A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Atuação no meio social. Incluem-se neste eixo aspectos relativos a diferentes domínios do conhecimento humano: Ciências, História,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Atuação no meio social. Incluem-se neste eixo aspectos relativos a diferentes domínios do conhecimento humano: Ciências, História,"— Transcrição da apresentação:

1 Atuação no meio social

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14 Incluem-se neste eixo aspectos relativos a diferentes domínios do conhecimento humano: Ciências, História, Geografia e Educação para o Pensar. Estas áreas do conhecimento concretizam-se em atividades relacionadas com a descoberta do meio físico e social que rodeia as crianças. Incluem-se neste eixo aspectos relativos a diferentes domínios do conhecimento humano: Ciências, História, Geografia e Educação para o Pensar. Estas áreas do conhecimento concretizam-se em atividades relacionadas com a descoberta do meio físico e social que rodeia as crianças.

15 A atuação no meio social é trabalhada com vistas a proporcionar ao aluno a consciência de que cidadania é também o sentimento de pertencer a uma realidade em que as relações entre a sociedade e a natureza formam um todo integrado do qual ele faz parte. A atuação no meio social é trabalhada com vistas a proporcionar ao aluno a consciência de que cidadania é também o sentimento de pertencer a uma realidade em que as relações entre a sociedade e a natureza formam um todo integrado do qual ele faz parte.

16 Portanto, precisa conhecer e se sentir membro participante, afetivamente ligado, responsável e comprometido historicamente com os valores humanísticos. Portanto, precisa conhecer e se sentir membro participante, afetivamente ligado, responsável e comprometido historicamente com os valores humanísticos. O processo de socialização da criança é feito de modo a levá-la ao conhecimento de hábitos e normas de convivência social, conhecimento dos costumes e aspectos tradicionais da sua comunidade e de outras comunidades espalhadas pelo mundo (educação para a cidadania). O processo de socialização da criança é feito de modo a levá-la ao conhecimento de hábitos e normas de convivência social, conhecimento dos costumes e aspectos tradicionais da sua comunidade e de outras comunidades espalhadas pelo mundo (educação para a cidadania).

17 E possível favorecer o desenvolvimento de competências indispensáveis para o cidadão, na medida que o instrumentaliza para: E possível favorecer o desenvolvimento de competências indispensáveis para o cidadão, na medida que o instrumentaliza para: questionar sua realidade; questionar sua realidade; identificar problemas e verificar possíveis alternativas de soluções a partir do contexto sócio-histórico- cultural; identificar problemas e verificar possíveis alternativas de soluções a partir do contexto sócio-histórico- cultural;

18 valorizar o direito de cidadania dos indivíduos, dos povos, como condição para o fortalecimento da democracia, mantendo-se o respeito à individualidade; valorizar o direito de cidadania dos indivíduos, dos povos, como condição para o fortalecimento da democracia, mantendo-se o respeito à individualidade; conhecer e respeitar o modo de vida de diferentes grupos, em diversos tempos e espaços, em suas manifestações culturais, econômicas, políticas, sociais e religiosas, reconhecendo semelhanças e diferenças entre eles, conflitos e contradições sociais. conhecer e respeitar o modo de vida de diferentes grupos, em diversos tempos e espaços, em suas manifestações culturais, econômicas, políticas, sociais e religiosas, reconhecendo semelhanças e diferenças entre eles, conflitos e contradições sociais.

19 O convívio escolar é decisivo na aprendizagem de valores sociais e o ambiente escolar é o espaço de atuação mais imediato para os alunos. Assim, é preciso salientar que elementos da cultura local, sua história e seus costumes irão determinar diferenças no trabalho de cada escola, mesmo considerando que precisamos ter um olhar planetário. O convívio escolar é decisivo na aprendizagem de valores sociais e o ambiente escolar é o espaço de atuação mais imediato para os alunos. Assim, é preciso salientar que elementos da cultura local, sua história e seus costumes irão determinar diferenças no trabalho de cada escola, mesmo considerando que precisamos ter um olhar planetário.

