A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Análise Econômica Nívea Cordeiro 2010. 2 Análise Econômica Permite levantar o montante que será gasto no empreendimento e se este dará lucro ou prejuízo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Análise Econômica Nívea Cordeiro 2010. 2 Análise Econômica Permite levantar o montante que será gasto no empreendimento e se este dará lucro ou prejuízo."— Transcrição da apresentação:

1 1 Análise Econômica Nívea Cordeiro 2010

2 2 Análise Econômica Permite levantar o montante que será gasto no empreendimento e se este dará lucro ou prejuízo. A análise econômica trabalha por competência, permitindo analisar o negócio (se deu lucro ou prejuízo) no próprio mês

3 3 Análise Econômica Para fazer essa análise precisamos saber: a) Os Investimentos Iniciais b) As Despesas Fixas c) As Despesas Variáveis

4 4 NOME PROVISÓRIO: Notável - Charme & Elegância RAMO: comércio varejista de calçados, acessórios e artigos para presentes (franquia)

5 5 ETAPA 1 Cálculo do Investimento Total Nessa etapa, vamos calcular o total de recursos a ser investido para que a empresa comece a funcionar. Pelas pesquisas realizadas no mercado (cliente, concorrentes e fornecedores), revelou uma expectativa do seguinte cenário que envolverá uma receita mensal de R$ ,00; contratação de 6 funcionários.

6 6 Planilhas de apoio

7 7 Investimentos Iniciais R epresentam a quantidade de capital necessária para a abertura do negócio e para a manutenção do mesmo nos primeiros meses de atividade. Para que você conheça o capital necessário, deverá relacionar os investimentos físicos e os financeiros.

8 8 ESTIMATIVA DOS INVESTIMENTOS FIXOS

9 9 Xxxxx LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTO FIXO VALORES R$ Sub-total "a"

10 10 Investimentos Físicos S ão aqueles destinados à compra de bens físicos como máquinas, instalações, veículos, móveis e utensílios, equipamentos de informática. Ou seja, destinam-se à aquisição de ativos (ativo imobilizado) para o negócio, pois não são consumidos no processo operacional normal da empresa.

11 11 No primeiro quadro, relacione os equipamentos, máquinas, móveis, utensílios, ferramentas e veículos a serem adquiridos, a quantidade necessária, o valor de cada um e o total a ser desembolsado; Evite imobilizações desnecessárias. Quando possível, alugue ao invés de construir ou comprar; Considere a possibilidade de terceirizar algumas atividades, isso reduzirá a necessidade de compra de máquinas e equipamentos; Pesquise e avalie as diversas opções de aquisição (leilões, classificados, lojas de usados); Cuidado com o estado de conservação e a garantia do que irá comprar.

12 12 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTO FIXO VALORES R$ Veículos ,00 Sub-total "a"

13 13 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTO FIXO VALORES R$ Veículos ,00 Móveis e Utensílios ,00 Sub-total "a"

14 14 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTO FIXO VALORES R$ Veículos ,00 Móveis e Utensílios ,00 Máquinas e Equipamentos ,00 Sub-total "a"

15 15 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTO FIXO VALORES R$ Veículos ,00 Móveis e Utensílios ,00 Máquinas e Equipamentos ,00 Software 2.000,00 Sub-total "a"

16 16 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTO FIXO VALORES R$ Veículos ,00 Móveis e Utensílios ,00 Máquinas e Equipamentos ,00 Software 2.000,00 Placas e Letreiros 5.000,00 Sub-total "a"

17 17 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTO FIXO VALORES R$ Veículos ,00 Móveis e Utensílios ,00 Máquinas e Equipamentos ,00 Software 2.000,00 Placas e Letreiros 5.000,00 Sub-total "a" ,00

18 18 ESTIMATIVA DOS INVESTIMENTOS PRÉ- OPERACIONAIS

19 19 Compreendem os gastos realizados antes do início das atividades da empresa, isto é, antes que ela abra as portas e comece a vender. São exemplos de investimentos pré- operacionais: despesas com reforma (pintura, instalação elétrica, troca de piso, etc.); taxas de registro da empresa; cursos e treinamentos; propaganda e publicidade; outras despesas.

