A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Companhia Vale do Rio Doce Rio de Janeiro 7 de março de 2006 Rio de Janeiro 7 de março de 2006 Um líder global brasileiro Crescendo e criando valor para.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Companhia Vale do Rio Doce Rio de Janeiro 7 de março de 2006 Rio de Janeiro 7 de março de 2006 Um líder global brasileiro Crescendo e criando valor para."— Transcrição da apresentação:

1 1 Companhia Vale do Rio Doce Rio de Janeiro 7 de março de 2006 Rio de Janeiro 7 de março de 2006 Um líder global brasileiro Crescendo e criando valor para o Brasil

2 2 Agenda nA trajetória de crescimento nOs efeitos econômicos e sociais nPlanejando o futuro nA trajetória de crescimento nOs efeitos econômicos e sociais nPlanejando o futuro

3 3 A trajetória de crescimento

4 4 Em 2005, a Vale alcançou vários recordes de vendas concentrado de cobre: 398 mil toneladas minério de ferro e pelotas: 252,2 milhões de toneladas transporte de carga geral para clientes ferrovias: 28,4 bilhões de tku portos: 30,5 milhões de toneladas produtos da cadeia de alumínio bauxita: 5,6 milhões de toneladas alumina: 1,7 milhão de toneladas alumínio primário: 498 mil toneladas

5 5 As vendas de minério de ferro e pelotas da Vale apresentam crescimento médio de 12% aa milhões de toneladas recorde CAGR = 12,1%

6 6 A Vale transportando a produção brasileira: 129,1 bilhões de tkus de carga geral para clientes em quatro anos bilhões de tku recorde CAGR = 7,6%

7 7 A Vale foi responsável por 67% dos investimentos realizados pelas concessionárias ferroviárias do Brasil entre 2001 e 2005 R$ milhões * Vale: investimento realizado em 2005 / total Brasil: investimento estimado em 2005 Fontes: Agência Nacional de Transportes Terrestres – ANTT e Associação Nacional dos Transportadores Ferroviários - ANTF * Vale: investimento realizado em 2005 / total Brasil: investimento estimado em 2005 Fontes: Agência Nacional de Transportes Terrestres – ANTT e Associação Nacional dos Transportadores Ferroviários - ANTF

8 8 Maior segurança nas nossas ferrovias Ocorrências por milhões de trens km

9 9 A Vale está entrando em novos mercados nCobre > Sossego produziu 107 mil toneladas de cobre em concentrado em 2005, contra 73 mil toneladas em 2004 > Aprovado o segundo projeto de cobre da Vale: 118 nCarvão > Joint venture na China entrou em operação no 4T05 > Chegada ao Brasil da primeira carga de carvão antractito > Concessão para a exploração dos depósitos de Moatize em Moçambique e Belvedere na Austrália nNíquel > Aprovado o primeiro projeto de níquel da Vale: Vermelho > Aquisição da Canico e desenvolvimento do projeto Onça Puma nCobre > Sossego produziu 107 mil toneladas de cobre em concentrado em 2005, contra 73 mil toneladas em 2004 > Aprovado o segundo projeto de cobre da Vale: 118 nCarvão > Joint venture na China entrou em operação no 4T05 > Chegada ao Brasil da primeira carga de carvão antractito > Concessão para a exploração dos depósitos de Moatize em Moçambique e Belvedere na Austrália nNíquel > Aprovado o primeiro projeto de níquel da Vale: Vermelho > Aquisição da Canico e desenvolvimento do projeto Onça Puma

10 10 A Vale manteve sua trajetória de excelente desempenho financeiro, apresentando novos recordes R$ bilhões 22% 36% 62%

11 11 A evolução da receita demonstra mudança de patamar na dimensão da Vale receita bruta R$ bilhões CAGR = 31,3% recorde

12 12 A geração de caixa da Vale, medida pelo EBITDA, também é recorde CAGR = 34,5% EBITDA R$ bilhões recorde

