERVIÇO DE EDUCAÇÃO EM ENFERMAGEM"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google