A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário O que iremos aprender: importância do processo de planejamento financeiro importância.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário O que iremos aprender: importância do processo de planejamento financeiro importância."— Transcrição da apresentação:

1 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário O que iremos aprender: importância do processo de planejamento financeiro importância de planejamento de caixa, o papel das previsões de vendas e o orçamento de caixa avaliar o orçamento de caixa e suas incertezas Preparar o DRE projetado Abordagem estimativa e uso de financiamento externo necessário Pontos fracos das formas simplificadas de se lidar com a preparação de DRE projetados

2 Administração Financeira e Orçamentária Processo de planejamento financeiro planejamento começa com planos financeiros a longo prazo (estratégicos), que por sua vez guiam a formulação de planos a curto prazo (operacionais) e orçamentos planos estratégicos: ações financeiras planejadas e o impacto antecipado dessas ações em períodos que vão de 2 a 10 anos. planos operacionais : especificam as ações financeiras a curto prazo e o impacto antecipado destas ações Planejamento Orçamentário

3 Previsão de vendas Planos de produção Plano de financiamento LP DRE projetado Orçamento de caixa Balanço patrimonial projetado Balanço patrimonial atual Plano dispêndio de capital Plano dispêndio de capital PLANEJAMENTO FINANCEIRO A CURTO PRAZO Informação Necessária Saída para análise

4 Administração Financeira e Orçamentária PERSPECTIVA FINANCEIRA PESSOAL Quando os ganhos são indefinidos As estratégias de planejamento financeiro padrão não se aplicam quando seus ganhos são indefinidos. O planejamento financeiro pessoal é mais complicado se você trabalha por conta própria com vendas ganhando comissões ou se sua companhia adotou incentivos de ganhos atrelados ao seu desempenho. Seria financeiramente arriscado organizar planos de poupança mensal automáticos, e seu orçamento deveria ser feito em intervalos mais curtos que anualmente. É crítico monitorar ganhos e despesas mensalmente e pagar primeiramente as despesas essenciais – pagamento de aluguel/ prestação, mensalidades e comida. Organize uma conta para impostos na qual você regularmente acumula dinheiro para os impostos estimados ( IPTU, IPVA, IR, etc). Então, use quaisquer fundos que restam cada mês para constituir uma poupança de reserva para passar por tempos difíceis. Um erro comum é melhorar o seu estilo de vida ao primeiro sinal de melhores vencimentos. Algumas recompensas ficam bem, mas não atrele você mesmo em pagamentos maiores por um carro ou prestações da casa. Não há garantia de que você vá continuar a ganhar no mesmo nível, ou se irá continuar trabalhando. Planejamento Orçamentário

5 Administração Financeira e Orçamentária PERSPECTIVA FINANCEIRA PESSOAL Continuação... Seu rendimento vai subir e cair durante o ano, portanto adie investimentos para a aposentadoria, a educação das crianças, ou outro projeto até o final do ano. Seu orçamento de caixa vai lhe mostrar o quanto você precisa para pelo menos três meses de despesas com sua subsistência: então você pode investir qualquer excedente. Texto adaptado de Gitman, Lawrence J. – Princípios de Administração Financeira, pg 435. Planejamento Orçamentário

6 Administração Financeira e Orçamentária ORÇAMENTO DE CAIXA OU PREVISÃO DE CAIXA Planejamento Orçamentário É um demonstrativo das entradas e saídas de caixa planejadas da empresa. É utilizado pela empresa para estimar suas necessidades de caixa a curto prazo, com especial atenção para o: planejamento de excedentes de caixa (comprar títulos negociáveis) deficiências de caixa (financiar através de empréstimos de curto prazo) Orçamento de Caixa dá ao gerente financeiro uma clara visão do momento exato das entradas e saídas de caixa esperadas através de um dado período.

7 Administração Financeira e Orçamentária A Previsão de Vendas Planejamento Orçamentário É a projeção das vendas da empresa por um dado período de tempo, baseada em dados externos e/ou internos, que é usada como a entrada-chave para o processo de planejamento financeiro a curto prazo. Normalmente fornecida pelo departamento de marketing. Na prática, obter bons resultados é o aspecto mais difícil ao se fazer uma previsão. A previsão de vendas pode ser baseada em uma análise de dados internos, externos ou uma combinação dos dois. Previsão externa é uma previsão de vendas baseada nos relacionamentos observados entre as vendas da empresa e alguns indicadores econômicos externos.

