A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Acne Vulgar Alessandro Borges Alla. Introdução Acne é uma afecção que atinge o conjunto pilossebáceo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Acne Vulgar Alessandro Borges Alla. Introdução Acne é uma afecção que atinge o conjunto pilossebáceo."— Transcrição da apresentação:

1 Acne Vulgar Alessandro Borges Alla

2 Introdução Acne é uma afecção que atinge o conjunto pilossebáceo

3 Introdução Ocorre principalmente nas áreas sebáceas mais ativas: –na face

4 Introdução Ocorre principalmente nas áreas sebáceas mais ativas: –na face –tórax anterior –dorso

5 Tipos de Acne Vulgar Rosácea Ocupacional Hormonal Cosmética Medicamentosa

6 Tipos de Acne Vulgar Rosácea Ocupacional Hormonal Cosmética Medicamentosa

7 Acne vulgar ou juvenil Epidemiologia: –Prevalência: 60 a 80% dos adolescentes –Idade: 14 a 20 anos

8 Acne vulgar ou juvenil Epidemiologia: –Prevalência: 60 a 80% dos adolescentes –Idade: 14 a 20 anos –Sexo:

9 Etiologia 1)Genética 2)Hormonal 3)Infecciosa

10 Etiologia 1)Genética 2)Hormonal 3)Infecciosa Predisposição familial normalmente vista

11 Etiologia enética 1)Genética 2)Hormonal 3)Infecciosa Andrógenos: produção de sebo Comum na puberdade Varia na mulher com a menstruação

12 Etiologia enética 1)Genética 2)Hormonal 3)Infecciosa Causa x Conseqüência

13 Etiologia Chocolates. doces ou alimentos gordurosas não causam ACNE

14 Fisiopatologia 1)Hipersecreção de sebo 2)Hipercornificação ductal 3)Inflamação 4)Infecção

15 Fisiopatologia 1)Hipersecreção de sebo 2)Hipercornificação ductal 3)Inflamação 4)Infecção Aumento da produção de hormônio Aumento do número de receptores

16 Fisiopatologia 1)Hipersecreção de sebo 2)Hipercornificação ductal 3)Inflamação 4)Infecção Atividade hormonal Irritação local pelos lipídeos

17 Fisiopatologia 1)Hipersecreção de sebo 2)Hipercornificação ductal 3)Inflamação 4)Infecção Ação mecânica Ação mecânica Resposta a bactérias Resposta a bactérias

18 Fisiopatologia 1)Hipersecreção de sebo 2)Hipercornificação ductal 3)Inflamação 4)Infecção Propionybacterium acnes Propionibacterium avidum Propionibacterium granulosum Staphylococcus epidermides Malassezia furfur (Pityrosporum)

19 Fisiopatologia

20 Classificação Grau I: Acne Comedônica Grau II: Acne Pápulo-Pustulosa Grau III: Acne Nódulo-Cística Grau IV: Acne Conglobata Grau V: Acne Fulminanss

21 Classificação Grau 1: Acne Comedônica -Presença de comedões; -Microcomedão -Comedão fechado (cravo branco) -Comedão aberto (cravo preto)

22 Classificação Grau 1: Acne Comedônica -Presença de comedões; -Microcomedão -Comedão fechado (cravo branco) -Comedão aberto (cravo preto)

23 Classificação Grau 1: Acne Comedônica -Presença de comedões; -Microcomedão -Comedão fechado (cravo branco) -Comedão aberto (cravo preto)

24 Classificação Grau 1: Acne Comedônica -Presença de comedões; -Microcomedão -Comedão fechado (cravo branco) -Comedão aberto (cravo preto)

25 Classificação Grau 2: Acne Pápulo-pustulosa -Comedões -Pápulas eritematosas -Pústulas

26 Classificação Grau 3: Acne Nódulo-Cística -Além de comedões, pápulas e pústulas: -Inflamação do folículo intensa e profunda -Cistos (nódulos furunculóides)

27 Classificação Grau 3: Acne Nódulo-Cística -Além de comedões, pápulas e pústulas: -Inflamação do folículo intensa e profunda -Cistos (nódulos furunculóides)

28 Classificação Grau 4: Acne Conglobata -Forma grave: -Grandes nódulos -Abcessos -Fistulização

29 Classificação Grau 4: Acne Conglobata -Forma grave: -Grandes nódulos -Abcessos -Fistulização

30 Classificação Grau 5: Acne Fulminans -Forma grave e rara, que além dos outros sintomas: -Febre -Leucocitose -Artralgia

31 Tratamento Evolução: - 1o. Período - 2o. Período - 3o. Período

32 Tratamento Evolução: - 1o. Período - terapia tópica desengordurantes esfoliantes - não havia antibiótico

33 Tratamento Evolução: - 2o. Período - antibióticos - controle da doença - não havia cura

34 Tratamento Evolução: - 3o. Período - terapia atual : isotretinoína

35 Tratamento Medidas gerais: - Higiene - Dieta - Medicação - Barbear - Stress - Exercício

36 Tratamento Farmacológico: - Isotretinoína - Tretinoína - Antibióticos - Contraceptivo - Anti-androgenios - Corticóides - Ácido salicilico

37 Tratamento Farmacológico: - Isotretinoína -segura -teratogênica -bons resultados -diminui o período de doença e complicações

38 Tratamento Farmacológico: - Isotretinoína - Via oral - diminui a produção de queratina - diminui produção de sebo -bactericida -diminui a inflamação

39 Tratamento Farmacológico: - tretinoína - tópico - casos leves e moderados - ceratolítico

40 Tratamento Farmacológico: - Antibióticos - tópico ou sistêmico - peróxido de benzoíla (tópico) - outros: eritromicina, tetraciclina, clindamicina

41 Tratamento Farmacológico: - Contraceptivo -diminui a produção de androgênios - Uso com a isotretinoina

42 Tratamento Farmacológico: - Anti-androgenios -diminui a produção de androgenio e consequente produção de sebo

43 Tratamento Farmacológico: -Corticóide -em baixas doses diminui a produção de androgenios

44 Tratamento Farmacológico: -Ácido Salicílico -tópico; -ceratolítico -efeitos adversos: sequidao e irritaçãp

45 Tratamento Farmacológico:


Carregar ppt "Acne Vulgar Alessandro Borges Alla. Introdução Acne é uma afecção que atinge o conjunto pilossebáceo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google