20 É nosso papel, ajudar os alunos a construírem uma consciência global das questões relativas ao meio para que possam assumir posições e atitudes afinadas com os valores referentes a proteção do ambiente e melhoria do mesmo, atribuindo significado e contextualizando suas aprendizagens. É nosso papel, ajudar os alunos a construírem uma consciência global das questões relativas ao meio para que possam assumir posições e atitudes afinadas com os valores referentes a proteção do ambiente e melhoria do mesmo, atribuindo significado e contextualizando suas aprendizagens.

21 O professor propõe situações em que o aluno possa construir seus conhecimentos de forma significativa, envolvendo-o na observação e descrição daquilo que o cerca e em experiências nas quais possa participar das decisões sobre o que investigar e como fazê-lo. O professor propõe situações em que o aluno possa construir seus conhecimentos de forma significativa, envolvendo-o na observação e descrição daquilo que o cerca e em experiências nas quais possa participar das decisões sobre o que investigar e como fazê-lo. Através da experimentação, a criança, não apenas constrói e reconstrói conhecimentos, mas também aprende sobre a forma de atuação das Ciências, adquirindo habilidades e atitudes científicas. Através da experimentação, a criança, não apenas constrói e reconstrói conhecimentos, mas também aprende sobre a forma de atuação das Ciências, adquirindo habilidades e atitudes científicas.

22 A capacidade reflexiva do aluno é desenvolvida através de diálogos e discussões que possibilitam às crianças entenderem o seu mundo e, desta forma, atuarem no meio social, ampliando o seu universo sócio- cultural. A capacidade reflexiva do aluno é desenvolvida através de diálogos e discussões que possibilitam às crianças entenderem o seu mundo e, desta forma, atuarem no meio social, ampliando o seu universo sócio- cultural.

23 O desenvolvimento do espírito lúdico, com atividades desafiadoras, integrando mundo, pensamento e linguagem, ao mesmo tempo em que auxilia numa efetiva alfabetização dos alunos, possibilita a interação social, podendo ser realizada através de discussões em grupos, desempenho de papéis, debates em classe. O desenvolvimento do espírito lúdico, com atividades desafiadoras, integrando mundo, pensamento e linguagem, ao mesmo tempo em que auxilia numa efetiva alfabetização dos alunos, possibilita a interação social, podendo ser realizada através de discussões em grupos, desempenho de papéis, debates em classe. A abordagem metodológica nas séries iniciais do Ensino Fundamental (1ª a 5ª série) é fundamentada nas características bio-psico-sociais da criança nesta faixa etária. A abordagem metodológica nas séries iniciais do Ensino Fundamental (1ª a 5ª série) é fundamentada nas características bio-psico-sociais da criança nesta faixa etária.

24 localizar-se no tempo e no espaço, estabelecendo relações entre a sociedade e a natureza; localizar-se no tempo e no espaço, estabelecendo relações entre a sociedade e a natureza; situar-se como ser que interage no meio, tomando consciência de seu papel na sociedade; situar-se como ser que interage no meio, tomando consciência de seu papel na sociedade; observar, problematizar, investigar, formular hipóteses; observar, problematizar, investigar, formular hipóteses; buscar, comparar e organizar informações; buscar, comparar e organizar informações; identificar e buscar soluções para problemas do cotidiano; identificar e buscar soluções para problemas do cotidiano; observar as condições de vida dos seres; observar as condições de vida dos seres; O desenvolvimento da competência atuação no meio social possibilita ao aluno: O desenvolvimento da competência atuação no meio social possibilita ao aluno:

25 entrar em contato com os elementos da paisagem natural e humana e as relações que entre eles se estabelecem de forma a valorizarem o seu meio; entrar em contato com os elementos da paisagem natural e humana e as relações que entre eles se estabelecem de forma a valorizarem o seu meio; expressar a sua curiosidade natural; expressar a sua curiosidade natural; querer saber e compreender o porquê das coisas; querer saber e compreender o porquê das coisas; vivenciar novas situações que simultaneamente são ocasiões de descoberta e exploração; vivenciar novas situações que simultaneamente são ocasiões de descoberta e exploração; conhecer aspectos do ambiente natural e social; conhecer aspectos do ambiente natural e social; sensibilizar a criança para a metodologia experimental; sensibilizar a criança para a metodologia experimental; estruturar o pensamento de forma mais elaborada. estruturar o pensamento de forma mais elaborada.

