A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Modelos de convecção mantélica. Trabalho realizado por: Trabalho realizado por: Diogo Santos 12ºB Diogo Santos 12ºB.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Modelos de convecção mantélica. Trabalho realizado por: Trabalho realizado por: Diogo Santos 12ºB Diogo Santos 12ºB."— Transcrição da apresentação:

1 Modelos de convecção mantélica

2 Trabalho realizado por: Trabalho realizado por: Diogo Santos 12ºB Diogo Santos 12ºB

3 Surgimento dos modelos A teoria da tectónica de placas defendia a ideia que os continentes se deslocavam. A teoria da tectónica de placas defendia a ideia que os continentes se deslocavam. Os continentes encontravam se inseridos em placas tectónicas que apresentavam movimentos entre si. Os continentes encontravam se inseridos em placas tectónicas que apresentavam movimentos entre si.

4 Esta teoria foi apoiada por dados sísmicos, vulcânicos, paleomagnéticos. Esta teoria foi apoiada por dados sísmicos, vulcânicos, paleomagnéticos. Teoria teve a necessidade de explicar qual o mecanismo que fazia movimentar essas placas. Teoria teve a necessidade de explicar qual o mecanismo que fazia movimentar essas placas. Surgiu assim a tentativa de explicar esses movimentos originando o aparecimento de vários modelos explicativos. Surgiu assim a tentativa de explicar esses movimentos originando o aparecimento de vários modelos explicativos.

5 Primeiras ideias de convecção Em 1928, Arthur Holmes sugeriu o mecanismo de convecção térmica ao nível do manto poderia ser o motor da deriva continental. Em 1928, Arthur Holmes sugeriu o mecanismo de convecção térmica ao nível do manto poderia ser o motor da deriva continental.

6 2.descendente 1.ascendente Convecção mantélica organizada em células. 1.Ramo ascendente - existia a libertação de calor por subida de material de origem profunda (elevadas temperaturas). 2.Ramo descendente - ocorria a destruição de material litosférico. O material de origem profunda sobe devido às suas altas temperaturas diminuindo de densidade. O material litosférico como se encontrava a superfície a temperaturas baixas, desce devido a sua grande densidade.

7 Novos modelos Actualmente e consensual o mecanismo de convecção no manto terrestre. Actualmente e consensual o mecanismo de convecção no manto terrestre. Mas a explicação da sua dinâmica convectiva é muito complexa. Mas a explicação da sua dinâmica convectiva é muito complexa. Devido ao grande desenvolvimento tecnológicos surgiram muitos modelos a explicar essa dinâmica. Devido ao grande desenvolvimento tecnológicos surgiram muitos modelos a explicar essa dinâmica.

8 Modelos explicativos da convecção circulação convectiva a dois níveis circulação convectiva num só nível Convecção penetrativo

9

10 Modelo de circulação convectiva num só nível Admite movimentos convectivos só no manto inferior. Admite movimentos convectivos só no manto inferior. Pontos quentes originam-se no limite manto núcleo devido a subducção e posterior fusão da placa. Pontos quentes originam-se no limite manto núcleo devido a subducção e posterior fusão da placa. As dorsais não se encontram verticalmente sobre o ramo ascendente.

11 Modelo de circulação convectiva a dois níveis Apresenta movimentos convectivos no manto superior e no inferior. Apresenta movimentos convectivos no manto superior e no inferior. Movimentos separados em dois níveis diferentes. Movimentos separados em dois níveis diferentes. As dorsais encontram-se verticalmente sobre o ramo ascendente. Pontos quentes originam se em ambos os níveis.

12 Modelo de convecção penetrativo Os movimentos convectivos ocorrem no manto inferior mas a colisão de placas provoca alguns movimentos no manto superior. Os movimentos convectivos ocorrem no manto inferior mas a colisão de placas provoca alguns movimentos no manto superior. A placa que subducta penetra no manto inferior, fundido neste devido às altas temperaturas aparecendo então um ponto quente. Os pontos quentes também se podem originar no manto superior. A placa que subducta penetra no manto inferior, fundido neste devido às altas temperaturas aparecendo então um ponto quente. Os pontos quentes também se podem originar no manto superior. As dorsais não se encontram verticalmente sobre o ramo ascendente.

13 Novas descobertas Estes são os modelos convectivos da actualidade, mas com o progresso tecnológico e cientifico puderam aparecer novos modelos, projectos ou teorias…. Estes são os modelos convectivos da actualidade, mas com o progresso tecnológico e cientifico puderam aparecer novos modelos, projectos ou teorias….

14 Bibliografia Félix, J., Sengo, I., Chaves, R. (2006) Geologia. Porto Editora Félix, J., Sengo, I., Chaves, R. (2006) Geologia. Porto Editora


Carregar ppt "Modelos de convecção mantélica. Trabalho realizado por: Trabalho realizado por: Diogo Santos 12ºB Diogo Santos 12ºB."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google