A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FERIMENTOS-CHOQUE- Enfª Débora Garcia 1. Classificação Ferimentos SuperficiaisProfundos Músculos e Ossos 2.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FERIMENTOS-CHOQUE- Enfª Débora Garcia 1. Classificação Ferimentos SuperficiaisProfundos Músculos e Ossos 2."— Transcrição da apresentação:

1 FERIMENTOS-CHOQUE- Enfª Débora Garcia 1

2 Classificação Ferimentos SuperficiaisProfundos Músculos e Ossos 2

3 Ferimentos Superficiais Contusão (batidas): sem abrir a pele, quando muito violenta fica roxo, inchado e dolorido. 3

4 Ferimentos Superficiais Escoriações (arranhões): quando raspamos a pele. 4

5 Feridas Profundas 5

6 6

7 Hemorragia É a perda de sangue por rompimento de veias ou artérias, provocado por cortes, amputações, esmagamentos, fraturas, feridas, etc...visível ou não. TIPOS: Hemorragia Externa Hemorragia Interna 7

8 Hemorragia Externa É a perda visível de sangue por alguma lesão traumática ou não. Sangramento Venoso SangramentoArterial 8

9 Compressão Direta Comprimir exatamente na lesão (onde esta sangrando). 9

10 Elevar Membro Compressão indireta Comprimir aproximadamente onde passa a artéria que irriga o membro. Compressão Direta Compressão indireta 10

11 Amputações 11

12 Hemorragia Interna Sangramento não visível, muitas vezes evidenciado por marcas, lesões,...e por sinais e sintomas. 12

13 Objetos Empalados 13

14 Nunca retirar o objeto! 14

15 15

16 16

17 Sinais e Sintomas-Hemorragia CHOQUE HIPOVOLÊMICO Imediatas: PA normal; Taquicardia; Pele fria e úmida; Pele opaca; Palidez. Estágio compensatório 17

18 Tardias: Cianose (pele roxa); PA baixa; Suor aumentado; Sede; Náuseas e vômitos; Tonturas; Respiração rápida; Alteração da consciência. ESTADO DE CHOQUE Estágio Progressivo 18

19 Irreversível: Olhos opacos; Midríase; Respiração superficial e irregular; Perda total da consciência. MORTE 19

20 Classificação CHOQUE Classe I: Perda de até 15% do vol. sangüíneo (até 750ml) Classe II: Perda de 15% a 30% do vol. sangüíneo (750 a 1.500ml) Classe III: Perda de 30% a 40% do vol. sangüíneo (1.500 a 2.000ml) Classe IV: Mais de 40% do vol. sangüíneo (mais de 2.000ml) 20

21 Perdas associadas a Fraturas Costela125ml Rádio e Ulna ml Úmero500 – 750ml Tíbia e Fíbula500 – 1000ml Fêmur1.000 – 2.000ml Bacia1.000 – 2.000ml Tórax e Abdomen Mais 2.000ml Nunca associar CHOQUE HEMORRÁGICO com TCE!!! 21

22 Reposição Volêmica 2 Acessos venosos Calibrosos Solução Cristalóide Isotônica (RINGER): Melhor escolha Solução Salina (SF 0,9%): Alternativa aceitável – risco acidose Soro Glicosado: NEM PENSAR!!! 22

23 Reposição Volêmica Nas primeiras horas: ADULTO: 2 Litros CRIANÇA:20ML/KG 1ml de sangue perdido >>> 3ml solução >> 3ml solução <<< 23

24 Reposição Volêmica SANGUE É INSUBSTITUIVEL!!! 24

25 Maior causa de mortes evitáveis no trauma no trauma 25

26 26


Carregar ppt "FERIMENTOS-CHOQUE- Enfª Débora Garcia 1. Classificação Ferimentos SuperficiaisProfundos Músculos e Ossos 2."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google