13 13 O lucro líquido de 2005 é o maior da história da Vale CAGR = 37,3% lucro líquido R$ bilhões recorde

14 14 Vale: primeira empresa brasileira a obter grau de investimento nÚnica empresa brasileira a obter grau de investimento por três grandes agências de rating: nStandard & PoorsBBB nMoodysBaa3 nDBRSBBB Low nEmisssão de bônus de US$ 1 bilhão CVRD 2016 a juros de 6,25% a.a. nCupom 275 pb abaixo do CVRD 2013 nMais baixo custo por um emissor brasileiro nÚnica empresa brasileira a obter grau de investimento por três grandes agências de rating: nStandard & PoorsBBB nMoodysBaa3 nDBRSBBB Low nEmisssão de bônus de US$ 1 bilhão CVRD 2016 a juros de 6,25% a.a. nCupom 275 pb abaixo do CVRD 2013 nMais baixo custo por um emissor brasileiro Custo mais baixo para investir e criar empregos no Brasil

15 15 Superando os US$ 50 bilhões O valor de mercado da Vale quintuplicou no período /01/06, recorde histórico US$ 56,9 bilhões

16 16 A Vale está constantemente criando valor para seus acionistas nPagamento de dividendos no valor de US$ 4,4 bilhões entre 2001 e 2005 nDividend yield médio nos últimos cinco anos foi de 5,3% nDividendo mínimo de US$ 1,3 bilhão em 2006 nRetorno total para o acionista, 41,7% ao ano entre 2001 e 2005

17 17 Os efeitos econômicos e sociais

18 18 A Vale é a empresa que mais contribui para o superávit comercial do Brasil US$ bilhões superávit comercial do Brasil exportações – importações da Vale 14,1% do superávit comercial

19 19 A participação do minério de ferro na pauta de exportação dos principais estados de atuação da Vale também teve aumento significativo Fonte: Secretaria de Comércio Exterior (SECEX)

20 20 A Vale possuía quase empregados no final de

21 21 Responsabilidade social: investimentos em educação, desenvolvimento comunitário e inclusão social investimentos em ações sociais em 2005 R$ 172,1 milhões investimentos em ações sociais em 2005 R$ 172,1 milhões

22 22 Responsabilidade social: investimentos em meio ambiente dispêndios ambientais realizados em 2005 R$ 147,0 milhões dispêndios ambientais realizados em 2005 R$ 147,0 milhões

23 23 Planejando o futuro

24 24 O desempenho foi resultante de disciplina na alocação do capital e esforço de investimento. A Vale é a empresa privada que mais investe no Brasil investimentos R$ 28,4 bilhões US$ 10,5 bilhões

25 25 Logística R$ milhões Logística R$ milhões Ferrosos R$ milhões Ferrosos R$ milhões Alumínio R$ milhões Alumínio R$ milhões Não Ferrosos R$ milhões Não Ferrosos R$ milhões Outros R$ milhões Outros R$ milhões Carvão R$ 316 milhões Carvão R$ 316 milhões por área de negócio A CVRD vai investir R$ 11,8 bilhões em 2006 (US$ 4,6 bilhões) Manutenção R$ milhões P&D R$ milhão Projetos R$ milhões por tipo

26 26 Os investimentos da CVRD em 2006 superarão R$ 1 bilhão em quatro estados brasileiros n PA4.349 n MA1.341 n MG3.675 n ES1.085 n RJ557 n PA4.349 n MA1.341 n MG3.675 n ES1.085 n RJ557 R$ milhões n Outros estados 204 n Exterior 586 n Outros estados 204 n Exterior 586

27 CVRD – Um líder global brasileiro


Carregar ppt "1 Companhia Vale do Rio Doce Rio de Janeiro 7 de março de 2006 Rio de Janeiro 7 de março de 2006 Um líder global brasileiro Crescendo e criando valor para."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google