8 Administração Financeira e Orçamentária A Previsão de Vendas Externas Planejamento Orçamentário Previsão externa é uma previsão de vendas baseada nos relacionamentos observados entre as vendas da empresa e alguns indicadores econômicos externos. A Previsão de Vendas Internas Previsão interna é uma previsão de vendas baseada em uma projeção ou consenso de previsões de vendas dos canais de vendas(distribuidor, porta a porta, telemarketing, venda via internet) da própria empresa.

9 Administração Financeira e Orçamentária A Previsão de Vendas Combinadas Planejamento Orçamentário As empresas, geralmente usam uma combinação de dados de previsões internas e externas para fazer uma previsão final de vendas. Os dados internos provêem material para uma reflexão com relação às expectativas de vendas e os dados externos provêem os meios para ajustar essas expectativas levando em consideração fatores econômicos gerais. A natureza do produto da empresa também afeta muitas vezes a combinação e os tipos de métodos de previsão usados.

10 Administração Financeira e Orçamentária Preparando o Orçamento de Caixa Planejamento Orçamentário Este é o formato geral do orçamento de caixa: JanFevMar (+)RecebimentosXXXXXGXXM (-)PagamentosXXAXXHXXN (=)Fluxo de Caixa LíquidoXXBXXIXXO (+)Saldo de Caixa InicialXXCXXDXXJ (=)Saldo de Caixa FinalXXDXXJXXP (-)Saldo de Caixa MínimoXXEXXKXXQ Financiamento total necessário XXL Excesso de Saldo de CaixaXXF XXZ

11 Administração Financeira e Orçamentária Recebimentos Planejamento Orçamentário Incluem todas as entradas de caixa de uma empresa em um dado período. Os componentes mais comuns de recebimentos são vendas à vista, cobrança de vendas a prazo e outros recebimentos.

12 Administração Financeira e Orçamentária Recebimentos Planejamento Orçamentário Previsão de Vendas: esta entrada é meramente informativa. Ela é colocada como uma ajuda para calcular outros itens relacionados a vendas. Vendas à Vista: vendas efetuadas através de pagamento a vista ( entrada de $$$). Cobranças de duplicatas a receber: estas entradas representam a cobrança de duplicatas a receber que resultam de vendas a prazo em meses anteriores. Defasado 1 mês: as vendas feitas no mês anterior que geraram duplicatas a receber cobradas no mês correntes. Defasado 2 meses: as vendas feitas 2 meses antes que geraram duplicatas a receber cobradas no mês corrente. Outros recebimentos: são recebimentos esperados de fontes outras que as vendas. Juros recebidos, dividendos recebidos, receitas vindas da venda de equipamentos, receitas das venda de ações e títulos e receitas de aluguéis podem aparecer aqui. Previsão de Vendas: esta entrada é meramente informativa. Ela é colocada como uma ajuda para calcular outros itens relacionados a vendas. Vendas à Vista: vendas efetuadas através de pagamento a vista ( entrada de $$$). Cobranças de duplicatas a receber: estas entradas representam a cobrança de duplicatas a receber que resultam de vendas a prazo em meses anteriores. Defasado 1 mês: as vendas feitas no mês anterior que geraram duplicatas a receber cobradas no mês correntes. Defasado 2 meses: as vendas feitas 2 meses antes que geraram duplicatas a receber cobradas no mês corrente. Outros recebimentos: são recebimentos esperados de fontes outras que as vendas. Juros recebidos, dividendos recebidos, receitas vindas da venda de equipamentos, receitas das venda de ações e títulos e receitas de aluguéis podem aparecer aqui.

13 Administração Financeira e Orçamentária Recebimentos Planejamento Orçamentário Veja exercício... calendario_recebimentos_visitors_q_(v.2003).doc calendario_recebimentos_visitors_r_(v.2003).doc

14 Administração Financeira e Orçamentária Pagamentos Planejamento Orçamentário Incluem todas as despesas feitas pela empresa durante um dado período financeiros. Os pagamentos mais comuns de caixa são: compras à vista pagamentos de duplicatas a pagar pagamentos de impostos pagamentos para ativo permanente pagamentos de dividendos de caixa amortizações (empréstimos) recompra de ações Incluem todas as despesas feitas pela empresa durante um dado período financeiros. Os pagamentos mais comuns de caixa são: compras à vista pagamentos de duplicatas a pagar pagamentos de impostos pagamentos para ativo permanente pagamentos de dividendos de caixa amortizações (empréstimos) recompra de ações Veja exercício... calendario_recebimentos_visitors_q_(v.2003).doc calendario_recebimentos_visitors_r_(v.2003).doc

15 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário Fluxo de caixa líquido A diferença matemática entre a entrada de caixa da empresa e suas saídas de caixa em cada período. Saldo de Caixa Final A soma do saldo de caixa inicial e seu fluxo de caixa líquido pelo período. Saldo de caixa mínimo Reserva para necessidades não programadas, que tem seu valor determinado pela empresa.