26 PROFESSOR(A): Levar em conta fatores sociais, culturais e a própria história de cada aluno. Levar em conta fatores sociais, culturais e a própria história de cada aluno. Considerar a diversidade é um fator de enriquecimento, pois ao considerá-la, demonstra o princípio comprometido com o direito de todos os alunos para que possam realizar suas aprendizagens as quais são fundamentais para o seu desenvolvimento e socialização. Considerar a diversidade é um fator de enriquecimento, pois ao considerá-la, demonstra o princípio comprometido com o direito de todos os alunos para que possam realizar suas aprendizagens as quais são fundamentais para o seu desenvolvimento e socialização.

27 Criar um clima favorável para o aprendizado depende do compromisso do professor em aceitar as contribuições dos alunos assegurando a participação de todos. Criar um clima favorável para o aprendizado depende do compromisso do professor em aceitar as contribuições dos alunos assegurando a participação de todos.

28 COMPROMISSO DA ESCOLA: COMPROMISSO DA ESCOLA: Garantir o acesso aos saberes elaborados socialmente, desenvolvendo a socialização, o exercício da cidadania democrática e a sua atuação nesta sociedade, que marcam cada momento histórico. Garantir o acesso aos saberes elaborados socialmente, desenvolvendo a socialização, o exercício da cidadania democrática e a sua atuação nesta sociedade, que marcam cada momento histórico. Oportunizar um espaço de formação e informação, em que a aprendizagem de conhecimentos deve necessariamente favorecer a inserção do aluno no dia-a-dia das questões sociais marcantes e em um universo cultural maior. Oportunizar um espaço de formação e informação, em que a aprendizagem de conhecimentos deve necessariamente favorecer a inserção do aluno no dia-a-dia das questões sociais marcantes e em um universo cultural maior.

29 Criar condições para que todos os alunos desenvolvam suas capacidades e adquiram os conhecimentos para construir instrumentos de compreensão da realidade e de participação em relações sociais, políticas e culturais diversificadas e cada vez mais amplas, condições estas fundamentais para o exercício da cidadania na construção de uma sociedade democrática, sustentável e não excludente. Criar condições para que todos os alunos desenvolvam suas capacidades e adquiram os conhecimentos para construir instrumentos de compreensão da realidade e de participação em relações sociais, políticas e culturais diversificadas e cada vez mais amplas, condições estas fundamentais para o exercício da cidadania na construção de uma sociedade democrática, sustentável e não excludente.

30 Formar cidadãos capazes de atuar com competência e dignidade na sociedade, considerando fatores históricos, geográficos e ambientais cuja aprendizagem e assimilação são essenciais para que os alunos possam exercer seus direitos e deveres. Formar cidadãos capazes de atuar com competência e dignidade na sociedade, considerando fatores históricos, geográficos e ambientais cuja aprendizagem e assimilação são essenciais para que os alunos possam exercer seus direitos e deveres.

31 ALUNO: Construir consciência global das questões relativas ao meio para que possa assumir posições afinadas com os valores referentes a proteção do ambiente e melhoria do mesmo. Construir consciência global das questões relativas ao meio para que possa assumir posições afinadas com os valores referentes a proteção do ambiente e melhoria do mesmo. Atribuir significado e contextualizar o que foi aprendido. Atribuir significado e contextualizar o que foi aprendido. Explorar o meio em que vive e através desta exploração construir sua realidade, adquirindo novos conhecimentos ao mesmo tempo em que se desenvolve intelectualmente. Explorar o meio em que vive e através desta exploração construir sua realidade, adquirindo novos conhecimentos ao mesmo tempo em que se desenvolve intelectualmente.

