A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco Distúrbios Psicomotores Sincinesias: Refere-se a movimentos desencadeados de forma involuntária do segmento contrário.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco Distúrbios Psicomotores Sincinesias: Refere-se a movimentos desencadeados de forma involuntária do segmento contrário."— Transcrição da apresentação:

1 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco Distúrbios Psicomotores Sincinesias: Refere-se a movimentos desencadeados de forma involuntária do segmento contrário àquele que realiza um determinado movimento voluntário. Nesse caso, a Sincinesia aparente é evidenciada de uma forma dinâmica, onde a característica principal é o movimento.

2 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco Exemplos: se colocarmos uma criança sentada em uma cadeira e lhe solicitarmos que abra e feche a mão sucessivamente, poderemos observar sincinesias faciais e segmentares na mão contrária, ou ainda, sincinesias segmentares nos membros inferiores.

3 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco Tipos de sincinesias Sincinesias Faciais de Expressões Sincinesias Faciais de Movimento Sincinesia Segmentar Hipertônica Sincinesia Segmentar Similar

4 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco Observações As SINCINESIAS são consideradas como um dos elementos da debilidade motora, juntamente com as paratonias e as inabilidades, e podem ser encontradas em indivíduos psiquicamente normais e até intelectualmente superiores.

5 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco Para avaliação e controle Colocando a criança em posição em pé, estamos conseqüentemente, neutralizando as possíveis sincinesias dos segmentos inferiores. O mesmo caso poderá acontecer se colocarmos uma criança sentada no solo, apoiando suas mãos no chão, e lhe solicitarmos que, com um pé faça extensão e flexão ou a circundação para fora e para dentro. Neste caso, as sincinesias manifestadas poderão ser facias ou segmentares no pé contrário, porque as possíveis sincinesias dos segmentos superiores estarão neutralizadas pelo apoio das mãos no solo.

6 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco Crianças que apresentam distúrbios visomotores: Não escrevem na linha. A letra é irregular, ora pequena, ora grande. O traçado é muito forte. Não conseguem recortar direito. Suas pinturas são fortes e sem limites, misturam as cores. Não seguram direito o lápis (algumas). Não colocam os números dentro dos quadradinhos. Tem dificuldades em montar um jogo de encaixe. Derramam a comida fora do prato, etc

7 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco Crianças que apresentam distúrbios psicomotores:. Não têm um bom equilíbrio. Não conseguem pular corda. Não andam de bicicleta. Não conseguem se vestir sozinhas e nem amarrar o tênis. Tropeçam e caem com facilidade. Não conseguem se orientar no espaço Estão relacionados com a parte motora global (esquema corporal). Não têm um bom equilíbrio. Não conseguem pular corda. Não andam de bicicleta. Não conseguem se vestir sozinhas e nem amarrar o tênis. Tropeçam e caem com facilidade. Não conseguem se orientar no espaço Estão relacionados com a parte motora global (esquema corporal)

8 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco Crianças com problemas neurológicos, portadoras de paralisia cerebral Um comprometimento motor, com paralisia parcial até completa;. Comprometimento intelectual;. Comprometimento sensorial, desde ausência completa de sensibilidade (anestesia) ao excesso de sensibilidade (hiperestesia);. Comprometimento da visão, audição;

9 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco Crianças com disfunção cerebral mínima (DCM) - nível mental em torno do normal; - deficiência perceptiva e motora; - dificuldades de coordenação - hiperatividade-distúrbios de atenção - instabilidade emocional; - alteração da linguagem;

10 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco PARALISIAS CEREBRAIS O termo Paralisias Cerebrais (P.C.) vem sendo usado como o significado do resultado de um dano cerebral, que leva à inabilidade, dificuldade ou o descontrole de músculos e de certos movimentos do corpo. área atingida é o cérebro (sistema Nervoso Central - S.N.C) NÃO SÃO DOENÇAS

11 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco PARALISIAS CEREBRAIS: os efeitos não conseguem controlar alguns ou todos os seus movimentos Algumas terão dificuldade em falar, andar ou usar as mãos. Umas serão capazes de sentar sem suporte ou ajuda, enquanto outras necessitarão de ajuda para a maioria das tarefas de vida diária.

12 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco PRINCIPAIS PROBLEMAS PARA CRIANÇAS COM P.C. Epilepsia Deficiência Mental Deficiências Visuais Dificuldades de Aprendizagem Dificuldades de Fala e Alimentação Outros problemas: dificuldades auditivas, disartria, déficits sensoriais, escoliose, contraturas musculares, problemas odontológicos, salivação incontrolável, etc...

13 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco Hiperatividade O verdadeiro comportamento hiperativo interfere na vida familiar, escolar e social da criança. As crianças hiperativas têm dificuldade em prestar atenção e aprender. Como são incapazes de filtrar estímulos, são facilmente distraídas. Essas crianças podem falar muito, alto demais e em momentos inoportunos. As crianças hiperativas estão sempre em movimento, sempre fazendo algo e são incapazes de ficar quietas. São impulsivas. Não param para olhar ou ouvir. Devido à sua energia, curiosidade e necessidade de explorar surpreendentes e aparentemente infinitas, são propensas a se machucar e a quebrar e danificar coisas. As crianças hiperativas toleram pouco as frustrações. Elas discutem com os pais, professores, adultos e amigos. Fazem birras e seu humor flutua rapidamente. Essas crianças também tendem a ser muito agarradas às pessoas. Precisam de muita atenção e tranquilização.

14 26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco F I M Obrigada pela atenção CARPE DIEM


Carregar ppt "26/08/04 Lisete Moreira Del Bianco Distúrbios Psicomotores Sincinesias: Refere-se a movimentos desencadeados de forma involuntária do segmento contrário."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google