A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

RUAN ARTHUR DE SOUSA RAMOS. Soneto da amizade Amizade perdida Não é esquecida, Sem seu melhor amigo Você corre perigo. Correndo para pedir desculpas,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "RUAN ARTHUR DE SOUSA RAMOS. Soneto da amizade Amizade perdida Não é esquecida, Sem seu melhor amigo Você corre perigo. Correndo para pedir desculpas,"— Transcrição da apresentação:

1 RUAN ARTHUR DE SOUSA RAMOS

2 Soneto da amizade Amizade perdida Não é esquecida, Sem seu melhor amigo Você corre perigo. Correndo para pedir desculpas, no caminho você sente culpa. Quando você o acha, já tem outro amigo E você pensa nele como inimigo. Em casa, dele você tem lembranças E sente que tem esperanças De fazer o que já devia ter feito. Pedindo desculpas E assumindo a culpa. Você sente que tem uma nova velha amizade.

3 AUTOBIOGRAFIA Meu nome é Ruan Arthur de Sousa Ramos, nasci no dia 14 de setembro, de 2003, nasci em Teresina-Pi. Eu tenho 9 anos e completo 10 anos este ano, no dia dia 14 de setembro. Quem escolheu meu nome foram meu pai e minha mãe. Eu tenho uma irmãzinha chamada Aiyra, mas ela ainda está na barriga da minha mãe e vai nascer em outubro, estou muito ansioso para o seu nascimento. Eu tenho um sonho é ter padrinhos mágicos, apesar de saber que é quase impossível.

4 CONTO DE MISTÉRIO Numa mansão velha, Gorge morava com a família tranquilamente, mas ele achava que a mansão era mal assombrada. Naquela noite aconteceu algo de diferente, pois era sexta-feira 13 (treze), noite das bruxas. Gorge ouviu um barulho estranho e também estava com sede. Então ele foi beber água, ele estava tonto e acabou bebendo água da torneira, quando estava voltando, algo apareceu na frente dele e ele levou o maior susto: -AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHH! Quando ele percebeu, era Tonhão, seu tigre de estimação e logo depois apareceu a mãe zangada e deu um castigo neles por uma semana.

5 DIARIO PESSOAL Caro diário, Ontem o começo foi normal, acordei, tomei café, assisti TV, deixei meu pai no ICF. Fui para casa da minha avó. Lá assisti TV de novo e brinquei, à noite, teve terço, rezei, comi, bebi e fomos para casa. Lá, tomei banho, troquei de roupa para dormir, assisti o “Fantástico” e fui dormindo aos poucos até que dormi. Tive um sonho em que eu estava novamente na casa da minha avó.

6 O MEDO O medo é uma sensação quando você está desesperado ou quase isso. Uma vez fui ao Riverside andar no “barco pirata” (um brinquedo que me fez voar). Sentei na ponta dele, mas quando ele chegou a maior altura possível, meus pés começaram a flutuar, suei e na hora da outra ponta subir, levei o maior friozinho na barriga de todos.


Carregar ppt "RUAN ARTHUR DE SOUSA RAMOS. Soneto da amizade Amizade perdida Não é esquecida, Sem seu melhor amigo Você corre perigo. Correndo para pedir desculpas,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google