A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

NEUROFISIOLOGIA DA LINGUAGEM Sheila Cristina Ouriques Martins Serviço de Neurologia do Hospital Mãe de Deus / Equipe Neurovascular Unidade Vascular HMD.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "NEUROFISIOLOGIA DA LINGUAGEM Sheila Cristina Ouriques Martins Serviço de Neurologia do Hospital Mãe de Deus / Equipe Neurovascular Unidade Vascular HMD."— Transcrição da apresentação:

1 NEUROFISIOLOGIA DA LINGUAGEM Sheila Cristina Ouriques Martins Serviço de Neurologia do Hospital Mãe de Deus / Equipe Neurovascular Unidade Vascular HMD Serviço de Neurologia do Hospital de Clínicas de Porto Alegre / Unidade Vascular do HCPA

2 l l l Lobo Parietal Sulco Central Sulco Parieto- occiptal Lobo Occiptal Lobo Frontal Lobo Temporal Sulco lateral (Silvus) Cerebelo

3

4

5

6 Linguagem Forma de comunicação humana – transmistir informação complexa de uma pessoa para outra Fala, Escrita, leitura, audição Processo de linguagem no cérebro ocorre em estruturas específicas e localizadas

7 Vê objeto Reconhece Interpreta o significado Forma fonológica Produz o nome Fala o nome

8 Representação da Linguagem % Número de CasosEsquerdo Bilateral Direito Destro Canhoto Lateralização da Linguagem em 262 sujeitos Hemisfério Dominante

9 Áreas da linguagem

10

11

12

13 Afasia Perda ou prejuízo da linguagem causada por disfunções em regiões específicadas do cérebro. Perda parcial ou completa da capacidade de compreensão ou expressão da palavra (falada ou escrita) 50% dos casos - secundária a AVC Pode ser causada também por tumor, trauma de crânio, infecção no sistema nervoso central,... Pacientes com afasia, 70% não retorna ao trabalho; 72% afasta-se dos amigos

14 Fluência Nomeação Compreensão Repetição Leitura/escrita Afasia

15 Parafasias Produção de sílabas, palavras ou frases inintelegíveis durante o esforço de falar Característica da fala fluente: inintelegível mas não por dificuldade de articulação da fala –Parafasia literal (fonêmica): substituição, adição ou omissão de fonemas camisa é substituída por tamisa –Parafasia verbal (semântica): a palavra é trocada por outra mãe é substituído por esposa

16 Afasia/Disfasia de Broca (Afasia motora ou anterior) Fluência: não fluente Nomeação: pobre Compreensão: normal Repetição: pobre Parafasias: raras

17

18 Afasia/Disfasia de Wernicke Fluência: fluente Nomeação: erros parafásicos Compreensão: pobre Repetição: pobre

19

20 Afasia Global Fluência: não fluente Nomeação: mínima Compreensão: pobre Repetição: pobre/nenhuma Hemiparesia, hemi-hipoestesia, hemianopsia

21 Afasia de Condução Fluência: fluente Nomeação: pobre Compreensão: normal Repetição: muito prejudicada Parafasias: muito freqüentes Descrevem a imagem mas não conseguem nomeá-la, difícil leitura.

22

23 Afasia Motora Transcortical Fluência: não fluente Nomeação: pobre Compreensão: normal Repetição: normal Parafasias: raras Dano anterior ou superior a área de Broca (geralmente por AVC)

24 Afasia Sensitiva Transcortical Fluência: fluente Nomeação: pobre Compreensão: prejudicada Repetição: normal Parafasias: comuns Similar a Wernicke mas com a repetição preservada. Comum nas fases tardias da doença de Alzheimer

25

26

27 Área auditiva primária Área de Wernick Centro da concepção Área de Brocá Córtex motor Fibras arqueadas Surdez da palavra (Afasia receptiva auditiva) Afasia Transcortical Sensitiva Afasia Transcortical Motora Afemia Afasia de Condução Afasia Wernick Afasia de Broca

28 SíndromeFalaNomeaçãoFormação de frases Compreenção da palavra Compreensão de frases Repeti- ção Afasia GlobalPrejudicada AusentePrejudicada Afasia de Broca Não fluemte expressão prejudicada Parcialmen- te prejudica da: nomes > verbos Prejudicada, agramática Parcialme-te prejudicada Prejudicada para sentenças semânticamen- tes reversíveis Prejudica da Afasia de Condução Fluente paraphasica Variável mas parafásica Bem estruturada, parafásica BoaVariável, pode ser prejudicada para frases complexas Prejudica da Afasia de Wernicke Fluente mas parafásica, pode ser excessiva PrejudicadoEstruturada mas vazia Prejudicada Transcortical Sensorial Fluente, parafásica PrejudicadoEstruturada mas vazia Prejudicada Preserva- da Transcortical Motora Preservada mas esparsa Variável BoaVariávelPreserva- da AnomiaFluente mas esitante PrejudicadoEstruturada mas prejudica- da pela dificul- dade em achar as palavras VariávelRelativamente boa Preserva- da Síndromes Afásicas

29 Apraxia Dificuldade de executar movimentos aprendidos

30

31

32

33

34 Agnosia Incapacidade do indivíduo de reconhecer o objeto ou som, apesar da visão e audição estarem intactas Agnosia visual: o paciente vê o objeto mas é incapaz de dizer o que ele é

35

36

37

38 Caso Homem, 48 anos, dificuldade leve de fala há 2 semanas

39 Lesão desmielinizante

40 Melhora importante após tratamento com dexametasona

41 Afasia de broca

42 Figure 5. A T 1 -Mulher, 26 a, 2 dias após cesariana não complicada iniciou com cefaléia, convulsões, afasia e hemiparesia direita. Hemorragia parietal esquerda

43 Paciente de 60 anos chega à emergência com afasia e discreta perda de força à direita

44 Mapeamento por estimulação cortical e RNM funcional

45 A produção de palavras ativa o córtex frontal opercular (A), articulação das palavras ativa o córtex motor (B), ouvir palavras ativa o córtex auditivo no giro temporal superior (C), e ler palavras ativa o córtex visual têmporo occiptal (D). Imagem funcional em indívíduos normais


Carregar ppt "NEUROFISIOLOGIA DA LINGUAGEM Sheila Cristina Ouriques Martins Serviço de Neurologia do Hospital Mãe de Deus / Equipe Neurovascular Unidade Vascular HMD."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google