32 A Geografia auxilia a criança no entendimento do mundo no qual vive. Tendo como fundamento o conhecimento do lugar, para que possa entender as relações que se estabelecem entre os seres, bem como, as estruturas em determinado tempo e espaço. A Geografia auxilia a criança no entendimento do mundo no qual vive. Tendo como fundamento o conhecimento do lugar, para que possa entender as relações que se estabelecem entre os seres, bem como, as estruturas em determinado tempo e espaço.

33 A escrita é uma das formas de expressar e defender a cultura, na qual está envolvida. A escrita é uma das formas de expressar e defender a cultura, na qual está envolvida. É um meio de enriquecer o processo de alfabetização porque é no espaço geográfico que as crianças tem as múltiplas possibilidades da realidade. É nele que a vida se faz. É um meio de enriquecer o processo de alfabetização porque é no espaço geográfico que as crianças tem as múltiplas possibilidades da realidade. É nele que a vida se faz. É onde buscam e encontram os símbolos e os seus significados. É onde buscam e encontram os símbolos e os seus significados. Significa, então, valorizar atitudes ativas do sujeito como construtor de sua história. Significa, então, valorizar atitudes ativas do sujeito como construtor de sua história.

34 Está inclusa, também, a importância de conhecer e reconhecer algumas semelhanças e diferenças no modo de viver dos indivíduos e dos grupos sociais que pertencem ao seu próprio tempo e ao seu espaço. Está inclusa, também, a importância de conhecer e reconhecer algumas semelhanças e diferenças no modo de viver dos indivíduos e dos grupos sociais que pertencem ao seu próprio tempo e ao seu espaço. O fato de reconhecer a presença de alguns elementos do passado no presente, projetando a sua realidade em uma dimensão histórica, identificando a participação de diferentes sujeitos, obras e acontecimentos, de outros tempos, na dinâmica da vida atual, isso já é atuação no meio social. O fato de reconhecer a presença de alguns elementos do passado no presente, projetando a sua realidade em uma dimensão histórica, identificando a participação de diferentes sujeitos, obras e acontecimentos, de outros tempos, na dinâmica da vida atual, isso já é atuação no meio social.

35 Para trabalhar :meio ambiente, é necessário levar em conta o contexto social, econômico, cultural e ambiental no qual se insere a escola. Para trabalhar :meio ambiente, é necessário levar em conta o contexto social, econômico, cultural e ambiental no qual se insere a escola. O convívio escolar é decisivo na aprendizagem de valores sociais e o ambiente escolar é o espaço de atuação mais imediato para os alunos. O convívio escolar é decisivo na aprendizagem de valores sociais e o ambiente escolar é o espaço de atuação mais imediato para os alunos.

36 Através de experimentação, a criança, não apenas adquire conhecimentos, mas também aprende sobre a forma de atuação da Ciências, adquirindo habilidades e atitudes científicas, possibilitando o desenvolvimento de sua capacidade de pensar e agir racionalmente. Através de experimentação, a criança, não apenas adquire conhecimentos, mas também aprende sobre a forma de atuação da Ciências, adquirindo habilidades e atitudes científicas, possibilitando o desenvolvimento de sua capacidade de pensar e agir racionalmente.

37 O ensino de Ciências deve conseguir envolver a capacidade reflexiva dos alunos, promovendo diálogos e discussões constantes e auxiliar as crianças a entender o seu mundo. Ampliá-lo faz parte deste entendimento a descrição do mundo, sua compreensão efetiva e crítica, sendo sujeito de construção e transformação de sua realidade. O ensino de Ciências deve conseguir envolver a capacidade reflexiva dos alunos, promovendo diálogos e discussões constantes e auxiliar as crianças a entender o seu mundo. Ampliá-lo faz parte deste entendimento a descrição do mundo, sua compreensão efetiva e crítica, sendo sujeito de construção e transformação de sua realidade.

