A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Eu sou o poeta. Aluno : Gustavo Rodrigues Duarte Nº8 4ºano B Gustavo Rodrigues Duarte 4 ano BN 8.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Eu sou o poeta. Aluno : Gustavo Rodrigues Duarte Nº8 4ºano B Gustavo Rodrigues Duarte 4 ano BN 8."— Transcrição da apresentação:

1 Eu sou o poeta

2 Aluno : Gustavo Rodrigues Duarte Nº8 4ºano B Gustavo Rodrigues Duarte 4 ano BN 8

3 Eu sou um poeta mas inspirado em belas obras realizadas por grandes escritores,que hoje fazem parte da nossa literatura Com pouca experiência farei o possível para transmitir alguma mensagem inovadora e diferente. Direcionado o seu olhar a novos rumos

4 Monteiro Lobato Monteiro Lobato (1882-1948) foi um escritor e editor brasileiro. "O Sítio do Pica-pau Amarelo" é sua obra de maior destaque na literatura infantil. Criou a "Editora Monteiro Lobato" e mais tarde a "Companhia Editora Nacional". Foi um dos primeiros autores de literatura infantil de nosso país e de toda América Latina. Metade de suas obras é formada de literatura infantil. Destaca-se pelo caráter nacionalista e social. O universo retratado em suas obras são os vilarejos decadentes e a população do Vale do Paraíba, quando da crise do café. Situa-se entre os autores do Pré-Modernismo, período que precedeu a Semana de Arte Moderna. Monteiro Lobato (1882-1948) nasceu em Taubaté, São Paulo, no dia 18 de abril de 1882. Era filho de José Bento Marcondes Lobato e Olímpia Monteiro Lobato. Alfabetizado pela mãe, logo despertou o gosto pela leitura, lendo todos os livros infantis da biblioteca de seu avô o Visconde de Tremembé. Desde menino já mostrava seu temperamento irrequieto, escandalizou a sociedade quando se recusou fazer a primeira comunhão. Fez o curso secundário em Taubaté. Com 13 anos foi estudar em São Paulo, no Instituto de Ciências e Letras, se preparando para a faculdade de Direito.

5 Sabão Azeite e água brigaram Certa vez numa vasilha, Vai tapona, vem tabefe, Luta velha ali fervilha. Eis então, a apaziguá-los, A potassa se apressou, Todos três se combinaram E o sabão daí datou.

6 MARAVILHA ORTOGRAFIA NOVIDADE TOLERÂNCIA ERNEGIA IGUALDADE RISADAS ORGULHO LER OBTER BEIJO TIMIDO ORAÇÃO

7 BIOGRAFIA Oi meu nome é Gustavo Rodrigues Duarte eu nasci no Espirito Santo no dia 11 de março meu pai e minha mãe sempre trabalhou em restaurante nas cidades de Vila Velha, São Paulo e hoje trabalha em São Vicente. Eu me pareço muito com o meu pai. também gosto de futebol, bateria,informática e kung fu eu já fiz muitas viagens para o Brasil todo agora estou com a minha família feliz

8 Respeito ao próximo O vizinho da minha rua tinha se mudado e fiquei muito solitário alguns dias depois um vizinho chegou e falou oi tudo bem ele mi deu um brinquedo fiquei muito agradecido com isso e falei eu sou seu amigo. Eu vi alguém falando que ele era negro e preto no começo eu fiquei abalado e muito espantado criei coragem e fui na casa dele e falei com a mãe dele sobre aquele momento feio a mãe dele entendeu tudo e deixou ele de castigo sem brincar com os seus amigos. O menino foi na casa dele e pediu desculpas por chamar ele de negro e preto. O vizinho da minha rua tinha se mudado e fiquei muito solitário alguns dias depois um vizinho chegou e falou oi tudo bem ele mi deu um brinquedo fiquei muito agradecido com isso e falei eu sou seu amigo. Eu vi alguém falando que ele era negro e preto no começo eu fiquei abalado e muito espantado criei coragem e fui na casa dele e falei com a mãe dele sobre aquele momento feio a mãe dele entendeu tudo e deixou ele de castigo sem brincar com os seus amigos. O menino foi na casa dele e pediu desculpas por chamar ele de negro e preto.

9 Diz pra mim Você está na sombra do olhar Pensei em te guardar Mas foi melhor assim Na sombra do olhar Tentei te encontrar Mas nada além de mim De onde estou posso ver O caminho que me leva a você Diz pra mim O que eu já sei Tenho tanta coisa nova pra contar de mim Diz pra mim Sobre você Você está na sombra do olhar Pensei em te guardar Pra nunca mais ter fim Na sombra do olhar Tentei te encontrar Mas nada além de mim De onde estou posso ver O caminho que me leva a você Diz pra mim O que eu já sei Tenho tanta coisa nova pra contar de mim Diz pra mim Sobre você Que é a hora certa pra recomeçar do fim Diz pra mim O que eu já sei Tenho tanta coisa nova pra contar Diz pra mim O que eu já sei Tenho tanta coisa nova pra contar de mim Recomeçar do fim

10 Eu agradeço muito ao meu pai que me ajudou na música, que me incentivou para continuar...... Dedicatória


Carregar ppt "Eu sou o poeta. Aluno : Gustavo Rodrigues Duarte Nº8 4ºano B Gustavo Rodrigues Duarte 4 ano BN 8."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google