16 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário Financiamento total necessário Montante de fundo que a empresa necessita se o saldo final de caixa do período for menor do que o saldo de caixa mínimo desejado; geralmente representado por empréstimos bancários. Excesso de caixa O montante disponível para investimento pela empresa se o saldo final de caixa do período for maior do que o saldo mínimo em caixa desejado; assume-se que seja investido em títulos mobiliários.

17 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário Saldo de caixa mínimo Reserva para necessidades não programadas, que tem seu valor determinado pela empresa. Veja exercício 3 calendario_recebimentos_visitors_q_(v.2003).doc calendario_recebimentos_visitors_r_(v.2003).doc

18 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário Lidando com a incerteza no Orçamento de Caixa Preparar vários orçamentos de caixa – baseados em previsões pessimistas, mais prováveis e otimistas. Essa é uma análise de sensibilidade, ou essa forma de abordagem do tipo o que seria se é muitas vezes usada para analisar fluxos de caixa sob uma variedade de circunstâncias possíveis.

19 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário Orçamento de Caixa da VISITORS (em $ mil) Mai+ PesMai+ ProMai+Oti (+)Total de Recebimentos (-)Total de Pagamentos (=)Fluxo de Caixa Líquido(40)(3)37 (+)Saldo de Caixa Inicial50 (=)Saldo de Caixa Final (-)Saldo de Caixa Mínimo25 Financiamento Necessário(15) Excesso de Saldo do Caixa 2262

20 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário Jun + PesJun + ProJun+Oti (+)Total de Recebimentos (-)Total de Pagamentos (=)Fluxo de Caixa Líquido(170)(98)(57) (+)Saldo de Caixa Inicial (=)Saldo de Caixa Final(160)(51)30 (-)Saldo de Caixa Mínimo25 Financiamento Necessário(185)(76) Excesso de Saldo do Caixa 5

21 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário Jul + PesJul + ProJul + Oti (+)Total de Recebimentos (-)Total de Pagamentos (=)Fluxo de Caixa Líquido(5)35102 (+)Saldo de Caixa Inicial(160)(51)30 (=)Saldo de Caixa Final(165)(16)132 (-)Saldo de Caixa Mínimo25 Financiamento Necessário(190)(41) Excesso de Saldo do Caixa 107

22 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário Planejamento de Lucro: Fundamentos dos Demonstrativos Projetados À medida que o planejamento de caixa enfoca a previsão de fluxos de caixa, o planejamento de lucro centra-se na preparação do demonstrativo projetados que são demonstrativos financeiros – demonstrações de resultado do exercício e balanço patrimonial – projetados ou previstos. Dois lançamentos são necessários para se preparar demonstrativos projetados usando as formas simplificadas: Demonstrativos financeiros para o ano precedente Previsão de vendas para o ano seguinte

23 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário DRE DO ANO PRECEDENTE EXPO_CENTER EXPO_CENTER.xls BALANÇO PATRIMONIAL EXPO_CENTER.xls

24 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário PREVISÃO DE VENDAS O lançamento chave para demonstrativos projetados é a previsão de vendas. Esta previsão de vendas é baseada em dados internos e dados externos. Os aumentos nos preços são necessários para cobrir aumentos antecipados nos custos de mão-de-obra, material, despesas indiretas e despesas operacionais. PREVISÃO DE VENDAS EXPO_CENTER.xls

25 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário Preparando a DRE do Exercício Projetada Um método simples para se desenvolver uma DRE projetados é o método de percentagem de vendas. Ele prevê vendas e então expressa o custo dos bens vendidos, as despesas operacionais e as despesas com juros como percentagem de vendas projetadas. As percentagens usadas serão as de venda para esses itens no ano anterior da EXPO CENTER.

26 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário CUSTO DOS PRODUTOS VENDIDOS VENDAS $ = = 80% $ DESPESAS OPERACIONAIS VENDAS $ = = 10% $ DESPESAS COM JUROS VENDAS $ = = 1% $

27 Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário DRE projetados, usando o método de percentagem de vendas para 2001, teremos: EXPO_CENTER.xlsEXPO_CENTER.xls ( DRE-2001)


Carregar ppt "Administração Financeira e Orçamentária Planejamento Orçamentário O que iremos aprender: importância do processo de planejamento financeiro importância."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google