38 O ensino de Ciências nas Séries Iniciais deve procurar conservar o espírito lúdico, com atividades desafiadoras, integrando mundo, pensamento e linguagem; ao mesmo tempo em que auxilia numa efetiva alfabetização dos alunos, o professor, precisa cuidar da interação social, podendo ser realizada através de discussões em grupos, desempenho de papéis, debates em classe, ganhando suporte também através da Educação para o Pensar. O ensino de Ciências nas Séries Iniciais deve procurar conservar o espírito lúdico, com atividades desafiadoras, integrando mundo, pensamento e linguagem; ao mesmo tempo em que auxilia numa efetiva alfabetização dos alunos, o professor, precisa cuidar da interação social, podendo ser realizada através de discussões em grupos, desempenho de papéis, debates em classe, ganhando suporte também através da Educação para o Pensar.

39 O aspecto central desta metodologia é a realização do diálogo investigativo que transforma os grupos de educandos em pequenas comunidades de investigação. Nelas, os participantes expõem suas idéias, escutam-se uns aos outros, questionam-se mutuamente, comparam seus pontos de vista, complementando-os e, eventualmente, corrigindo-os. Trata-se de um verdadeiro processo de co- operação intelectual, afetiva e criativa. O aspecto central desta metodologia é a realização do diálogo investigativo que transforma os grupos de educandos em pequenas comunidades de investigação. Nelas, os participantes expõem suas idéias, escutam-se uns aos outros, questionam-se mutuamente, comparam seus pontos de vista, complementando-os e, eventualmente, corrigindo-os. Trata-se de um verdadeiro processo de co- operação intelectual, afetiva e criativa.

40 As interações sócio-lingüísticas que aí ocorrem, devidamente observadas, cuidadas e orientadas por educadores preparados, são promotoras do desenvolvimento das condições cognitivas: um verdadeiro processo de Educação para o Pensar. As interações sócio-lingüísticas que aí ocorrem, devidamente observadas, cuidadas e orientadas por educadores preparados, são promotoras do desenvolvimento das condições cognitivas: um verdadeiro processo de Educação para o Pensar.

41 A participação produtiva numa pequena comunidade de investigação exige comportamentos e atitudes de cooperação, respeito mútuo, interesse por objetivos comuns, avaliação crítica, que são, dentre outros, elementos importantes para o exercício democrático na sociedade. A ocupação dos espaços da cidadania requer das pessoas tais comportamentos e atitudes que podem decorrer ou ser reforçados quando se aprende desde cedo: A participação produtiva numa pequena comunidade de investigação exige comportamentos e atitudes de cooperação, respeito mútuo, interesse por objetivos comuns, avaliação crítica, que são, dentre outros, elementos importantes para o exercício democrático na sociedade. A ocupação dos espaços da cidadania requer das pessoas tais comportamentos e atitudes que podem decorrer ou ser reforçados quando se aprende desde cedo:

42 a respeitar os pontos de vista dos outros; a respeitar os pontos de vista dos outros; que o próprio ponto de vista tem o mesmo valor e peso dos outros; que o próprio ponto de vista tem o mesmo valor e peso dos outros; a respeitar a vez dos outros e a exigir respeito pela própria vez; a respeitar a vez dos outros e a exigir respeito pela própria vez; a respeitar regras combinadas; a respeitar regras combinadas; que as regras podem ser discutidas e modificadas, mas que são necessárias para a vida em comum; que as regras podem ser discutidas e modificadas, mas que são necessárias para a vida em comum; que todos somos iguais; que todos somos iguais; que todos somos igualmente dignos de respeito; que todos somos igualmente dignos de respeito; etc... etc...

43 Considerando que saber pensar, diante de tantas informações que circulam neste mundo, quando precisamos educar nossas crianças e nossos jovens para o inusitado é preciso estar atento e aberto às necessidades do tempo atual, ser empreendedor para uma atuação no meio social com autonomia e excelência. Considerando que saber pensar, diante de tantas informações que circulam neste mundo, quando precisamos educar nossas crianças e nossos jovens para o inusitado é preciso estar atento e aberto às necessidades do tempo atual, ser empreendedor para uma atuação no meio social com autonomia e excelência.

