A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Disglicemias Natália C. M. da Costa Raphael M. de Sá Ferreira.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Disglicemias Natália C. M. da Costa Raphael M. de Sá Ferreira."— Transcrição da apresentação:

1 Disglicemias Natália C. M. da Costa Raphael M. de Sá Ferreira

2 Disglicemias Estágio de metabolismo da glicose Estágio de metabolismo da glicosealterada

3 Classificação: DM 1(subtipos 1A e 1B)- Associado à destruição das células beta pancreáticas. DM 1(subtipos 1A e 1B)- Associado à destruição das células beta pancreáticas. DM 2- Tríade: Disfunção das células beta pancreáticas + produção excessiva de glicose pelo fígado + resistência à ação da insulina. DM 2- Tríade: Disfunção das células beta pancreáticas + produção excessiva de glicose pelo fígado + resistência à ação da insulina. DG (A1 e A2)- Intolerância à glicose com início e detecção durante a gestação. DG (A1 e A2)- Intolerância à glicose com início e detecção durante a gestação. Específicos- ex: MODY 1,2,3,.... Específicos- ex: MODY 1,2,3,....

4 Epidemiologia: DM 1 - 5 a 10 % diagnosticados DM 1 - 5 a 10 % diagnosticados DM 2 – 5,7% diagnosticados e 2,7% não diagnosticados (1997, ADA). DM 2 – 5,7% diagnosticados e 2,7% não diagnosticados (1997, ADA). -Incidência aumenta com a idade. -IMC elevado (> 25) aumenta o risco para desenvolver a doença. DG – 7% de incidência no Brasil DG – 7% de incidência no Brasil

5 Rastreamento populacional Glicemia de jejum: Glicemia de jejum: -acima de 45 anos a cada 3-5 anos. -acima de 45 anos a cada 3-5 anos. -1-2 anos se fatores de risco para DM 2 -1-2 anos se fatores de risco para DM 2 Fatores de risco: -História familiar positiva -História DG ou macrossomia fetal -Hipertensão arterial -Obesidade-Dislipidemia-Sedentarismo-SOMP

6 Diagnóstico GJ < 100mg/dL = normal GJ < 100mg/dL = normal GJ ≥ 100 e <126mg/dL = glicemia de jejum alterada GJ ≥ 100 e <126mg/dL = glicemia de jejum alterada Glicemia TOTG 2h ≥140 e <200 = tolerância diminuida à glicose. Glicemia TOTG 2h ≥140 e <200 = tolerância diminuida à glicose. Glicemia TOTG 2h ≥ 200mg/dL = DM Glicemia TOTG 2h ≥ 200mg/dL = DM Glicemia casual >200 com sintomas=DM Glicemia casual >200 com sintomas=DM GJ ≥ 126mg/dL em 2 ocasiões = DM GJ ≥ 126mg/dL em 2 ocasiões = DM

7 Objetivos do Tratamento DM 1 – Controle glicêmico rigoroso DM 1 – Controle glicêmico rigoroso Alvos glicêmicos: Alvos glicêmicos: -Glicemia pré-prandial: 80-120mg/dL -Glicemia pré-prandial: 80-120mg/dL -glicemia pós-prandial: <160mg/dL -Glicemia antes de dormir: 100-140mg/dL -Hemoglobina glicosilada A1c: <7%

8 Objetivos de tratamento DM 2 (SBD, 2007) : DM 2 (SBD, 2007) : -Glicemia de jejum < 110mg/dl -Glicemia pós-prandial < 140mg/dl -Glicemia pós-prandial < 140mg/dl -Hemoglobina glicosilada A1c < 6,5% -Hemoglobina glicosilada A1c < 6,5% -Colesterol total < 200mg/dl -Colesterol total < 200mg/dl -HDL > 45mg/dl -HDL > 45mg/dl -LDL <100mg/dl -LDL <100mg/dl -TG < 150mg/dl -TG < 150mg/dl -IMC: 20-25 -IMC: 20-25 -PA< 130/80mmHg -PA< 130/80mmHg

9 HOMA Estuda a função beta e a resistência à insulina como porcentagens de uma população de referência normal. Estuda a função beta e a resistência à insulina como porcentagens de uma população de referência normal. Descrito em 1985, por Dave Mathews. Descrito em 1985, por Dave Mathews. Exige determinação da glicemia e insulina de jejum. Exige determinação da glicemia e insulina de jejum. HOMA B: 20 x insulinemia(um/mL) ____________________________ (glicemia mg/mL x 0,05551) – 3,5 HOMA R: insulina(mU/mL) x glicemia(mg/dL) x 0,05551 _________________________________________ 22,5 22,5

10 Tratamento DM 1 Preparações de insulina Tipo de ação Início da ação (h) Pico de ação (h) Duração de ação (h) Aspart, Lispro ou Glulisina Ultra-rápida < 0,25 0,5 a 1,5 4 a 6 RegularRápida 0,5 a 1 2 a 3 5 a 10 InalatóriaRápida NPH/lentaIntermediária 2 a 4 4 a 10 10 a 16 DetemirProlongada 2 a 4 6 a 8 12 a 24 GlarginaProlongada 2 a 4 Sem pico 20 a 24

11 Tratamento DM 2 Classe de Droga Mecanismo de ação Queda da glicemia jejum Queda da Glico-Hb Efeitos sobre peso corporal Sulfoniluréias Aumento da secreção de insulina 60-70-mg/dl 60-70-mg/dl 1,0-2,0% 1,0-2,0% aumento aumento Biguanidas(Metformina) Aumento do efeito periférico da insulina 60-70mg/dl 60-70mg/dl 1,5-2,0% 1,5-2,0% redução redução Glinidas Glinidas Aumento da secreção de insulina(efeito rápido) 60-70mg/dl 60-70mg/dl 0,6-1,8% 0,6-1,8% aumento aumento Acarbose Retardo na absorção de carboidratos 20-30mg/dl 20-30mg/dl 0,5-1,5% 0,5-1,5% sem efeito sem efeito Tiazolidinediona(glitazonas) Aumento do efeito periférico da insulina(especialment e no músculo) 35-40mg/dl 35-40mg/dl 0,5-1,8% 0,5-1,8% aumento aumento Incretinomiméticos Elevação dos níveis séricos de GLP1 30-45mg/dl 30-45mg/dl 0,6-1,8% 0,6-1,8% redução redução

12 Bibliografias: Lopes,A.C., Tradado de Clínica Médica,2005. Lopes,A.C., Tradado de Clínica Médica,2005. Harrison,T.R., Medicina Interna, 2006. Harrison,T.R., Medicina Interna, 2006. ADA: www.diabetes.org ADA: www.diabetes.org SBD: www.diabetes.org.br SBD: www.diabetes.org.brwww.diabetes.org.br SBEM: www.sbem.com.br SBEM: www.sbem.com.brwww.sbem.com.br Revista Brasileira de Medicina: publicação 10/2008; pág 85 a 93 Revista Brasileira de Medicina: publicação 10/2008; pág 85 a 93

13 Obrigado!


Carregar ppt "Disglicemias Natália C. M. da Costa Raphael M. de Sá Ferreira."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google