20 20 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTOS PRÉ-OPERACIONAIS VALORES R$ Reforma do Imóvel30.000,00 Sub-total b"

21 21 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTOS PRÉ-OPERACIONAIS VALORES R$ Reforma do Imóvel30.000,00 Franquia30.000,00 Sub-total b"

22 22 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTOS PRÉ-OPERACIONAIS VALORES R$ Reforma do Imóvel30.000,00 Franquia30.000,00 Treinamentos2.000,00 Sub-total b"

23 23 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTOS PRÉ-OPERACIONAIS VALORES R$ Reforma do Imóvel30.000,00 Franquia30.000,00 Treinamentos2.000,00 Registro da Empresa600,00 Sub-total b"

24 24 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTOS PRÉ-OPERACIONAIS VALORES R$ Reforma do Imóvel30.000,00 Franquia30.000,00 Treinamentos2.000,00 Registro da Empresa600,00 Propaganda e Publicidade5.000,00 Sub-total b"

25 25 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTOS PRÉ-OPERACIONAIS VALORES R$ Reforma do Imóvel30.000,00 Franquia30.000,00 Treinamentos2.000,00 Registro da Empresa600,00 Propaganda e Publicidade5.000,00 Outros 5.000, ,00 Sub-total b"

26 26 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTOS PRÉ-OPERACIONAIS VALORES R$ Reforma do Imóvel30.000,00 Franquia30.000,00 Treinamentos2.000,00 Registro da Empresa600,00 Propaganda e Publicidade5.000,00 Outros Sub-total b" ,00

27 27 ESTIMATIVA DO CAPITAL DE GIRO

28 28 Investimentos Financeiros São aqueles destinados à formação do capital de giro para o negócio. O capital de giro é o montante de recursos em dinheiro que precisa ser investido para o funcionamento normal da empresa: - estoque de produtos, matéria-prima; - para o pagamento de salários, tributos; - demais despesas fixas; - além de financiar as vendas a prazo.

29 29 Investimentos Financeiros O capital de giro é uma quantia que a empresa deve ter à disposição para movimentar o dia-a- dia do negócio. O prazo de cálculo do capital de giro vai variar de acordo com a disponibilidade de recursos e dos riscos que cada empreendedor está disposto a correr.

30 30 Para calcular o Capital de Giro ainda não dispomos de todos os dados, por isso vamos colocar uma interrogação para calculá-lo posteriormente.

31 31 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL CAPITAL DE GIRO ????????? TOTAL DO INVESTIMENTO INICIAL(a+b+c)??????????

32 32 Vejamos como ficou a Etapa 1 Planilha

33 33 INVESTIMENTOS PRÉ-OPERACIONAIS VALORES R$ Reforma do Imóvel30.000,00 Franquia30.000,00 Treinamentos2.000,00 Registro da Empresa600,00 Propaganda e Publicidade5.000,00 Outros5.000,00 Sub-total b"72.600,00 LUCRO PRESUMIDO ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO INICIAL INVESTIMENTO FIXO VALORES R$ Veículos40.000,00 Móveis e Utensílios30.000,00 Máquinas e Equipamentos15.000,00 Software2.000,00 Placas e Letreiros5.000,00 Sub-total "a"92.000,00

34 34 Receita Mensal

35 35 PLANILHA DE RECEITAS - MENSAL PRODUTO /SERVIÇO VALORES - R$ Vendas de Mercadorias ,00 TOTAL DE RECEITAS ,00

36 36 Na próxima aula vamos dar seqüência aos cálculos, com as despesas fixas e variáveis.

37 37 Para encerrar

38 38 Colheres de cabo comprido

39 39 Conta uma lenda que Deus convidou um homem para conhecer o céu e o inferno. Foram primeiro ao inferno. Ao abrirem uma porta, o homem viu uma sala em cujo centro havia um caldeirão de substanciosa sopa e à sua volta estavam sentadas pessoas famintas e desesperadas.

40 40 Cada uma delas segurava uma colher, porém de cabo muito comprido, que lhes possibilitava alcançar o caldeirão, mas não permitia que colocassem a sopa na própria boca. O sofrimento era Grande. Em seguida, Deus levou o homem para conhecer o céu.

41 41 Entraram em uma sala idêntica à primeira: havia o mesmo caldeirão, as pessoas em Volta e as colheres de cabo comprido. A diferença é que todos estavam saciados. Não havia fome, nem sofrimento. 'Eu não compreendo', disse o homem a Deus, 'por que aqui as pessoas estão felizes enquanto na outra sala morrem de aflição, se é tudo igual?'

42 42 Deus sorriu e respondeu: Você não percebeu? É Porque aqui eles aprenderam a Dar comida uns aos outros.

43 43 Moral da história: Temos três situações que merecem profunda reflexão: Egoísmo: Criatividade: Equipe: se tivesse havido o espírito solidário e ajuda mútua, a situação teria sido rapidamente resolvida no INFERNO.... Mas tudo depende das PESSOAS!


Carregar ppt "1 Análise Econômica Nívea Cordeiro 2010. 2 Análise Econômica Permite levantar o montante que será gasto no empreendimento e se este dará lucro ou prejuízo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google