44 REFERENCIAS BIBLIOGRAFICAS Coll, César e Martín, Elena- Aprender Conteúdos e Desenvolver Capacidades- Porto Alegre- ArtMed Editora, Coll, César e Martín, Elena- Aprender Conteúdos e Desenvolver Capacidades- Porto Alegre- ArtMed Editora, Lipman, Matthew- A Filosofia na sala de aula – São Paulo – Nova Alexandria,1994 Lipman, Matthew- A Filosofia na sala de aula – São Paulo – Nova Alexandria,1994 Ministério da Educação- Ensino Fundamental de Nove anos: orientações para a inclusão da criança de seis anos de idade – Brasília: FNDE, Estação Gráfica, Ministério da Educação- Ensino Fundamental de Nove anos: orientações para a inclusão da criança de seis anos de idade – Brasília: FNDE, Estação Gráfica, Moraes, Roque- Ciências para as series iniciais e alfabetização – Porto Alegre- Sagra,: DC Luzzatto, Moraes, Roque- Ciências para as series iniciais e alfabetização – Porto Alegre- Sagra,: DC Luzzatto, Papalia, Diane E. – Desenvolvimento Humano- Porto Alegre: Artes Medicas, 2000 Papalia, Diane E. – Desenvolvimento Humano- Porto Alegre: Artes Medicas, 2000 Secretaria de Educação Fundamental - Parâmetros Curriculares Nacionais:introdução aos parâmetros curriculares nacionais/ vol.:01- Rio de Janeiro: DP&A,2000. Secretaria de Educação Fundamental - Parâmetros Curriculares Nacionais:introdução aos parâmetros curriculares nacionais/ vol.:01- Rio de Janeiro: DP&A,2000. Secretaria de Educação Fundamental - Parâmetros Curriculares Nacionais: ciências naturais / vol.:04- Rio de Janeiro: DP&A,2000. Secretaria de Educação Fundamental - Parâmetros Curriculares Nacionais: ciências naturais / vol.:04- Rio de Janeiro: DP&A,2000. Secretaria de Educação Fundamental - Parâmetros Curriculares Nacionais: historia e geografia / vol.:05- Rio de Janeiro: DP&A,2000. Secretaria de Educação Fundamental - Parâmetros Curriculares Nacionais: historia e geografia / vol.:05- Rio de Janeiro: DP&A,2000. Secretaria de Educação Fundamental - Parâmetros Curriculares Nacionais:apresentação dos temas transversais e ética / vol.:08- Rio de Janeiro: DP&A,2000. Secretaria de Educação Fundamental - Parâmetros Curriculares Nacionais:apresentação dos temas transversais e ética / vol.:08- Rio de Janeiro: DP&A,2000. Secretaria de Educação Fundamental -Parâmetros Curriculares Nacionais:meio ambiente e saúde / vol.:09- Rio de Janeiro: DP&A,2000. Secretaria de Educação Fundamental -Parâmetros Curriculares Nacionais:meio ambiente e saúde / vol.:09- Rio de Janeiro: DP&A,2000. Secretaria de Educação Fundamental - Parâmetros Curriculares Nacionais:pluralidade cultural: orientação sexual / vol.:10- Rio de Janeiro: DP&A,2000. Secretaria de Educação Fundamental - Parâmetros Curriculares Nacionais:pluralidade cultural: orientação sexual / vol.:10- Rio de Janeiro: DP&A,2000. Straforini, Rafael- Ensinar Geografia: o desafio da totalidade-mundo nas séries iniciais- São Paulo: Annablume,2004. Straforini, Rafael- Ensinar Geografia: o desafio da totalidade-mundo nas séries iniciais- São Paulo: Annablume,2004.


Carregar ppt "Atuação no meio social. Incluem-se neste eixo aspectos relativos a diferentes domínios do conhecimento humano: Ciências, História,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google